close
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Eslovênia

Eslovênia é um país montanhoso localizado no leste europeu. Apresenta elevados índices de desenvolvimento e qualidade de vida, além de uma indústria diversa e moderna.

Bandeira da Eslovênia.
Bandeira da Eslovênia.
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Eslovênia, ou República da Eslovênia, é um país do leste europeu de pouco mais de dois milhões de habitantes. Sua capital é a cidade de Liubliana. Com uma estreita saída, a sudoeste, para o mar Adriático, seu território faz fronteira com Itália, Áustria, Hungria e Croácia.

O território esloveno dispõe de clima temperado e paisagens formadas por montanhas e planaltos cársticos, com extensas áreas recobertas por florestas. Sua economia é uma das mais desenvolvidas da região, com destaque para o setor secundário, que agrega a atividade industrial.

Confira nosso podcast: Países mais e menos ricos do mundo

Tópicos deste artigo

Resumo sobre a Eslovênia

  • A Eslovênia é um país da região leste da Europa. Sua capital é a cidade de Liubliana.

  • Possui área de 20,2 mil km² e um estreito litoral banhado pelo mar Adriático.

  • Apresenta clima temperado e relevo formado por montanhas e planaltos cársticos.

  • O rio Drava é o principal curso d’água do país.

  • Conta com uma população de 2.079.000 habitantes. Pouco mais da metade vive nas cidades.

  • A capital é a cidade mais populosa da Eslovênia, com 286.500 habitantes.

  • Trata-se de uma economia desenvolvida concentrada na indústria de transformação e no comércio.

  • O PIB per capita da Eslovênia é elevado e supera 30 mil dólares.

  • A população apresenta boa qualidade de vida no país, acima da média para os países da OCDE. Destaca-se a qualidade da educação e a segurança pública.

  • O país fez parte da Iugoslávia até o ano de 1991, quando conquistou a sua independência.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Dados gerais sobre a Eslovênia:

  • Nome oficial: República da Eslovênia

  • Gentílico: esloveno

  • Extensão territorial: 20.273 km²

  • Localização: leste da Europa

  • Capital: Liubliana

  • Clima:

  • Governo: república parlamentarista

  • Divisão administrativa: 201 municipalidades e 11 municipalidades urbanas

  • Idioma: esloveno

  • Religiões:

    • católica romana: 57,8%;

    • islã: 2,4%;

    • ortodoxa: 2,3%;

    • outras religiões cristãs: 1%.

  • População: 2.079.000 habitantes (ONU, 2021)

  • Densidade demográfica: 103,2 hab./km² (ONU, 2021)

  • Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 0,917

  • Moeda: Euro

  • Produto Interno Bruto (PIB): US$ 65,47 bilhões (FMI, 2022)

  • PIB per capita: US$ 31.030 (FMI, 2022)

  • Gini: 0,242

  • Fuso horário: GMT+1

  • Relações exteriores:

    • Organização das Nações Unidas (ONU);

    • Organização Mundial do Comércio (OMC);

    • União Europeia;

    • Fundo Monetário Internacional (FMI);

    • Banco Mundial;

    • Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Etimologia da Eslovênia

O nome Eslovênia (Slovenija no idioma oficial) significa “terra dos eslavos”, remetendo às origens do povo esloveno e da maior parte da população das regiões central e oriental da Europa.

Geografia da Eslovênia

A Eslovênia é um país europeu localizado na região leste no continente. Sua capital é a cidade de Liubliana. O território esloveno se estende por 20.273 km², com uma pequena parcela inserida na península dos Bálcãs.

Situado a sudoeste, o estreito litoral do país é banhado pelo mar Adriático, na área do golfo de Trieste. Além disso, a Eslovênia estabelece fronteira com:

Conheça também: Eslováquia — um país da região central do continente europeu

→ Clima da Eslovênia

Dois tipos de clima são predominantes na Eslovênia. O primeiro deles é o mediterrâneo, que ocorre no oeste do país, nas áreas próximas ao litoral. Nessas áreas, os verões são quentes e secos, com temperaturas de até 27 ºC. Os invernos são amenos e úmidos, com média de 10 ºC. A pluviosidade se concentra nos meses de primavera e outono.

As demais áreas são caracterizados pelo clima temperado continental, com verões amenos (21 ºC em média) e invernos muito frios. Nessa estação, há o registro de precipitação em forma de neve em muitas regiões do país.

→ Relevo da Eslovênia

O território esloveno apresenta formas de relevo bastante diversas. As regiões norte e noroeste do país são caracterizadas pela presença de uma extensão da cordilheira dos Alpes. Fica nessa área o ponto culminante do país, o monte Triglav, que é parte da subcordilheira denominada Alpes Julianos e se situa a 2864 metros acima do nível do mar.

Parque Nacional do Triglav, na Eslovênia.
Parque Nacional do Triglav, na Eslovênia.

No sudoeste do país, as feições são típicas de relevo cárstico, moldado sobre rochas calcárias. Os terrenos ao leste são formados por montanhas e vales, sendo essa a área com a maior quantidade de rios.

→ Vegetação da Eslovênia

A cobertura vegetal da Eslovênia é composta majoritariamente por florestas temperadas, com a presença de coníferas e árvores decíduas. Os terrenos mais elevados e o litoral apresentam uma paisagem diferente, formada respectivamente por formações do tipo mediterrânea e alpina.

→ Hidrografia da Eslovênia

Com 144 km de extensão, o rio Drava é o principal curso d’água que banha o território esloveno, e um dos mais importantes em termos de transporte hidroviário, abastecimento e geração de energia elétrica. Ele é considerado um dos rios mais explorados do mundo. Além do Drava, outros rios que atravessam a Eslovênia e constituem a rede de drenagem do país são:

  • Sava;

  • Savinja;

  • Mura.

Demografia da Eslovênia

A Eslovênia tem uma população de 2.079.000 habitantes, segundo dados das Nações Unidas. Embora seja um território pouco populoso se comparado a outros países do continente, podemos dizer que a Eslovênia é densamente povoada. A distribuição populacional no país é da ordem de 103 hab./km². Somente nas regiões montanhosas, portanto, de relevo mais acidentado, é que se percebe um menor adensamento populacional se comparado às demais áreas.

Pouco mais da metade dos moradores da Eslovênia vive nas cidades. O percentual exato é de 55,4%, o que é suficiente para classificar o país como urbanizado. A sua capital, a cidade de Liubliana, concentra quase 10% de todos os habitantes do país, tendo um contingente populacional de 286.500 pessoas. Maribor, com 95 mil habitantes, é a segunda maior cidade eslovena, situada a 130 km da capital.

Vista panorâmica da cidade de Liubliana, capital da Eslovênia.
Liubliana, capital da Eslovênia, é a cidade mais populosa do país.

Nos últimos anos, a taxa de crescimento populacional tem sido negativa, o que representa o encolhimento de população. Isso acontece porque o país apresenta baixa natalidade (8,5/1000) e elevada taxa de mortalidade (10,34/1000).

Isso resulta, além de menor crescimento, no fenômeno de envelhecimento populacional  característico de muitos países desenvolvidos. A Eslovênia tem a 11ª população mais velha do mundo, com idade mediana de 44,9 anos. A expectativa de vida no país é de 81,61 anos.

Economia da Eslovênia

A economia da Eslovênia é uma das mais desenvolvidas das regiões central e leste da Europa. O país acumula um Produto Interno Bruto (PIB) de 65,47 bilhões de dólares, segundo o Fundo Monetário Internacional (FMI), com um valor per capita que supera os 30 mil dólares anuais. O país ingressou na União Europeia em 1º de maio de 2004, e passou a adotar o euro como sua moeda oficial a partir de 2007, quando se tornou membro da Zona Euro.

O setor terciário responde pela maior parcela do PIB do país (65,9%) e concentra também a maior parte da força de trabalho. Apesar disso, o avançado conjunto de indústrias que compõem o setor secundário representa o principal segmento econômico esloveno em termos de produção e consumo, liderando ainda a composição da cesta de exportações do país, tendo como principal destino outros países da União Europeia.

Encontram-se instaladas na Eslovênia, além de metalúrgicas e outras indústrias de transformação, indústrias produtoras de:

  • equipamentos eletrônicos;

  • automóveis;

  • tratores;

  • materiais químicos;

  • equipamentos destinados à geração de energia.

Na pecuária eslovena, são produzidos, principalmente, carnes, leites e derivados. Além disso, a agricultura eslovena adota técnicas modernas de cultivo, e é praticada em uma área equivalente a um quarto do território. São produzidos no país:

  • trigo;

  • batata;

  • milho;

  • cevada;

  • uvas;

  • maçãs.

→ Videoaula sobre a União Europeia

História da Eslovênia

A área que hoje compreende o território da Eslovênia começou a ser ocupada a partir dos vales dos principais rios há dezenas de milhares de anos, de modo que muitos povos e civilizações diferentes se estabeleceram nessa região, entre eles os ilírios e os celtas.

Com a expansão do Império Romano, parte da Eslovênia passou para o domínio romano a partir do século I a.C. Com a fragmentação desse império, que ocorreu já no século III da era comum, a região foi incorporada ao Império Romano do Ocidente.

O povo eslavo chegou à região da Eslovênia no século VI, concentrando-se no norte do país, onde, na fronteira com a Áustria, formou-se o Ducado de Caríntia. Um longo período da história eslovena ficou marcado pelo domínio do Império Austro-Húngaro, que chegou ao fim após o término da Primeira Guerra Mundial, em 1918.

Nesse mesmo ano, sérvios e croatas se juntaram aos eslovenos e formaram a Iugoslávia, um Estado unificado. No entanto, esse novo território recebeu o nome de Iugoslávia apenas mais tarde, em 1929. Durante a Segunda Guerra Mundial, em 1941, a Iugoslávia foi ocupada pelos alemães e a região correspondente à Eslovênia ficou dividida entre alemães e italianos.

Após o fim da Segunda Guerra Mundial, a Iugoslávia se tornou uma república socialista. A conjuntura econômica dos anos seguintes e uma série de conflitos internos despertaram os anseios pela independência eslovena e de outros territórios.

A Eslovênia se tornou uma nação independente da Iugoslávia em 25 de junho de 1991, o que desencadeou um conflito, conhecido como Guerra dos Dez Dias, entre o novo território esloveno e a então Iugoslávia. Na década seguinte, em 2004, a Eslovênia se tornou membro da União Europeia e é hoje uma das nações mais desenvolvidas do leste europeu.

Saiba mais: Como foi a Segunda Guerra Mundial na Iugoslávia?

Cultura da Eslovênia

A cultura da Eslovênia reúne elementos de vários países do centro e do leste europeu, o que se deve, em muito, ao processo de formação do território esloveno, demonstrando em suas tradições e costumes uma forte herança cultural dos povos eslavos.

Além dos eslovenos nascidos no país, a sua população é composta por pessoas oriundas de países vizinhos, o que contribui para a diversidade cultural da Eslovênia, como:

Em termos de religião, o catolicismo apresenta o maior número de adeptos. Muitas línguas além da oficial, o esloveno, são faladas no país, incluindo dialetos regionais. A paisagem cultural da Eslovênia expressa muito de sua história, como nas inúmeras igrejas de estilo arquitetônico clássico e nos castelos que podem ser encontrados em várias cidades.

O principal deles é o Castelo de Predjama, erguido na entrada de uma caverna e hoje ponto turístico muito visitado. Muitas celebrações são realizadas anualmente no país, como o Festival Liubliana, que acontece desde 1953 na capital, durante o verão, e conta com apresentações musicais e de dança. Nos esportes, o destaque fica com o esqui.

A carne é um elemento muito presente na culinária eslovena. Uma das especialidades do país é o pršut, um presunto originário da região do Kras, no sudoeste da Eslovênia. Entre as bebidas típicas, está o vinho.

Infraestrutura da Eslovênia

A Eslovênia possui elevado índice de desenvolvimento e dispõe de ampla rede de infraestrutura que proporciona um padrão de vida acima da média, de acordo com análise da OCDE. Os quesitos de destaque são a segurança pública e a educação. As redes de água e esgoto atendem a toda a população da Eslovênia, o que ocorre também com a eletrificação.

O país tem a nona maior capacidade instalada para a geração de energia nuclear, que compreende 20% de toda a capacidade instalada no seu território. A energia proveniente da água e de combustíveis fósseis perfaz, respectivamente, 34% e 37% de sua matriz energética, enquanto o restante corresponde a outras fontes renováveis.

Além disso, as rodovias são o principal meio de deslocamentos no país, formando uma malha pavimentada de mais de 38 mil km, seguido das ferrovias. A hidrovia do rio Drava é também utilizada, enquanto o único porto marítimo da Eslovênia fica na cidade litorânea de Koper. Já na capital, Liubliana, está instalado o principal aeroporto do país.

Governo da Eslovênia

O sistema de governo da Eslovênia é a república democrática parlamentarista. O presidente do país desempenha a função de chefe de Estado. Ele é eleito por meio do voto popular para um mandato de cinco anos. O chefe de governo é o primeiro-ministro, eleito pelo parlamento esloveno e nomeado pelo presidente. O parlamento da Eslovênia é bicameral, formado pelo Conselho Nacional (Drzavni Svet) e pela Assembleia Nacional (Drzavni Zbor).

Curiosidades sobre a Eslovênia

  • O litoral da Eslovênia possui 46,6 km de extensão.

  • Uma em cada 20 pessoas na Eslovênia é criadora de abelhas. A atividade é facilitada pela quantidade de árvores e florestas no país, um grande atrativo para o inseto.

  • As áreas de proteção ambiental representam 53% da superfície do país. Por essa e outras razões, recebe o título de um dos países mais sustentáveis do mundo.

  • A Eslovênia contabiliza mais de 10 mil cavernas.

  • A videira mais velha do mundo, com 400 anos, está na cidade eslovena de Maribor.

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Eslovênia"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/eslovenia.htm. Acesso em 17 de maio de 2022.

PUBLICIDADE