Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Inglaterra

A Inglaterra pertence ao Reino Unido, localizado na Europa. Conta com mais de 56 milhões de habitantes, maioria dos quais se concentra na região da capital, Londres.

Londres é a maior cidade da Inglaterra e é o centro de uma das regiões metropolitanas mais importantes do Reino Unido.
Londres é a maior cidade da Inglaterra e é o centro de uma das regiões metropolitanas mais importantes do Reino Unido.
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

A Inglaterra é um país europeu localizado na ilha da Grã-Bretanha, sendo parte da união política conhecida como Reino Unido. Sua capital é a cidade de Londres.

A população inglesa é atualmente de 56 milhões de habitantes, concentrando a maior parcela dos moradores do Reino Unido. A Inglaterra está entre os países mais desenvolvidos do mundo, exercendo a função de centro econômico e financeiro regional e internacional.

Leia também: Quais são os países europeus?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre a Inglaterra

  • A Inglaterra está localizada na ilha da Grã-Bretanha e integra o Reino Unido, no continente europeu.

  • Tem como capital da cidade de Londres.

  • Separa-se da Europa continental pelo Canal da Mancha, conectando-se à França pelo Eurotúnel, um caminho submarino de 50 km.

  • Possui clima temperado e relevo composto por ondulações suaves, com terrenos abaixo de 900 metros de altitude em média.

  • Reúne mais de 56 milhões de habitantes, o que equivale a 84% de toda a população do Reino Unido.

  • Representa o centro econômico e financeiro do Reino Unido, com ampla participação do setor terciário na composição do PIB.

  • A Inglaterra, junto com o Reino Unido, formalizou a sua saída da União Europeia no ano de 2020.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Dados gerais da Inglaterra

  • Nome oficial: Inglaterra.

  • Gentílico: inglês.

  • Extensão territorial: 130.278 km².

  • Localização: Reino Unido, norte da Europa.

  • Capital: Londres.

  • Clima: Temperado.

  • Governo: Monarquia constitucional parlamentarista.

  • Divisão administrativa: regiões, condados, distritos e paróquias.

  • Idioma: inglês.

  • Religiões: anglicanismo, catolicismo, presbiterianismo, metodista, islamismo, hindu.

  • População: 56.550.138 habitantes.

  • Densidade demográfica: 434 hab./km².

  • Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 0,932.

  • Moeda: Libra esterlina.

  • Produto Interno Bruto (PIB): US$ 3,12 trilhões.

  • PIB per capita: US$ 46.340.

  • Gini: 0,351.

  • Fuso horário: GMT +1 hora.

  • Relações exteriores:

Bandeira da Inglaterra

Bandeira da Inglaterra

História da Inglaterra

Os primeiros povos a ocuparem a ilha da Grã-Bretanha, onde está localizada a Inglaterra, foram os celtas. O domínio estrangeiro sobre os territórios britânicos continuou com o Império Romano por volta do século I a.C., do qual o país fez parte até pelo menos o início do século V da era atual.

A partir de então, os anglo-saxões tiveram um papel essencial no que tange à conformação do território inglês como hoje o conhecemos, influenciando diretamente na sua formação sociocultural e política, processo esse que não foi interrompido nem mesmo pela invasão dos vikings no século VIII.

Disputas políticas e territoriais marcaram a história inglesa, culminando em acontecimentos como a Guerra dos Cem Anos (1337-1453) e a Guerra das Rosas (1455-1487). O século XVI foi caracterizado pela expansão territorial inglesa e pela conformação de um reino unificado que agregou Inglaterra, País de Gales e a Escócia sob um mesmo sistema político. A Irlanda do Norte veio a se juntar somente no início do século XIX, formando então o Reino Unido.

Nesse ínterim, teve início na Inglaterra a Revolução Industrial, que provocou transformações profundas na produção e na forma de trabalho em todo o mundo, além de colocar o país no centro da economia internacional à época.

Junto do Reino Unido, a Inglaterra constituiu colônias nos continentes africanos e asiático entre os séculos XIX e XX no que ficou conhecido como neocolonialismo. Pouco tempo mais tarde, envolveu-se com os conflitos das duas guerras mundiais.

A Inglaterra é hoje considerado um dos países mais desenvolvidos do mundo e um importante centro financeiro internacional, tendo papel central na política e economia do Reino Unido.

Leia também: A relação entre a Lei dos Cercamentos e o pioneirismo inglês na Revolução Industrial

Diferenças entre a Inglaterra e o Reino Unido

A utilização dos termos Inglaterra e Reino Unido como sinônimos não é incomum, o que muitas vezes pode trazer confusão ao leitor. É importante que se faça a distinção entre ambos, já que dizem respeito a ordenamentos territoriais distintos.

Inglaterra faz referência a um Estado (ou país) que está situado na ilha da Grã-Bretanha e faz parte da união política e territorial que recebe o nome de Reino Unido. O Reino Unido é formado por quatro países. Além da Inglaterra, esse conjunto é formado também pela Escócia, pelo País de Gales e pela Irlanda do Norte. Este último país está situado na ilha da Irlanda. Para entender melhor, leia: Diferença entre Reino Unido, Inglaterra e Grã-Bretanha.

Mapa da Inglaterra

Mapa da Inglaterra

Geografia da Inglaterra

A Inglaterra é um país europeu localizado na ilha da Grã-Bretanha, na região noroeste do continente, e tem como capital a cidade de Londres. Com área de 130.287 km², é também o país mais extenso do Reino Unido, união da qual faz parte.

O território inglês faz fronteira:

  • ao norte com a Escócia,

  • ao oeste com o País de Gales

  • e se separa da Europa continental, mais precisamente da França, através do Canal da Mancha, que fica a sudeste.

A porção oriental da Inglaterra é atravessada pelo Meridiano de Greenwich (ou Primeiro Meridiano, em inglês), o meridiano de 0º que divide o planeta entre os hemisférios ocidental e oriental e representa o ponto de partida dos fusos horários e marco zero na contagem das horas.

  • Clima da Inglaterra

O clima da Inglaterra é tipicamente temperado oceânico, com variações locais que ocorrem em função da topografia. Os verões são amenos e relativamente mais secos do que os invernos, estação em que a temperatura média pode baixar para 2º C.

A nebulosidade no país é intensa e, apesar disso, a precipitação não se dá de forma homogênea no território, que tem os maiores volumes anuais (cerca de 750 mm) registrados no norte e noroeste.

  • Relevo da Inglaterra

A maior parte dos terrenos ingleses possui relevo suavemente ondulado e altitudes modestas, o que se deve ao substrato rochoso muito antigo e intensa atuação dos agentes erosivos.

A exceção fica na região centro-norte da Inglaterra, onde está localizada a cadeia montanhosa chamada de Peninos (ou Montes Peninos), formação que se estende até a fronteira com a Escócia. Nesse complexo as altitudes chegam a 893 metros. Destaca-se além dela as montanhas Cumbrian, no noroeste do país, que abriga o ponto mais elevado da Inglaterra a 978 metros, conhecido como Pico Scafell.

Paisagem do Parque Nacional de Lake District com vista para o Pico Scafell, ponto mais alto da Inglaterra.
Paisagem do Parque Nacional de Lake District com vista para o Pico Scafell, ponto mais alto da Inglaterra.
  • Vegetação da Inglaterra

A vegetação da Inglaterra é composta pelas florestas temperadas, hoje bastante reduzida em função do avanço das áreas urbanizadas e da exploração para fins econômicos, e também por formações características da tundra, observadas nas terras setentrionais.

  • Hidrografia da Inglaterra

Extensos rios, lagos e pântanos formam o sistema de drenagem da Inglaterra. O maior e um dos principais cursos d’água do país é o rio Tâmisa, que nasce na região centro-sul do território inglês e corre em direção ao leste para desaguar no Mar do Norte, trajeto esse que atravessa a capital, Londres.

Demografia da Inglaterra

A Inglaterra possui mais de 56 milhões de habitantes, contingente esse que representa aproximadamente 84% de toda a população do Reino Unido. O território inglês é, além de populoso, densamente povoado. Levando em consideração a sua área, calcula-se que a densidade demográfica do país seja de 434 hab./km², quase o dobro da registrada para o conjunto de países que forma grupo.

Epicentro da Revolução Industrial, a Inglaterra passou por um longo e gradativo processo de urbanização, cenário característico dos países desenvolvidos. A taxa de urbanização na Inglaterra é de quase 83%, semelhante àquela observada para a região.

Londres é a maior cidade do país, e reúne hoje mais de 9,1 milhões de habitantes. Além dela, destacam-se enquanto grandes centros urbanos as cidades de Manchester, Birmingham, Leeds e Southampton/Portsmouth.

Um dos fenômenos demográficos atualmente em curso na Inglaterra reflete uma tendência que vem ocorrendo principalmente na Europa, que é o envelhecimento populacional. Isso significa que o número de pessoas com 65 anos ou mais tem aumentado comparativamente às demais faixas etárias, o que se deve à queda da natalidade e da fecundidade, aumento da longevidade e oferta de melhor qualidade de vida à população. A expectativa de vida média no país é de 80,7 anos em 2020, um valor baixo se comparado a 2019 devido aos efeitos da pandemia da covid-19.

Confira no nosso podcast: Envelhecimento populacional e economia

Economia da Inglaterra

A Inglaterra concentra as principais atividades econômicas do Reino Unido e contabiliza pela maior parcela do Produto Interno Bruto (PIB) da união, que hoje supera os 3 bilhões de dólares, de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI). O país se destaca ainda por possuir uma elevada renda per capita e ainda pela qualidade de vida que é ofertada aos seus moradores.

O país deixou de fazer parte da União Europeia, o que foi formalizado em 2020. Esse movimento, conhecido como Brexit, retirou todos os países do Reino Unido do grupo e acarretou na desaceleração econômica dessas nações. Mais recentemente uma crise de abastecimento atingiu supermercados e postos de gasolina ingleses, potencializada ainda pela escassez de mão de obra.

Os serviços financeiros, bancários e de seguros têm um papel primordial na economia inglesa e também do Reino Unido, concentrando suas atividades na capital, Londres, que é reconhecida como um grande centro econômico e financeiro internacional. Já a indústria, que tem a Inglaterra como local de origem, se volta hoje à produção de equipamentos eletroeletrônicos e de comunicação e aos ramos farmacêuticos, automobilístico e da microeletrônica. O setor primário é o responsável pela produção de trigo, batata, milho, centeio, colza, carnes e leite.

Vista do City of London
Fica no City of London (Cidade de Londres) um dos mais importantes distritos financeiros do mundo.

Cultura da Inglaterra

A Inglaterra dispõe de uma rica tradição cultural que muitas vezes é tratada como sendo a totalidade da cultura do Reino Unido, tendo em vista que esse país concentra a maior parcela da população britânica. Alguns dos aspectos culturais dos ingleses são bem conhecidos ao redor do mundo, como a questão da pontualidade, o chá enquanto bebida de maior consumo e a diferença dos sentidos das estradas (a chamada mão britânica) e na composição dos carros, que têm o motorista à direita.

Artistas das mais diversas áreas e internacionalmente conhecidos pela qualidade do seu trabalho vêm da Inglaterra. Na literatura temos Shakespeare, Jane Austen, Tolkien, Charles Dickens e Agatha Christie, enquanto na música destacam-se nomes como os de David Bowie, Elton John, Amy Winehouse, os Beatles e muitos outros.

Na gastronomia, alguns dos pratos tradicionais ingleses são as fritas com peixe, o bangers and mash, feito com purê de batatas, ervilha e salsichas, e tortas como a torna banoffee, recheada com bananas e caramelo.

Leia também: Big Ben — a história de um dos mais famosos cartões-postais de Londres

Infraestrutura da Inglaterra

A Inglaterra oferece uma ampla infraestrutura aos seus moradores, incluindo aqueles que vivem na zona rural do país. Não obstante seja o país mais rico do Reino Unido e aquele que concentra os principais serviços da união, é visto também como aquele em que o custo de vida é o mais elevado, principalmente nos arredores da sua capital.

O país possui uma ampla cobertura educacional e concentra algumas das melhores universidades do mundo, como Cambridge, Oxford e o Imperial College of London. O sistema de saúde inglês apresenta semelhanças com o brasileiro no sentido de ser público, e é considerado o mais antigo do mundo nesse modelo.

Os deslocamentos no país são realizados por meio das rodovias e ferrovias principalmente. Foi na Inglaterra que surgiram as primeiras estradas de ferro, a densa malha inglesa representa hoje a maior parte das ferrovias do Reino Unido. Além do maior aeroporto da união, Heathrow, a conexão física da ilha da Grã-Bretanha com a Europa continental, mais especificamente com a França, se dá com o sudeste da Inglaterra. Nos referimos aqui ao Eurotúnel, um túnel ferroviário submarino que se estende por 50 km sob o Canal da Mancha.

Governo da Inglaterra

A Inglaterra está sob um governo monárquico parlamentarista, o qual compartilha com todos os países do Reino Unido. Nesse sistema, o monarca é o chefe de Estado, e ocupa um cargo cuja sucessão se dá hereditariamente.

As principais funções do poder executivo são atribuídas ao primeiro-ministro, que e o chefe de governo. O poder legislativo inglês fica a cargo do Parlamento.

A cidade de Londres é a capital tanto da Inglaterra quanto da união política do Reino Unido.

Curiosidades sobre a Inglaterra

Monumento de Stonehenge
Monumento de Stonehenge, localizado no condado de Wiltshire, no sul da Inglaterra.
  • Fica na Inglaterra o monumento de Stonehenge, uma das obras mais antigas do mundo construídas por humanos. A sua construção ocorreu há pelo menos 3 mil anos a.C., no período Neolítico.

  • Alguns dos esportes mais praticados e famosos do mundo têm origem inglesa, como o futebol e o tênis.

  • O país possui também alguns esportes peculiares, como a corrida do queijo.

  • O selo postal foi inventado em Birmingham, na Inglaterra, no ano de 1839.

  • A cidade de Winchester foi a primeira capital inglesa.

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Inglaterra"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/inglaterra.htm. Acesso em 04 de julho de 2022.

De estudante para estudante


Qual o menor país do mundo?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

O que é tectonismo?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

PUBLICIDADE

Estude agora


Como fazer a inscrição no Enem 2021

Vai fazer o Enem 2021 neste ano e quer tirar todas as suas dúvidas sobre a forma de se inscrever no exame mais...

Cem anos de solidão | Análise Literária

Assista a nossa videoaula para conhecer um pouco mais da obra “Cem anos de solidão”, um dos romances mais...