Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Países subdesenvolvidos

Países subdesenvolvidos, ou menos desenvolvidos, são caracterizados pelos baixos indicadores sociais, má distribuição de renda e elevada vulnerabilidade econômica e ambiental.

Vista aérea da cidade de Nimei, capital do Níger, país considerado um dos mais subdesenvolvidos do mundo. [1]
Vista aérea da cidade de Nimei, capital do Níger, país considerado um dos mais subdesenvolvidos do mundo. [1]
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Países subdesenvolvidos são aqueles que apresentam baixo desempenho nos indicadores sociais e de renda. São caracterizados também pela economia altamente dependente dos setores primário e terciário, com uma indústria pouco desenvolvida.

As desigualdades sociais são bastante acentuadas nos países subdesenvolvidos, o que reflete nos três critérios determinados pela ONU para a identificação desses países. Tais critérios são a renda per capita, o capital humano e a vulnerabilidade econômica e ambiental. Localizado na África, o Níger é atualmente o país com o mais baixo índice de desenvolvimento do mundo.

Confira no nosso podcast: Os muros que dividem o mundo

Tópicos deste artigo

Resumo sobre os países subdesenvolvidos

  • Países subdesenvolvidos são caracterizados pela industrialização incipiente, má distribuição de renda e elevada vulnerabilidade socioambiental a que estão sujeitos.

  • Sua economia é baseada nos setores primário e terciário. Além disso, apresentam grande dependência externa, isto é, de outros países.

  • Dispõem de baixo índice de desenvolvimento humano.

  • São chamados também de “países menos desenvolvidos” pela ONU.

  • A ONU estabeleceu três critérios para a identificação dos países subdesenvolvidos: renda per capita, índice de capital humano e vulnerabilidade econômica e ambiental.

  • O IDH é também utilizado para se determinar o desenvolvimento de um país.

  • O Níger é o país mais subdesenvolvido do mundo de acordo com o IDH.

  • Nas Américas, é o Haiti que consiste no país com o menor índice de desenvolvimento.

  • O Brasil apresenta algumas características de países subdesenvolvidos (má distribuição de renda, pobreza elevada, fome), enquanto em alguns aspectos a sua classificação se aproxima mais dos países desenvolvidos (IDH, industrialização bem desenvolvida). É considerado um país em desenvolvimento.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quais são as características dos países subdesenvolvidos?

Os países subdesenvolvidos, que são chamados de países menos desenvolvidos na classificação das Nações Unidas (ONU), são caracterizados pelo baixo desenvolvimento econômico e pela alta vulnerabilidade social, econômica e ambiental a que estão sujeitos.

Trata-se de um grupo de nações que dispõe de uma profunda desigualdade social e distribuição de renda muito desigual, marcada pelo grande número de pessoas que vive abaixo da linha da pobreza. A industrialização nos países subdesenvolvidos é incipiente, e a tecnologia empregada no setor secundário é limitada. A economia desses territórios tem como base as atividades agropecuárias e de exploração de recursos naturais, portanto do setor primário, e também o comércio e os serviços, que compõem o setor terciário.

Sendo assim, esses países são muito dependentes dos países desenvolvidos e em desenvolvimento para a obtenção de determinados recursos e mercadorias. A dependência em alguns desses territórios aparece ainda na forma de ajuda humanitária de agências especializadas das Nações Unidas e outras organizações não governamentais e organismos que atuam na esfera internacional.

Outra característica dos países subdesenvolvidos é o baixo índice de desenvolvimento humano, o que é resultado de aspectos como mortalidade infantil e geral em patamares acima da média mundial, rápido crescimento populacional, baixa expectativa de vida e problemas em setores estratégicos como a educação.

Além da fragilidade social e da vulnerabilidade econômica em que se encontram, os países subdesenvolvidos apresentam também uma grande vulnerabilidade ambiental, o que pode ser compreendido por meio de diferentes prismas, como o das áreas muito populosas que contrastam com a escassez de terras agricultáveis, a ocorrência frequente de desastres naturais que afetam a população e a infraestrutura do território e o grande número de pessoas vivendo em áreas de climas extremos, por exemplo.

Leia também: Os 20 maiores países do mundo

Critérios para a classificação de países subdesenvolvidos

A classificação da ONU é a principal utilizada para a determinação do nível de desenvolvimento dos países. Para enquadrar um país na categoria de subdesenvolvimento, são levados em consideração três critérios: renda per capita, índice de capital humano e vulnerabilidade econômica e ambiental.

  • Renda per capita: trata-se de um critério muito utilizado para a classificação do desenvolvimento de um país. De acordo com a ONU, que segue os parâmetros do Banco Mundial, são considerados subdesenvolvidos países em que a renda per capita se encontra abaixo do limite de 1.018 dólares ao ano, conforme valores atualizados no ano de 2021.

  • Índice de capital humano: o capital humano de um país é avaliado por meio de seis indicadores, os quais se enquadram em duas grandes áreas, que são a saúde e a educação. Na primeira estão a mortalidade de crianças com menos de cinco anos de idade, a desnutrição e a mortalidade materna. A segunda leva em consideração a taxa de alfabetização nos adultos, os matriculados no ensino médio e a paridade de gênero nessa etapa da educação.

  • Vulnerabilidade econômica e ambiental: esse critério avalia os impactos de choques econômicos e ambientais, como desastres naturais, para a infraestrutura e para a população do país, além da correlação entre a disponibilidade de recursos e a população. No caso dos países subdesenvolvidos, desequilíbrios na economia e catástrofes naturais geram consequências mais graves e duradouras pela fragilidade social e da sua infraestrutura.

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é também um critério utilizado para a classificação dos países em desenvolvido ou subdesenvolvido. São considerados países subdesenvolvidos aqueles cujo valor do IDH mais se aproxima de 0, sendo comumente inferior a 0,550.

Quais são os países mais subdesenvolvidos do mundo?

A ONU mantém uma lista de países subdesenvolvidos composta atualmente por 46 nações. Com base nessa relação, apresentamos abaixo os dez países menos desenvolvidos do mundo, indicando o valor mais recente de seu IDH|1| e também a renda per capita de cada um deles|2|.

País

IDH

PIB per capita (em dólares)

Níger

0,394

598,85

República Centro-Africana

0,397

527,22

Chade

0,398

742,94

Sudão do Sul

0,433

392,70

Burundi

0,433

272,36

Mali

0,434

896,59

Serra Leoa

0,452

513,34

Moçambique

0,456

546,72

Eritreia

0,459

701,15

Iêmen

0,470

891

Os países subdesenvolvidos na América

Paisagem urbana na comuna de Cabo Haitiano, no Haiti, país menos desenvolvido do continente americano. [2]
Paisagem urbana na comuna de Cabo Haitiano, no Haiti, país menos desenvolvido do continente americano. [2]

O Haiti é o país com o menor índice de desenvolvimento do continente americano. Situado na América Central, o território haitiano é banhado pelo mar do Caribe e faz divisa com outro país que também é considerado subdesenvolvido, a República Dominicana.

Seu IDH é de 0,510, ocupando a posição de número 170 no ranking mundial. Já a renda per capita haitiana corresponde a 1.670 dólares. Apesar de apresentar renda superior àquela de uma parte dos países subdesenvolvidos, o Haiti é caracterizado pela profunda desigualdade de renda entre a parcela mais rica e a parcela mais pobre de sua população. Dados recentes indicam que quase 60% dos haitianos vive abaixo da linha da pobreza.

O país apresenta um histórico de dezenas de golpes militares e de profunda instabilidade política que afetam diretamente a sua estrutura socioeconômica. Soma-se a isso o fato de estar localizado em uma região muito atingida por terremotos e fenômenos climáticos e atmosféricos como os furacões, que são responsáveis pela destruição de parte da infraestrutura do país e fazem milhares de vítimas quando da sua ocorrência, aprofundando os problemas já existentes.

Leia também: Fome no mundo — problema que afeta mais de 800 milhões de pessoas ao redor do planeta

Países subdesenvolvidos x países desenvolvidos

Os países subdesenvolvidos e os países desenvolvidos apresentam características contrastantes. Conforme estudamos até aqui, o primeiro grupo de países é caracterizado pelo baixo índice de desenvolvimento e má distribuição de renda entre a sua população, que tende a apresentar maioria vivendo abaixo da linha da pobreza. Nos países desenvolvidos, a renda média é elevada, e a distribuição acontece de forma mais homogênea.

Diferentemente dos países subdesenvolvidos, a indústria se encontra bem consolidada nos países desenvolvidos, empregando elevado teor de tecnologia nos processos produtivos. Nas economias mais desenvolvidas do mundo, a base da renda nacional se encontra nos setores terciário e quaternário, que compreende atividades associadas à pesquisa, tecnologia, informação e desenvolvimento.

Os países desenvolvidos ditam o ritmo da economia internacional, estando em posição de maior influência no sistema econômico e financeiro mundial. Além disso, apresentam bons indicadores sociais, o que é em parte refletido em seu IDH, com valores mais próximos de 1, ao contrário dos países subdesenvolvidos, cujos valores se aproximam de 0. São exemplos de países e territórios desenvolvidos:

O Brasil é subdesenvolvido?

Existem diversas maneiras de se avaliar o nível de desenvolvimento de um país, levando em consideração critérios muito diversos que nem sempre chegam a conclusões iguais. O Brasil é, muitas vezes, classificado como um país subdesenvolvido. Isso se deve a algumas das características semelhantes aos aspectos desse grupo de países, como a distribuição desigual de renda entre a população, o aumento da pobreza e da fome e a grande participação dos setores primário e terciário na economia.

No entanto, o Brasil é também um país industrializado, com um setor secundário bastante diversificado e em processo de expansão, apresentando ainda grande influência econômica regional, notadamente na América do Sul e entre os países do chamado Sul Global.

Os indicadores socioeconômicos brasileiros se encontram em patamares medianos, a saber:

  • IDH: 0,765, na 84ª colocação mundial.

  • PIB per capita: 8.570 dólares.

Sendo assim, o Brasil é enquadrado na categoria dos países em desenvolvimento, chamados também de países emergentes, ao lado de nomes como China, Rússia, Índia, México, Argentina, Chile e África do Sul.

Notas

|1| UNDP. Human Development Reports: Human Development Insighhts, 2020. Disponível aqui.

|2| IMF. Data mapper: GDP, current prices. IMF, 2022. Disponível aqui.

Créditos da imagem

[1] Catay / Shutterstock

[1] Rotorhead 30A Productions / Shutterstock

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Países subdesenvolvidos"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/paises-subdesenvolvidos.htm. Acesso em 19 de abril de 2024.

De estudante para estudante


Lista de exercícios


Exercício 1

(IFCE) O subdesenvolvimento é uma realidade do sistema capitalista que atinge a maior parte dos países do mundo. Dentre as suas características, destacam-se, EXCETO:

A) dependência econômica e alto endividamento externo e interno.

B) predominância do setor primário na ocupação da população economicamente ativa na grande maioria de países.

C) grandes desigualdades sociais e concentração de renda.

D) baixo nível de instrução e qualificação da maioria da população.

E) alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e alta esperança de vida ao nascer.

Exercício 2

(UEG) A questão do subdesenvolvimento está ligada à dominação política e econômica e ao tipo de relação estabelecida entre metrópole e colônia. A independência política das colônias não foi acompanhada da independência econômica. Nos países pobres e subdesenvolvidos, resguardando-se suas diferenças, é possível identificar algumas características comuns a todos eles. Entre essas diferenças, destacam-se as seguintes:

A) Apresentam indicadores socioeconômicos favoráveis, embora com grande dívida externa.

B) Apresentam grandes desigualdades sociais, dependência financeira e tecnológica.

C) Dispõem de desenvolvimento tecnológico autônomo e importam mão de obra qualificada.

D) São exportadores de matéria-prima e possuem balança comercial favorável.