Whatsapp

Alumínio

Química

O alumínio, que é um metal pertencente à família do Boro (IIIA), é bastante utilizado no setor industrial e em itens do nosso dia a dia.
PUBLICIDADE

O alumínio é um elemento químico cuja sigla é Al, apresenta número atômico igual a 13 e número de massa aproximadamente igual a 27 u (“u” significa unidade de massa atômica e representa 1/12 da massa atômica do elemento carbono). Assim, um átomo de alumínio é 2,25 vezes mais pesado que um átomo de carbono.

Trata-se de um elemento de característica metálica (metal) e está localizado no terceiro período da família do Boro (família IIIA), na Tabela Periódica, sendo, portanto, um elemento representativo.

Neste texto, você terá acesso a tudo o que você precisa saber sobre o Alumínio! Vamos lá?

a) Características atômicas

Como o número atômico e o número de massa do alumínio são, respectivamente, 13 e 27, a quantidade de partículas presentes em um átomo desse elemento é:

  • 13 prótons, já que o número atômico é 13;

  • 13 elétrons, já que o número atômico é 13;

  • 14 nêutrons (resultante da subtração do número de massa (27) pelo número atômico (13)).

Veja a distribuição eletrônica fundamental dos treze elétrons presentes no átomo de alumínio:

Distribuição eletrônica dos elétrons de um átomo de alumínio
Distribuição eletrônica dos elétrons de um átomo de alumínio

Como podemos ver, o subnível mais energético (último local a receber energia) de um átomo de alumínio é o 3p1. A realização da distribuição geométrica confirma que o 3p1 também é o subnível mais externo do átomo de alumínio, como podemos observar abaixo:

Distribuição geométrica dos elétrons de um átomo de alumínio
Distribuição geométrica dos elétrons de um átomo de alumínio

b) Ocorrência na natureza e forma de obtenção

→ Ocorrência na natureza:

O alumínio é encontrado na natureza apenas na forma de minério, ou seja, faz parte da composição de uma substância mineral. O minério mais comum em que encontramos o alumínio é a bauxita:

  • Bauxita: é um minério que apresenta óxido de alumínio hidratado (Al2O3.xH2O).

→ Forma de obtenção:

Para obter o alumínio, é necessária a realização de dois métodos fundamentais: o método de Bayer e o método Hall-Heroult.

  • O método de Bayer é utilizado para obtenção do óxido de alumínio (Al2O3), também chamado de alumina. Nesse método, as partículas de água são separadas do óxido de alumínio (Al2O3). Veja suas etapas:

  • 1a etapa: A bauxita é moída em um triturador;

  • 2a etapa: A bauxita moída é misturada a uma solução de hidróxido de sódio e levada a uma autoclave;

  • 3a etapa: Após o aquecimento, a mistura é resfriada e passa pelos processos de sedimentação e filtração para a retirada de rejeitos da reação química, como óxido de ferro, titânio, carbonato de cálcio etc.

  • 4a etapa: Em seguida, o filtrado é tratado com germens de gibsita (minério que contém cálcio) para que haja a formação do hidróxido de alumínio – Al(OH)3;

  • 5a etapa: Por fim, o hidróxido de alumínio formado passa por lavagem e calcinação (mistura com Carbonato de cálcio-CaCO3, e aquecimento) para a formação do Óxido de Alumínio (Al2O3).

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • O método de Hall-Heroult utiliza a alumina obtida a partir do método de Bayer para produzir o Alumínio puro.

Nesse método, é realizada a eletrólise ígnea da alumina. Veja as etapas:

  • 1a etapa: A alumina é misturada com o minério criolita (Na3AlF6), o que diminui o ponto de fusão da alumina, que cai de 2000oC para 1000oC;

  • 2a etapa: Em seguida, a mistura é submetida a 1000oC para que sofra fusão (passe para o estado líquido);

  • 3a etapa: A mistura (Alumina e Criolita) fundida é colocada em uma cuba eletrolítica e submetida a uma corrente elétrica. Com isso, o alumínio da alumina sofre redução e forma o metal alumínio (Al(s)).

c) Propriedades físicas do Alumínio

As principais propriedades físicas do elemento alumínio são:

  • Estado físico à temperatura ambiente: sólido;

  • Ponto de fusão: A temperatura em que o alumínio deixa de ser sólido e passa a ser líquido é 660oC;

  • Ponto de ebulição: A temperatura em que o alumínio deixa de ser líquido e passa a ser gasoso é 2470oC;

  • Condutibilidade elétrica: o alumínio é um metal de alta condutibilidade elétrica, que pode ser comparada à do metal cobre;

  • Condutibilidade térmica: o alumínio é um metal de alta condutibilidade térmica;

  • Densidade (massa específica): a densidade do alumínio é de 2,7 g/mL. É o metal não ferroso de menor densidade;

  • Maleabilidade: o alumínio é um metal de elevada maleabilidade, ou seja, apresenta uma capacidade de se adequar ao formato que desejarmos.

OBS.: Podemos reciclar o metal alumínio de forma infinita, independentemente do uso ou formato que ele apresentou anteriormente.

d) Propriedades químicas

As principais propriedades químicas que o alumínio apresenta são:

  • Resistência à corrosão: O alumínio apresenta uma elevada resistência à corrosão, ou seja, não oxida na presença de umidade e ar facilmente;

  • Ligação química: O metal alumínio realiza entre seus átomos ligação metálica;

  • Interações: O átomo de alumínio é capaz de interagir com átomos de ametais e com o átomo de Hidrogênio por meio de ligação iônica, formando diferentes compostos iônicos.

e) Ligas de alumínio

O alumínio é muito utilizado na forma de ligas metálicas. Essas ligas metálicas são formadas a partir da simples mistura do metal alumínio com outros metais ou não metais. Abaixo temos alguns exemplos de ligas metálicas de alumínio:

  • Liga de Alumínio (Al) e Cobre (Cu)

  • Liga de Alumínio (Al), Cobre (Cu) e Silício (Si)

  • Liga de Alumínio (Al), Magnésio (Mg) e Silício (Si)

  • Liga de Alumínio (Al), Zinco (Zn) e Cobre (Cu)

  • Liga de Alumínio (Al) e Lítio (Li)

  • Liga de Alumínio (Al) e Magnésio (Mg)

  • Liga de Alumínio (Al) e Silício (Si)

  • Liga de Alumínio (Al) e Manganês (Mn)

f) Utilizações do alumínio

  • Utilizado como fio elétrico;

  • Produção de latas de bebidas em geral;

  • Utilizado na manufatura de estrutura de veículos;

  • Produção de utensílios de cozinha;

  • Produção de portas e janelas;

  • Confecção de peças aeronáuticas etc.


Por Me. Diogo Lopes Dias

O alumínio é muito utilizado na produção de latas de sucos e refrigerantes
O alumínio é muito utilizado na produção de latas de sucos e refrigerantes

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DIAS, Diogo Lopes. "Alumínio"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/aluminio.htm. Acesso em 07 de março de 2021.

Artigos Relacionados
Saiba mais sobre a história do chumbo, suas propriedades, aplicações comerciais e formas de obtenção.
Entenda como é feita a distribuição eletrônica e confira exemplos.
Ligação Iônica, arranjos entre compostos iônicos, aglomerados iônicos, cloreto de sódio, sal de cozinha, substância iônica, forças de atração eletrostática, ânions cloreto, cátions sódio, solventes polares, íons positivos, cátions, íons negativos, ânions.
Aprenda o que são os metais. Descubra as suas características, propriedades e classificações. Veja quais as formas possíveis de obtê-los.
Relação das características dos elementos com suas estruturas atômicas.
Conheça o boro. Saiba sobre suas características e propriedades. Aprenda quais são as suas formas de obtenção, além de suas aplicações comerciais.
Qual a diferença entre as propriedades que envolvem a Tabela Periódica.
Confira o que ocorre com átomos que perdem ou ganham elétrons.
Cargas positivas da composição atômica.
Entenda a diferença fundamental entre as propriedades físicas intensivas e extensivas, além de ver exemplos de cada uma.