Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Vegetação do Brasil

Geografia do Brasil

Vegetação do Brasil é um verdadeiro mosaico composto por florestas, campos, savana e mangue. Entretanto, a área de vegetação nativa tem diminuído com o tempo.
Mapa de vegetação do Brasil.
Mapa de vegetação do Brasil.
PUBLICIDADE

A vegetação do Brasil é composta por formações bastante diversas que variam de acordo com características físicas do território nacional, que são o clima, o relevo e o tipo de solo. Dessa forma, encontra-se no país:

  • florestas tropicais e atlânticas, como a Amazônia e a Mata Atlântica;
  • Cerrado;
  • Caatinga;
  • Pampas;
  • mata de araucárias;
  • áreas de transição, como a mata dos cocais;
  • sistemas complexos, a exemplo do Pantanal.

Dados do IBGE mostram, entretanto, que a vegetação nativa brasileira tem ocupado uma área cada vez menor, o que se deve, sobretudo, ao processo de urbanização e abertura de novas áreas para cultivo e pastagem.

Leia também: Quais são os biomas brasileiros?

Resumo sobre a vegetação do Brasil

  • A vegetação do Brasil diz respeito ao conjunto de diferentes formações vegetais que recobrem o território nacional.
  • Características como clima, relevo e tipo de solo influenciam no tipo de vegetação que recobre determinada área.
  • São tipos de vegetação brasileira: Floresta Amazônica, Mata Atlântica, Cerrado, Caatinga, mata dos cocais, mata de araucárias e Pampas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é vegetação do Brasil?

A vegetação do Brasil corresponde a todo o conjunto de espécies e formações vegetais que recobrem o território nacional. Cada uma dessas classes está associada a um diferente tipo de clima, solo e relevo, os quais suportam, assim, plantas com características correspondentes à disponibilidade hídrica, à temperatura, à profundidade e ao nível de fertilidade do solo, entre outros.

Com o passar do tempo, com o avanço das áreas urbanizadas e das atividades antrópicas que se utilizam de extensas áreas, como a produção agropecuária, a vegetação nativa do Brasil teve a sua área reduzida. De acordo como IBGE, entre os anos de 2000 e 2018, uma parcela de 8,34% da cobertura original do país foi retirada, o equivalente a 490 mil km², atingindo principalmente áreas nos biomas da Amazônia e do Cerrado. A maior parcela dessas áreas (43%) foi convertida em pastagens e lavouras agrícolas.|1|

Confira nosso podcast: O dilema das queimadas no Brasil e no mundo 

Tipos de vegetação do Brasil

O Brasil apresenta uma grande variedade de coberturas vegetais, o que se deve, principalmente, à sua extensão continental e diversidade climática. Apontamos abaixo os diferentes tipos de vegetação encontrados no território nacional e suas características.

  • Floresta Amazônica

A Floresta Amazônica é um tipo de floresta equatorial ou tropical. Possui mais de cinco milhões de km² e é, em função disso, considerada a maior floresta tropical do mundo. Trata-se também da principal formação vegetal do território brasileiro, uma vez que recobre aproximadamente 60% de sua superfície. Ocorre em estados da região Norte do Brasil, onde há a predominância de climas quentes e úmidos, como o Equatorial.

A Floresta Amazônica se divide em três categorias, que são:

  • Mata de várzea: localizada em áreas que são alagadas periodicamente, como a planície inundável dos rios. É formada por árvores de médio e grande porte, as quais crescem em solos de elevada fertilidade em decorrência do acúmulo de nutrientes proporcionado pelas águas dos rios.
  • Mata de igapó: situada em áreas rebaixadas, um patamar abaixo da mata de várzea. Por isso é caracterizada por solos alagados durante a maior parte do tempo, onde há a ocorrência de vegetação de pequeno e médio porte adaptada a ambientes aquáticos ou de elevado teor de umidade, como os musgos, vitórias-régias e espécies de arbustivas.
  • Mata de terra firme: compõe a maior parte da Floresta Amazônica e é caracterizada pelas formações de florestas densas, com árvores de grande porte. Diferentemente das demais, ela cresce em solo de baixa fertilidade e cujo teor de umidade é comparativamente baixo. O teor de nutrientes desse substrato depende, sobretudo, da camada de matéria orgânica depositada sobre ele. Encontra-se na mata de terra firme árvores como seringueiras, mogno, palmeiras, cedro, cacau e muitas outras.
Imagem de vegetação típica da Floresta Amazônica.
Formada predominantemente por florestas densas, a Amazônia é a maior floresta tropical do mundo.
  • Mata Atlântica

A Mata Atlântica era formada por florestas ombrófilas e decíduas, e, próximo da faixa costeira, observava-se a presença de vegetação litorânea como restingas e mangues. Atravessa uma grande diversidade de climas, sendo predominante em áreas de clima Tropical, estendendo-se pelo leste do território nacional, desde o Rio Grande do Norte até a porção setentrional do Rio Grande do Sul, avançando sobre grande parte da região Sudeste e também parcela do Centro-Oeste.

De acordo com o IBGE, o bioma que leva o nome da cobertura vegetal é, atualmente, o único em que a vegetação nativa não é predominante. No ano de 2018, restavam somente 12,6% de superfícies recobertas por florestas, as quais foram, aos poucos, dando lugar às cidades e áreas urbanizadas.

  • Cerrado

Chamado também de savana. Recobre mais de dois milhões de km² de área, sendo a vegetação predominante da região Centro-Oeste do Brasil. Observa-se a ocorrência do Cerrado também em estados como:

A vegetação do Cerrado é formada por herbáceas, arbustivas, que compõem os campos, e árvores de médio porte, geralmente com troncos grossos e retorcidos, folhas de superfície reduzida e raízes profundas, que são, respectivamente, adaptadas ao fogo e aos períodos de estiagem característicos do clima Tropical, em que há alternância entre uma estação seca e outra chuvosa. A disposição da vegetação varia de esparsa pela superfície até formações mais densas, que caracterizam a fisionomia dos cerradões.

Trata-se de uma vegetação altamente devastada também em decorrência do avanço das atividades produtivas do agronegócio, com destaque para as lavouras de soja.

  • Caatinga

É chamada também de savana em função da sua fisionomia. É típica de regiões de clima Semiárido, em que há uma prolongada estação sem chuvas. Essas características são encontradas na sub-região conhecida como Sertão Nordestino. A Caatinga é formada por gramíneas, arbustivas e árvores de pequeno e médio porte. Observa-se, ainda, a ocorrência de xeromorfismo em muitas das espécies que compõem a flora da Caatinga, que nada mais é do que o conjunto de mecanismos de adaptação à seca, como a armazenagem de água.

Foto de vegetação tipicamente da Caatinga.
A Caatinga ocorre em regiões de clima Semiárido, dispondo de espécies vegetais adaptadas aos longos períodos de estiagem e altas temperaturas.
  • Mata de cocais

É uma vegetação de transição entre o Cerrado, a Caatinga e a Floresta Amazônica. É encontrada comumente entre estados das regiões Norte e Nordeste do Brasil, na sub-região denominada  Meio Norte, que compreende Maranhão, Tocantins e Piauí. É caracterizada pela presença de árvores de grande e médio porte e dossel aberto, sendo marcante na paisagem palmeiras como carnaúbas, buritis e babaçus.

  • Pantanal

Foto aérea de região do Pantanal.
O Pantanal é um sistema complexo onde se observa vegetação variada que vai de grandes árvores a gramíneas e espécies aquáticas, como vitórias-régias.

O Pantanal é classificado como um sistema complexo, uma vez que agrega feições bastante diversificadas e características de outros biomas e formações vegetais. Ocorre nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, na região Centro-Oeste do país. Em função das terras planas, observa-se a formação de extensas áreas alagadas no período das cheias dos rios.

Determinadas áreas se encontram permanentemente alagadas. Matas ciliares, arbustos, árvores de grande porte e espécies aquáticas, algumas delas endêmicas (isto é, que tiveram origem naquela localidade), compõem essa formação vegetal.

Veja também: Causas e consequências das queimadas no Pantanal

  • Campos ou Pampas

Essa vegetação é típica das regiões de clima Subtropical da região Sul do Brasil, marcando a paisagem dos estados do:

As gramíneas que dão origem aos Campos e as espécies arbustivas são predominantes na paisagem.

  • Mata de araucárias

Chamada também de mata dos pinhais, atravessava a porção central dos três estados que integram a região Sul do Brasil, que são áreas de relevo elevado e clima Subtropical. As araucárias são o principal tipo de árvore encontrado nessa formação, por isso o seu nome. Elas podem ter dezenas de metros de altura, e são caracterizadas pelas folhas em formato de agulha, troncos largos e pela pinha, que origina a semente conhecida como pinhão. Essa vegetação se encontra hoje bastante reduzida em decorrência das atividades exploratórias de extração de madeira.

  • Mangues

Os mangues correspondem à vegetação encontrada nos manguezais. Estes compõem o sistema marinho-costeiro brasileiro, que se estende por toda a faixa litorânea do país, com exceção do Rio Grande do Sul. Os mangues se formam comumente no encontro da água doce dos rios com a água salobra do mar, e são marcados pelas planícies alagadas, onde se encontra grande quantidade de sedimentos que dão origem à lama. As árvores, de troncos e raízes finas, são adaptadas a esse ambiente, e muitas delas possuem raízes expostas para a respiração.

Foto de vegetação típica dos mangues.
As raízes aéreas são características marcantes da vegetação que forma os manguezais.
    • Videoaula sobre florestas do Brasil: Mata Atlântica, mata de araucárias e mata dos cocais

Exercícios resolvidos sobre vegetação do Brasil

Questão 1 - (Fuvest) Estas fotos retratam alguns dos tipos de formação vegetal nativa encontrados no território nacional.

Imagem de cinco tipos de vegetação.

Correlacione as formações vegetais retratadas nas fotos às áreas de ocorrência indicadas nos mapas abaixo.

A)Mapas do Brasil marcando: área litorânea brasileira e Sudeste; MT e MS; Centro-Oeste; parte do Nordeste; parte do Sul.

B) Mapas marcando: litoral brasileiro; parte do Centro-Oeste, Nordeste e Sudeste; parte do Sul; MT e MS; parte do Nordeste.

C) Mapas marcando: parte do litoral, Sudeste e Sul; parte do Sul; parte do Centro-Oeste, Nordeste e Sudeste; MT e MS.

D)Mapas marcando: parte do litoral, Sudeste e Sul; MT e MS; parte do Nordeste; parte do Nordeste; parte do Sul.

E) Mapas marcando: litoral; parte do Sul, parte do Nordeste; parte do Nordeste; parte do MT e MS.

Resolução

Alternativa C. As imagens mostram, respectivamente, Mata Atlântica, mata de araucárias, Cerrado, Caatinga e Pantanal, cujas ocorrências são bem determinadas pelos mapas apresentados na alternativa C.

Questão 2 - (UEA) É considerado um ecossistema costeiro de transição entre os ambientes terrestre e marinho. Característico de regiões tropicais e subtropicais, está sujeito ao regime das marés, dominado por espécies vegetais típicas, e encontra-se associado às margens de baías, barras, enseadas, desembocaduras de rios, lagunas e reentrâncias costeiras, onde haja encontro de águas de rios com a do mar, ou diretamente expostos à linha da costa. A cobertura vegetal instala-se em substratos de formação recente, de pequena declividade, sob a ação diária das marés de água salgada ou, pelo menos, salobra.

(www.ecologia.ib.usp.br. Adaptado.)

O excerto reúne características da formação vegetal denominada

A) mata de igapó.

B) Pantanal.

C) manguezal.

D) caaetê.

E) restinga.

Resolução

Alternativa C. O texto do enunciado descreve as principais características dos manguezais, que integram o sistema costeiro-marinho brasileiro.

Nota

|1| SILVEIRA, Daniel. Brasil perdeu 8,3% da vegetação natural em 18 anos; 42% virou pasto e 19%, plantação, diz IBGE. G1, 24 set. 2020. Disponível aqui.

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Vegetação do Brasil"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/brasil/vegetacao-brasil.htm. Acesso em 27 de outubro de 2021.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

“Dia Mundial da Amazônia: ‘pulmão do mundo’ apela por preservação”

Envolverde, 05-09-2011. Disponível em: Envolverde

Aponte e justifique o erro contido na informação acima.

Questão 2

Descreva, em linhas gerais, a localização geográfica das principais formações vegetais do Brasil (Amazônia, Cerrado, Caatinga, Mata Atlântica, Pantanal e Mata de Araucária).

Mais Questões
Artigos Relacionados
Conheça mais sobre a Amazônia e as particularidades sobre sua vegetação, fauna, flora, hidrografia, clima e relevo. Saiba também sobre o desmatamento no bioma.
Veja as características dos seis biomas brasileiros: Cerrado, Amazônia, Mata Atlântica, Pantanal, Pampa e Caatinga.
Saiba mais sobre a formação vegetal conhecida como Caatinga, bioma exclusivamente brasileiro e que abrange boa parte da Região Nordeste do Brasil. Confira aqui aspectos dessa unidade ecológica, como localização, fauna, flora, clima, vegetação, solo e devastação. Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre esse bioma!
Veja aqui as características mais importantes do Cerrado, como localização, fauna, flora, clima, vegetação, potencial aquífero, características do solo e devastação.
Aprenda o conceito de flora e conheça as demais utilizações do termo.
Acesse e aprenda um pouco mais sobre a Mata Atlântica. Saiba sobre sua fauna e flora, bem como sobre suas características e importância.
Saiba mais sobre o Pantanal. Entenda a fauna e a flora desse bioma. Conheça os impactos ambientais causados no Pantanal.
Conheça os principais tipos de vegetação do Brasil e suas características específicas.