Topo
pesquisar

Tipos de migração

Geografia

A migração existe desde o surgimento do homem, que sempre usou de tal artifício para sobreviver. Atualmente as migrações têm outros motivos, principalmente o econômico.
No mundo globalizado, o mundo ficou pequeno, ao alcance das mãos, e as migrações tornaram-se intensas
No mundo globalizado, o mundo ficou pequeno, ao alcance das mãos, e as migrações tornaram-se intensas
PUBLICIDADE

Desde o surgimento do homem, há milhares de anos, no continente africano, a busca por sobrevivência sempre foi um dos principais objetivos das pessoas que migravam. Por conta disso, as primeiras sociedades eram nômades, pois migravam sempre em busca daquilo que havia se esgotado por onde já tinham passado.

Hoje, na era da globalização, mais do que nunca as migrações se dão por conta do fator econômico, que é a busca por emprego, por melhores salários, por melhores condições de vida, etc.

Existem três variáveis para se classificar os tipos de migrações: o espaço de deslocamento, o tempo de permanência do migrante, e como se deu a forma de migração.

Se considerarmos o espaço de deslocamento, tem-se:

  1. Migração internacional – que ocorre de um país para outro.
  2. Migração interna – que ocorre dentro de um mesmo país, subdividindo-se em:

a)      Migração inter-regional: que ocorre de um Estado para outro.

b)      Migração intra-regional; que ocorre dentro do mesmo Estado.

Levando-se em consideração o tempo de permanência do migrante, tem-se:

  1. Migração definitiva – em que a pessoa passa a residir permanentemente no local para o qual migrou.
  2. Migração temporária – em que o migrante reside apenas por um período pré-determinado no lugar para o qual migrou, como é o caso dos boias-frias.

Se considerar a forma como se deu a migração, tem-se:

  1. Migração espontânea – quando o sujeito planeja, espontaneamente, migrar para outra região, seja por motivo econômico, político ou cultural.
  2. Migração forçada – quando o indivíduo se vê obrigado a migrar de seu lugar de origem, geralmente ocorrendo por catástrofes naturais, como, por exemplo, a seca que atingiu o nordeste brasileiro no final do século XIX.


Por Régis Rodrigues
Graduado em Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ALMEIDA, Regis Rodrigues de. "Tipos de migração"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/geografia/tipos-migracao.htm>. Acesso em 23 de janeiro de 2018.

Teste seus conhecimentos
Questão 1

[…] Todo dia ela diz que é pra eu me cuidar

E essas coisas que diz toda mulher

Diz que está me esperando pro jantar

E me beija com a boca de café

 

Todo dia eu só penso em poder parar

Meio dia eu só penso em dizer não

Depois penso na vida pra levar

E me calo com a boca de feijão

 

Seis da tarde como era de se esperar

Ela pega e me espera no portão

Diz que está muito louca pra beijar

E me beija com a boca de paixão. […]

BUARQUE, Chico. Cotidiano. Construção, Philips, 1993.

Na letra da canção de Chico Buarque, observa-se uma certa rotina do eu lírico quanto às suas atividades diárias, o que inclui ir e voltar do seu trabalho. Esse tipo de deslocamento caracteriza-se como:

a) transumância

b) migração pendular

c) migração sazonal

d) mudança diária

e) migração externa

Ver resposta
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA