Topo
pesquisar

Animais invertebrados

Animais

Animais invertebrados caracterizam-se pela ausência de uma coluna vertebral e de crânio. Como exemplo podemos citar os insetos, crustáceos e anelídeos.
Os invertebrados são animais que não apresentam coluna vertebral e crânio.
Os invertebrados são animais que não apresentam coluna vertebral e crânio.
PUBLICIDADE

Os animais invertebrados são aqueles animais que não possuem coluna vertebral e crânio. Vale salientar que a classificação dos animais em vertebrados e invertebrados é completamente artificial, uma vez que apenas uma característica não é suficiente para classificar todo o reino em dois grupos apenas.

Os invertebrados são complexos e muitos estão mais relacionados com vertebrados do que com outros invertebrados. A seguir, retrataremos melhor os grupos que podem ser assim classificados.

Características

Os invertebrados são um grande grupo que representa a maioria dos animais encontrados em nosso planeta. Apresentam muitas diferenças entre si, porém algumas características em comum podem ser observadas. São características comuns a todos os invertebrados:

  • Ausência de coluna vertebral e crânio.

  • Célula do tipo eucariótica, ou seja, suas células possuem núcleo delimitado pela membrana nuclear.

  • Nutrição heterotrófica, ou seja, todos necessitam alimentar-se de outros seres vivos, não sendo capazes de produzir seu próprio alimento.

  • São pluricelulares, ou seja, todos os invertebrados são formados por mais de uma célula. Vale destacar que a maioria possui tecidos e órgãos, porém essa característica está ausente em poríferos.

Grupos

Os invertebrados estão divididos em, aproximadamente, 33 filos diferentes. Entretanto, na maioria dos livros didáticos, observamos a referência de apenas oito deles. Os oito filos de invertebrados mais estudados são:

  • Poríferos: são conhecidos também como esponjas e destacam-se por possuírem um corpo rico em poros. Os poríferos são animais sésseis quando adultos e alimentam-se por meio de filtração (retiram partícula de alimentos da água quando esta passa pelo seu corpo). Nesses animais não se verifica a presença de tecidos verdadeiros. Para saber mais sobre esse tema, leia nosso texto: Poríferos.

As esponjas apresentam o corpo repleto de poros.
As esponjas apresentam o corpo repleto de poros.

  • Cnidários: são um grupo de animais que vivem no ambiente aquático. O corpo dessas espécies apresenta simetria radial, e sua cavidade gastrovascular apresenta apenas uma abertura, a qual funciona para a entrada de alimentos e para a saída de resíduos.

    Pode-se observar nesses animais duas variações no plano corporal: pólipos e medusas. Nesses animais consta a presença de células especializadas na eliminação de substâncias urticantes, chamadas cnidócitos. Para saber mais sobre o tema, leia nosso texto: Filo cnidaria.

As águas-vivas apresentam células que liberam substâncias urticantes.
As águas-vivas apresentam células que liberam substâncias urticantes.

  • Platelmintos: possuem corpo plano dorsoventralmente achatado, sendo conhecidos, devido a essa característica, como vermes achatados. São encontrados em diferentes habitat, existindo espécies de vida livre e também espécies parasitas. Caso tenha interesse sobre o tema, acesse nosso texto: Os platelmintos.

A tênia é um platelminto que pode parasitar o homem.
A tênia é um platelminto que pode parasitar o homem.

  • Nematódeos: são animais encontrados em vários ambientes, apesar de serem conhecidos, principalmente, pelas espécies parasitas. Esses animais apresentam corpo fusiforme (alongado com extremidades mais estreitas) e possuem uma cutícula que reveste todo o corpo. Aprenda mais sobre esses animais lendo nosso texto: Filo nematoda.

    A lombriga é um parasita que causa uma doença conhecida como ascaridíase.
    A lombriga é um parasita que causa uma doença conhecida como ascaridíase.

Saiba mais: Ascaridíase

  • Moluscos: são animais de corpo mole e o segundo maior grupo de animais em número de espécies descritas. Alguns representares possuem concha rica em carbonato de cálcio revestindo e protegendo seu corpo. A maioria dos seus representantes é marinha. Quer saber mais sobre esses animais? Leia nosso texto: Moluscos.

Os polvos são moluscos que não possuem concha.
Os polvos são moluscos que não possuem concha.

  • Anelídeos: como o nome sugere, apresentam corpo dividido em anéis. Ocupam diferentes habitat, sendo encontrados indivíduos em ambiente de água doce, salgada e no solo úmido. Tem mais interesse sobre esse tema? Acesse nosso texto: Filo annelida.

As minhocas são anelídeos que deixam o solo mais arejado devido à formação de túneis.
As minhocas são anelídeos que deixam o solo mais arejado devido à formação de túneis.

Saiba mais: Minhocas

  • Artrópodes: representam o grupo com maior diversidade de espécies conhecidas. A presença de um exoesqueleto e de apêndices articulados é característica marcante nesses animais.

    O exoesqueleto é rico em quitina e ajuda na proteção do animal. Por ser rígido, impede o crescimento, fazendo com que o animal troque regularmente esse esqueleto externo. Caso tenha mais curiosidade sobre esses animais, leia nosso texto: Artrópodes.

As aranhas podem ser perigosas, sendo algumas responsáveis por acidentes graves.
As aranhas podem ser perigosas, sendo algumas responsáveis por acidentes graves.

Saiba mais: Aranhas

  • Equinodermos: são animais marinhos que apresentam um endoesqueleto formado por placas calcárias rígidas. Eles possuem um sistema formado por uma rede de canais hidráulicos que se ramificam formando os chamados pés ambulacrais. São esses pés que garantem a movimentação desses animais. Saiba mais sobre eles lendo nosso texto: Equinodermos.

O ouriço-do-mar apresenta espinhos que podem causar acidentes caso uma pessoa pise nele.
O ouriço-do-mar apresenta espinhos que podem causar acidentes caso uma pessoa pise nele
.

Leia também: Branqueamento de corais

Exemplos

A tabela a seguir apresenta exemplos de invertebrados e o grupo ao qual pertencem:

Grupo

Exemplos

Poríferos

Esponjas

Cnidários

Anêmonas, hidras e águas-vivas

Platelmintos

Tênias, esquistossomo e planárias

Nematódeos

Lombriga e oxiúros

Moluscos

Polvos, lulas, ostras, lesmas e caracóis

Anelídeos

Minhoca e sanguessuga

Artrópodes

Aranha, escorpião, mosca, lagosta, camarão e carrapato

Equinodermos

Ouriços-do-mar, estrelas-do-mar e bolachas-da-praia

Onde vivem

Os invertebrados são encontrados nos mais variados ambientes, não sendo possível descrever apenas um habitat para essas espécies. Encontramo-los, por exemplo, no ambiente marinho e de água doce e no ambiente terrestre. Existem ainda espécies que vivem no corpo de outros animais, sendo essas chamadas parasitas. Como exemplo de invertebrados parasitas, podemos citar a tênia e a lombriga, que causam, respectivamente, teníase e ascaridíase.

Leia também: O curioso caso de câncer formado por células de tênia

Aquáticos

Os animais invertebrados podem ocupar diferentes habitat, sendo o aquático um deles. Existem espécies que vivem em água doce e também em água salgada e salobra. São exemplos de animais invertebrados aquáticos:

  1. Águas-vivas

  2. Anêmona-do-mar

  3. Esponjas

  4. Hidra

  5. Lagosta

  6. Lulas

  7. Marisco

  8. Ouriços-do-mar

  9. Planárias

  10. Polvos

Leia mais sobre: Tipos de água

Terrestres

Os animais invertebrados podem também ocupar o habitat terrestre. São exemplos de animais invertebrados terrestres:

Leia também: Mosquito-da-dengue transgênico

Curiosidades

A lula é um animal utilizado na alimentação.
A lula é um animal utilizado na alimentação.

  • Os invertebrados correspondem a, aproximadamente, 95% das espécies de animais existentes em nosso planeta.

  • A lula-gigante (Architeuthis dux) é considerada o maior invertebrado e pode atingir 18 metros de comprimento.

  • A minhoca-gigante-australiana pode atingir até três metros de comprimento.

  • As espojas foram confundidas, pelos gregos, com plantas.

  • As sanguessugas (anelídeos) foram usadas por bastante tempo, na Medicina, em sangrias — uma técnica que consiste na retirada de uma certa quantidade de sangue para o tratamento de doenças.

  • A aranha-golias-comedora-de-pássaros (Theraphosa blondi) é a maior aranha do mundo e pode apresentar pernas de cerca de 30 centímetros.

  • A água-viva da espécie Turritopsis nutricula é capaz de rejuvenescer-se.

  • Uma tênia pode eliminar até 700 mil ovos por dia.

  • Uma formiga carrega, em média, 50 vezes o seu peso.

  • Uma pulga pode saltar cerca de 50 cm de altura.

  • A tênia do peixe (gênero Diphyllobothrium) pode viver até 25 anos de idade.

 

Por Ma. Vanessa Sardinha dos Santos

Listagem de Artigos

Lista de Exercícios
Questão 1

Animais invertebrados não possuem vértebras ou crânio. Dos animais a seguir, qual não representa um exemplo de invertebrado?

a) Lampreia.

b) Esponja.

c) Esquistossomo.

d) Polvo.

e) Estrela-do-mar

Questão 2

O reino animal apresenta uma grande quantidade de espécies, as quais são artificialmente classificadas em invertebrados e vertebrados. Nos invertebrados, encontra-se o maior grupo de animais existente e que corresponde a 85% de todos os animais do planeta. Marque a alternativa que indica o nome desse grupo:

a) Poríferos.

b) Moluscos.

c) Cnidários.

d) Artrópodes.

e) Equinodermos.

Ver resposta

artigos Animais invertebrados

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola