close
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Reino Unido

O Reino Unido é formado pela Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte. O grupo constitui a segunda maior economia da Europa e deixou a União Europeia em 2020.

Bandeira do Reino Unido
Bandeira do Reino Unido
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

O Reino Unido é uma união política formada por quatro países: Inglaterra, País de Gales e Escócia, localizados na ilha da Grã-Bretanha, e Irlanda do Norte, situada na ilha da Irlanda. Juntos, reúnem mais de 67 milhões de habitantes, formando a segunda maior economia do continente europeu.

A cidade de Londres, mais populosa do grupo, é a sua capital política e também seu centro econômico e financeiro. No ano de 2020, o Reino Unido formalizou a sua saída da União Europeia.

Leia também: Escandinávia — região do norte europeu formada por Dinamarca, Suécia e Noruega

Tópicos deste artigo

Resumo sobre o Reino Unido

  • O Reino Unido é formado pela Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte.

  • Trata-se de uma união política entre os quatro países, que estão sob o mesmo sistema de governo monárquico.

  • Apresenta clima temperado e relevo ondulado, com elevações modestas na maior parte de sua extensão.

  • A capital do Reino Unido é Londres.

  • A Inglaterra é o maior país do grupo, tanto em extensão territorial quanto em população. Ela concentra 84% dos mais de 67 milhões de habitantes do Reino Unido.

  • É a segunda maior economia da Europa, com destaque para os serviços financeiros e econômicos, que se enquadram no setor terciário da economia.

  • O grupo deixou a União Europeia oficialmente no ano de 2020, após quatro anos do início do processo de saída que ficou conhecido como Brexit.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Dados gerais do Reino Unido

  • Nome oficial: Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte.

  • Gentílico: britânico.

  • Extensão territorial: 242.495 km².

  • Localização: Norte da Europa.

  • Capital: Londres.

  • Clima: temperado.

  • Governo: monarquia constitucional parlamentarista.

  • Divisão administrativa: países.

  • Idioma: inglês (oficial).

  • Religiões: anglicanismo, catolicismo, presbiterianismo, metodismo, islamismo, hindu.

  • População: 67.886.000 habitantes.

  • Densidade demográfica: 280,6 hab./km².

  • Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 0,932.

  • Moeda: Libra esterlina.

  • Produto Interno Bruto (PIB): US$ 3,12 trilhões.

  • PIB per capita: US$ 46.340.

  • Gini: 0,351.

  • Fuso horário: GMT +1 hora.

  • Relações exteriores:

História do Reino Unido

A história do Reino Unido, levando em conda cada uma de suas nações separadamente, começa com a ocupação dos celtas, nas ilhas britânicas, e decorre, a partir de então, em uma série de domínios estrangeiros, dentre os quais destacam-se os períodos em que esteve sob o Império Romano e o Anglo-Saxão. Estes exerceram maior influência sobre a Inglaterra e os demais países que compõem hoje o Reino Unido, estando no cerne de sua composição socioeconômica e política.

Enquanto união política, o Reino Unido passou a existir no ano de 1707, mediante o Acordo de União 1707, que unificou os parlamentos da Inglaterra e da Escócia e criou o Estado soberano do Reino Unido da Grã-Bretanha, ainda sem a Irlanda do Norte. A junção dos reinos inglês e do País de Gales havia ocorrido alguns anos antes, entre 1535 e 1542. No início do século XIX, mais especificamente em 1801, a união passou a se chamar oficialmente Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte, com a integração desta.

Muitos eventos importantes e de impactos profundos na história tiveram lugar no Reino Unido, dentre os quais se destaca a Revolução Industrial, que se deu a partir do século XVIII. Com grandes avanços estruturais e econômicos, o Reino Unido reúne hoje algumas das nações mais desenvolvidas do mundo, ocupando ainda o posto de segunda maior economia do continente europeu.

Confira no nosso podcast: Países mais e menos ricos do mundo

Diferenças entre o Reino Unido e a Inglaterra

A confusão entre os termos Reino Unido e Inglaterra é bastante comum, e eles são, muitas vezes, utilizados para fazer referência a uma mesma localidade. No entanto, é importante ressaltar que existem diferenças significativas entre eles no que diz respeito à sua organização territorial.

O Reino Unido é uma união política de quatro países distintos: Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte. Os três primeiros estão situados na mesma ilha, a Grã-Bretanha, ao passo que o último pertence à ilha da Irlanda. Por estarem sob o mesmo sistema político e governamental, que tem a rainha à frente do Poder Executivo, o Reino Unido é comumente chamado de país ou Estado.

A Inglaterra é, portanto, um dos países que integram e formam o Reino Unido. Trata-se de sua mais importante nação, tendo em vista que abriga a sede da monarquia, situada em Londres, e também concentra mais de 80% da população britânica.

Mapa do Reino Unido

Mapa do Reino Unido

Geografia do Reino Unido

O Reino Unido corresponde à união formada pelos seguintes países:

  • Escócia;

  • Inglaterra;

  • País de Gales;

  • Irlanda do Norte.

Os três primeiros estão situados na maior ilha pertencente à Europa, que é a Grã-Bretanha, ao passo que o último fica na ilha da Irlanda, dividindo-a com o país de mesmo nome, ambas na porção norte do continente. Trata-se de um Estado que possui um governo central cuja sede fica na cidade inglesa de Londres. Aqueles que vivem no Reino Unido são chamados de britânicos.

Esse conjunto de países ocupa uma área de 242.495 km², sendo mais de 53% dela correspondente ao território da Inglaterra. Sua costa é banhada pelos mares do Norte e da Irlanda, que são parte do Oceano Atlântico, e é separada da Europa continental por meio do Canal da Mancha, que fica a sudeste.

  • Clima do Reino Unido

O clima do Reino Unido é predominantemente temperado, com grande influência das correntes oceânicas em suas características. É marcado pela alta nebulosidade e temperaturas amenas na maior parte do ano, com médias que variam entre 8 °C e 11 °C, chegando a 32 °C no período mais quente.

As chuvas são abundantes e bem distribuídas durante o ano, embora haja registros de volumes mais elevados entre outubro e janeiro (portanto no final do outono e durante o inverno), e o acumulado anual pode superar os 4.000 mm em algumas localidades. Nos meses mais frios, há registros de precipitação na forma de neve.

  • Relevo do Reino Unido

O relevo do Reino Unido divide-se entre as terras altas e montanhosas, que são predominantes nas partes oeste e norte do seu território, e as planícies, situadas a leste e sudeste. A divisão é feita por meio de uma linha imaginária que vai do nordeste ao sudoeste da Inglaterra.

A média altimétrica dos terrenos britânicos é de 162 metros. Sua maior elevação é a montanha de Ben Nevis, que fica na Escócia e fica situada a 1.345 metros acima do nível do mar.

Montanha de Ben Nevis
A montanha de Ben Nevis, na Escócia, representa o ponto mais elevado do Reino Unido.
  • Vegetação do Reino Unido

A maior parte do Reino Unido é recoberta por florestas temperadas compostas por árvores decíduas, isto é, que perdem as suas folhas durante um período do ano, geralmente no outono. Um exemplo é o carvalho, comum nos países da região, com exceção da Escócia. Os campos de vegetação baixa e rasteira também são comuns, sendo chamados de charneca.

  • Hidrografia do Reino Unido

O rio Severn é o maior rio que banha o Reino Unido. Seu curso estende-se por 354 km desde o oeste do País de Gales até a sua foz, no Canal de Bristol. Outros importantes rios cruzam os países britânicos, como o Tâmisa, o Trent, o Wye e o Tay.

Leia também: Mapa da Europa — a representação cartográfica do continente europeu

Demografia do Reino Unido

O Reino Unido conta com 67.886.000 habitantes, segundo os dados mais recentes das Nações Unidas (ONU). Além de ser um território populoso, que representa a 22ª maior concentração populacional de todo o mundo, pode-se dizer que esse conjunto de países é densamente povoado, com densidade demográfica na ordem de 280,6 hab./km² (ONU, 2020).

A distribuição dos habitantes ocorre de forma desigual entre países do grupo. Uma parcela de 84,3% de todas as pessoas que vivem no Reino Unido está alocada na Inglaterra, o que é equivalente a pouco mais de 57 milhões de habitantes. Na sequência, está a Escócia, país que possui 5,5 milhões de habitantes (8,1% do total). As populações do País de Gales e da Irlanda do Norte representam, respectivamente, 4,7% e 2,8% do contingente populacional de todo o Reino Unido.

Mais de 84% das pessoas que vivem no Reino Unido têm residência nas áreas urbanas e, seguindo a tendência que descrevemos anteriormente, as maiores cidades ficam na Inglaterra. Londres, capital inglesa e do Reino Unido, possui 9.176.500 habitantes. Manchester e Birmingham, também centros urbanos ingleses, concentram ambos mais de 2 milhões de habitantes. Destacam-se ainda Glasgow, na Escócia, Belfast, na Irlanda do Norte, e Cardiff, no País de Gales.

Vista da cidade de Londres, Inglaterra
Londres, na Inglaterra, é a cidade mais populosa do Reino Unido.

Economia do Reino Unido

O Reino Unido possui um Produto Interno Bruto (PIB) de US$ 3,12 trilhões, valor que o coloca na quinta posição entre as maiores economias do mundo e em segundo lugar no continente europeu, atrás somente da Alemanha. Esses dados são do Fundo Monetário Internacional (FMI) para o ano de 2021.

Nas últimas duas décadas, entretanto, a economia britânica experimentou uma queda acentuada em decorrência dos efeitos da crise econômica de 2008, que repercute ainda hoje nos países da união, e, mais recentemente, em decorrência do Brexit, como ficou conhecido o processo de saída do Reino Unido da União Europeia, que decorreu entre os anos de 2016 e 2020.

Além da desaceleração da economia, os países do Reino Unido enfrentam, atualmente, um problema de abastecimento que atinge mercados e postos de gasolina, além de escassez de mão de obra.

Meia bandeira da União Europeia e meia do Reino Unido, separadas por uma rachadura
O Reino Unido deixou oficialmente a União Europeia em 2020. Esse movimento ficou conhecido como Brexit.

A economia do Reino Unido concentra-se no setor terciário, que responde por quase 79,2% do PIB da união, representado principalmente pelas atividades do setor financeiro e pelo comércio, doméstico e internacional.

O setor secundário é responsável por 20% do PIB e é composto pelas indústrias de produção de equipamentos elétricos, eletrônicos e de comunicação, de maquinários e ferramentas, de equipamentos de transporte em geral, petroquímica, têxtil e alimentícia.

Destaca-se que o Reino Unido é detentor de grandes reservas de petróleo e carvão mineral, mas importa boa parte da energia consumida desde 2005. A moderna agropecuária responde por menos de 1% do PIB, fornecendo produtos como trigo, batata, cevada, aveia, carnes e leite.

Cultura do Reino Unido

Com a maioria da população sendo inglesa, a cultura do Reino Unido é muitas vezes descrita como sendo a cultura da Inglaterra. Existem, entretanto, muitas particularidades locais em cada um dos países pertencentes à união que garantem ao grupo uma grande diversidade cultural. Soma-se a esse fato o intenso fluxo de turistas oriundos de todas as partes do mundo, que totalizam anualmente 36 milhões de movimentações.

O inglês é o idioma oficial e predominante nos países do Reino Unido. Apesar disso, pelo menos 30% de sua população fala mais de um idioma, parcela que corresponde a línguas locais, como o escocês, o irlandês (ou gaélico) e o galês. A população britânica é composta, ainda, por pessoas de origem africana, caribenha e asiática (principalmente indianos e paquistaneses), além daqueles vindos de outros países europeus, conferindo, assim, ainda maior pluralidade étnica.

Um dos pratos tradicionais do Reino Unido é a Shepherd’s Pie, uma torta feita à base de batatas e carne moída, além da bebida bastante associada aos países, que é o chá.

Leia também: Big Ben — a história de um dos mais famosos cartões-postais londrinos

Infraestrutura do Reino Unido

A ampla cobertura das redes de infraestrutura do Reino Unido é uma das responsáveis pela elevada qualidade de vida disponível nos países da união, com destaque para a Inglaterra. O acesso à energia elétrica é praticamente total, enquanto as redes de água e esgoto atendem a 99% dos moradores dos centros urbanos e a 91,8% daqueles que vivem no meio rural.

O Reino Unido é o 12º maior produtor de energia elétrica do mundo e o 11º maior consumidor. Não obstante a produção esteja em níveis que atenderiam à demanda doméstica, esse conjunto de países importa boa parte da energia consumida internamente. Metade da capacidade instalada é derivada de combustíveis fósseis, ou seja, de uma fonte não renovável.

Em contrapartida, o Reino Unido possui a 6ª maior capacidade instalada de fontes renováveis, com exceção da hidrelétrica, compreendendo 39% da sua matriz elétrica. As hidrelétricas respondem por somente 2%, enquanto os 9% restantes são derivados das usinas nucleares.

Nos transportes, têm destaque as rodovias e as ferrovias, com maior densidade de infraestrutura concentrada na Inglaterra. Além disso, o Reino Unido conecta-se com a porção continental da Europa por meio do Eurotúnel, que corresponde a 50 km de uma ferrovia submarina que atravessa o Canal da Mancha e une-se com a França.

Governo do Reino Unido

O sistema de governo adotado no Reino Unido e ainda vigente é a monarquia constitucional parlamentarista. A rainha é a principal representante do Poder Executivo (chefe de Estado) e exerce essa função sobre todos os quatro países pertencentes à união. A sucessão do cargo se dá através da hereditariedade. O sucessor da atual monarca é o seu filho mais velho.

Já o chefe de governo britânico é o primeiro-ministro, cujo cargo pertence ao Poder Legislativo. O parlamento do Reino Unido é bicameral, formado pelas câmaras dos Lordes e dos Comuns. Ficam em Londres, na Inglaterra, a sede da monarquia e o parlamento do Reino Unido.

Curiosidades sobre o Reino Unido

Fachada da estação de trem na cidade com o nome mais longo do Reino Unido, situada no País de Gales. [1]
Fachada da estação de trem na cidade com o nome mais longo do Reino Unido, situada no País de Gales. [1]
  • O Reino Unido não possui uma constituição escrita, composta de um documento único, como a constituição do Brasil.

  • Os casamentos reais são tratados como feriados nacionais no Reino Unido.

  • O golfe é um esporte tipicamente escocês e tem suas origens nesse país.

  • Londres é a cidade mais cara para se viver no Reino Unido.

  • O País de Gales possui o maior número de castelos por quilômetro quadrado do que qualquer outro país no mundo.

  • A cidade com o segundo nome mais longo do mundo fica no País de Gales. Chama-se Llanfairpwllgwyngyllgogerychwyrndrobwllllantysiliogogogoch. Estima-se que sua população seja de 3 mil habitantes.

  • O monumento de Stonehenge é uma das obras arquitetônicas mais antigas já construídas. Ele data do período Neolítico.

Créditos da imagem

[1] chrisdorney / Shutterstock.com

 


Professora de Geografia
Por Paloma Guitarrara

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Reino Unido"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/reino-unido.htm. Acesso em 18 de maio de 2022.