Topo
pesquisar

Número atômico

Química

O número atômico é utilizado para determinar a quantidade de prótons e elétrons de um átomo e permite identificar um elemento químico.
A letra Z é utilizada para representar o número atômico
A letra Z é utilizada para representar o número atômico
PUBLICIDADE

Número atômico é o código matemático utilizado como registro de identidade de cada elemento químico existente, ou seja, é o numeral que identifica um átomo como um elemento específico. Convencionou-se a letra Z maiúscula para representar esse número em qualquer situação (texto, exercício, etc).

Quando representamos o átomo de um elemento químico, seu número atômico é escrito sempre do lado esquerdo, na região inferior, como podemos observar no exemplo geral abaixo:

ZX

Na tabela periódica, a identificação do número atômico pode ser feita facilmente por ele ser o menor número presente no quadrado do elemento, já que o outro número (maior) refere-se à massa atômica do elemento.


Menor número presente no quadrado indica o número atômico do elemento

Outra importância do número atômico é que, em 1913, Moseley organizou a tabela periódica por ordem crescente desse número. Assim, é possível verificar que apenas o número atômico aumenta de forma inteira e consecutiva na tabela.


A identificação do número atômico na tabela periódica utiliza a sequência de números inteiros e consecutivos

Ter acesso ao número atômico em texto, exercício ou diretamente na tabela possibilita-nos saber diversas informações fundamentais sobre o átomo de um elemento, como:

  • Número de prótons no interior do núcleo;
  • Número de elétrons presentes na eletrosfera;
  • Conhecendo o número de elétrons do átomo, podemos realizar a sua distribuição eletrônica e, consequentemente, saber seus subníveis mais energéticos e mais externos;
  • Determinar o número de nêutrons no interior do núcleo do átomo, se também conhecermos o número de massa do átomo, que pode ser obtido pela expressão abaixo:

A = Z + n

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

ou

n = A – Z

Essa fórmula também pode ser utilizada para determinar o número atômico, porém, para isso, devemos conhecer o número de massa e o número de nêutrons.

Exemplo da utilização do número atômico de um elemento químico:

Elemento: ouro (Au)


Destaques das informações do ouro na tabela periódica

Entre as informações desse elemento presentes na tabela, estão os valores 79 e 196,97. Portanto, o número atômico do ouro é 79. A partir de seu número atômico, sabemos que o elemento:

  • Possui 79 prótons no núcleo;
  • Possui 79 elétrons nas eletrosferas.

Com os 79 elétrons, o ouro apresenta a seguinte distribuição eletrônica:


Distribuição eletrônica do ouro

Assim, podemos determinar que:

  • O 5d9 é o subnível mais energético;

  • O 6s2 é o subnível mais externo.

     

Por Me. Diogo Lopes

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DIAS, Diogo Lopes. "Número atômico"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/numero-atomico.htm. Acesso em 19 de agosto de 2019.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

Um determinado elemento químico originou um cátion metálico bivalente, que apresentava 36 elétrons e 58 nêutrons. A partir dessas informações, marque a alternativa que apresenta o número atômico e número de massa, respectivamente, desse elemento:

a) 38 e 96

b) 36 e 94

c) 38 e 94

d) 32 e 96

e) 34 e 92

Questão 2

Dada a tabela abaixo sobre os elementos C e D:

Quais são os valores de x, y, z, w, v?

a) 13, 15, 14, 13, 31

b) 14, 13, 13, 14, 31

c) 15,13, 13, 14, 31

d) 13, 13, 14, 15, 31

e) 14, 15, 13, 13, 31

Mais Questões
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola