Topo
pesquisar

Zinco

Química

PUBLICIDADE

O Zinco é retirado do minério Sulfeto de Zinco, é um metal branco que perde o brilho rapidamente, possui coloração cinza-azulada. Seu preparo é feito por aquecimento para formar o óxido e em seguida reduzido por fusão com o carbono. O processo de purificação é por destilação.

Esse metal possui uma importante propriedade: ele não sofre corrosão, porque ao entrar em contato com o ar umedecido produz uma película protetora à base de hidrocarbonato. Além disso, é muito maleável entre 100 e 150°C, o que permite que ele seja laminado em chapas e estirado em fios.

Veja algumas utilizações do Zinco:

- O zinco é utilizado para fabricar baterias secas, no processo de galvanização do aço e no preparo de ligas, como o latão, por exemplo;

- O óxido de zinco tem um papel essencial na medicina, é um micronutriente presente em alguns alimentos e colabora para a diminuição de resfriados, gripes e outras doenças comuns do inverno, porque atua no sistema imunológico. Além disso, o zinco colabora com funções importantes no nosso organismo como reprodução, participa de algumas reações químicas, entre outras funções.

O nosso organismo não produz zinco, ele depende de fontes externas para seu suprimento. O zinco exerce benefícios sobre vários hormônios, é um mineral essencial, necessário a todas as células do corpo, incluindo os hormônios sexuais e tireoidianos. Ele demonstra ser promissor no aumento da fertilidade tanto nas mulheres quanto nos homens.
É importante consumir algumas fontes deste mineral todos os dias, e são elas: carnes, sendo que a vermelha tem maior quantidade de zinco, sementes, cereais integrais, oleaginosas (castanha-do-pará, castanha do caju, nozes, amêndoas), leguminosas (feijão, grão de bico, ervilha), são alimentos ricos em zinco e importantíssimos para a nossa alimentação.

Por Líria Alves
Graduada em Química

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves de. "Zinco"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/quimica/zinco.htm>. Acesso em 03 de dezembro de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA