Whatsapp

Abóbora

Saúde e Bem-estar

PUBLICIDADE

A abóbora, um dos alimentos mais versáteis do mundo, é fruto da aboboreira. Nativa da América do Sul, ela é cultivada em todo o mundo por ser muito nutritiva e saborosa.

No século XVI, espanhóis e portugueses incluíram as abóboras em suas bagagens, espalhando-as para o restante do mundo. Estudiosos acreditam que já se cultivava abóbora no Peru há 10 mil anos.

Na tradicional festa do Dia das Bruxas, o famoso Halloween, que acontece anualmente nos Estados Unidos no mês de outubro, a abóbora é um dos símbolos principais, tornando-se inclusive enfeite das casas e festas. Para tanto, sua superfície é cortada em formato de rosto: com olhos, nariz e boca, e na parte interna, depois de deixá-la oca, uma vela é colocada e acesa.

Apesar de estar incluída nas hortaliças, a abóbora é um fruto rasteiro.
Apesar de estar incluída nas hortaliças, a abóbora é um fruto rasteiro.

No Brasil, as abóboras são cultivadas há muito tempo e já faziam parte da alimentação dos indígenas, bem antes da colonização.

Apesar de estar no grupo das hortaliças e muitos acharem que se trata de uma verdura ou legume, a abóbora é considerada um fruto rasteiro, pertence à mesma família do chuchu, pepino, melancia e melão.

A abóbora é um dos alimentos mais versáteis do mundo, já que é possível consumir sua semente, broto, folhas, fruto verde e maduro, além de ser usada com fins ornamentais.

Saiba mais: Abobrinha – características, tipos, preparo e benefícios

Nome científico da abóbora

O nome científico da abóbora é Cucurbita, um gênero botânico da família das cucurbitáceas (Cucurbitaceae), a mesma da melancia, melão, chuchu e pepino, por exemplo.

Reino: Plantae

Divisão: Magnoliophyta

Classe: Magnoliopsida

Ordem: Cucurbitales

Família: Cucurbitaceae

Gênero: Cucurbita

Algumas das espécies da abóbora são: Cucurbita ficifolia (abóbora-chila); Cucurbita maxima (abóbora-menina ou abóbora-gigante); Cucurbita moschata (abóbora-cheirosa); Curcubita pepo (abobrinha).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Tipos de abóboras

Existem muitas espécies de abóboras devido à polinização cruzada. Elas podem variar em relação às cores, formas, texturas, polpa e, com isso, ao valor nutricional. Linda, moranga, brasileirinha, tortei, japonesa (cabutiá), paulista, de Butternut, e de pescoço são algumas dessas espécies.

A abóbora moranga é um dos tipos mais populares e uma das mais vistosas. Nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, também é chamada de jerimum. É famosa na culinária pelo preparo do prato “camarão na moranga”.

Camarão na moranga é um dos pratos mais famosos com abóbora.
Camarão na moranga é um dos pratos mais famosos com abóbora.

A abóbora paulista possui polpa mais firme e tamanho variado, assim como a coloração de sua casca, que é rajada de verde. Mais madura, possui a coloração de tom mais amarelado. O nome desse tipo de abóbora pode mudar de acordo com a região. Em Goiás, por exemplo, é conhecida como abóbora goianinha.

A abóbora japonesa, também conhecida como cabotiá, é o cruzamento de duas espécies do fruto: a Cucurbita maxima e Cucurbita moschata. Possui rígida casca verde-escura e polpa densa e macia, sem muita água.

A abóbora de pescoço é famosa pelo tamanho em que pode chegar, já que há aquelas que passam dos 80 cm, sendo chamadas de abóbora-canhão. Possui textura mais fibrosa.

Veja também: Fibras alimentares – por não serem digeridas, não fornecem calorias

Benefícios da abóbora

A abóbora é rica em sais minerais, como cálcio, fósforo, zinco, selênio, magnésio e, principalmente, betacaroteno, substância que protege a pele e a visão.

Suas sementes e o óleo extraído delas são excelente fonte de gorduras insaturadas, além de ter uma boa quantidade de ferro.

Por possuir boas quantidades de antioxidantes, o consumo de abóbora reduz o risco de certos tipos de câncer, doenças cardiovasculares, derrames e problemas nos olhos, como a catarata.

As fibras da abóbora auxiliam na diminuição do apetite, fazendo parte de dietas para o controle de peso.

O ferro e o zinco têm ligação no que diz respeito à formação adequada dos glóbulos vermelhos e ao funcionamento adequado do sistema imunológico. Também combate a prisão de ventre e é indicada para doenças do aparelho digestivo e dos rins.

Opções de preparo

Ingrediente de várias receitas, a abóbora pode ser consumida como salada, de forma cozida ou refogada, como doce ou sopa, e em pães e bolos. A sua semente pode virar petiscos, as folhas podem ser refogadas, e suas flores, empanadas.

O fruto também é muito apreciado quando cozido na água e misturado ao leite adoçado ou na forma salgada, acompanhada por ervas finas. O purê de abóbora é um acompanhamento bastante tradicional feito com o fruto bem maduro.

Veja também: O que são alimentos saudáveis? Confira exemplos!

Cultivo da abóbora

Seu cultivo é bastante comum no Brasil, tendo sua época de safra, geralmente, no período de maio a setembro, quando as frutas estão no ponto ideal para o consumo. No entanto, para começar a plantar, é preciso levar em conta alguns aspectos:

  • Seu cultivo é mais satisfatório em temperaturas mais elevadas, variando de 20 ºC a 28 ºC.
  • Ela é sensível a geadas e, por isso, tem sua floração, frutificação e desenvolvimento dos frutos prejudicados com o frio.
  • Ela se desenvolve bem em todo tipo de solo, exceto os encharcados.

 

Por Érica Caetano
Jornalista 

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

CAETANO, Érica. "Abóbora"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/saude/abobora.htm. Acesso em 06 de maio de 2021.

Artigos Relacionados
Aprenda mais sobre abobrinha, suas características, tipos e modos de preparo. Ela é muito comercializada no Brasil e apresenta uma série de nutrientes.
A produção e comercialização da agricultura orgânica no Brasil.
Você sabe o que é ter uma alimentação saudável? Clique aqui e descubra o que é uma alimentação saudável, seus benefícios e dicas para atingir esse objetivo.
Conheça os alimentos detergentes - alimentos que auxiliam na limpeza dos dentes quando não é possível realizar uma boa escovação.
O estudo dos vegetais e algas, suas características e classificações.
Chuchu, vegetal pertencente à categoria dos frutos, origem do chuchu, características do chuchu, valor nutritivo do chuchu, formas de consumo do chuchu, conservação do chuchu, variedade do chuchu.
Confira algumas dicas para escolher bem os alimentos e, assim, montar uma lancheira equilibrada.
Leia o rótulo e veja a quantidade de aditivos acrescentados ao produto. Para ver essa e outras dicas sobre como comprar e preparar alimentos mais saudáveis leia este texto.
Confira algumas recomendações para uma alimentação saudável e descubra como melhorar sua saúde!