Whatsapp

Ácidos carboxílicos

Química

PUBLICIDADE

Os ácidos carboxílicos são compostos orgânicos caracterizados pela presença de uma carboxila (COOH), estão presentes nas frutas cítricas, no vinagre, em fármacos e conservantes.

Os ácidos carboxílicos participam de reações, como esterificação, utilizada na produção de aromatizantes, entre outras. As características dos compostos desse grupo funcional variam conforme o tamanho e estrutura da cadeia carbônica.

Leia mais: Ácido acetilsalicílico - composto com grupos do ácido carboxílico e do éster

O ácido cítrico presente no limão é um composto do grupo ácido carboxílico.
O ácido cítrico presente no limão é um composto do grupo ácido carboxílico.

Características dos ácidos carboxílicos

  • Os ácidos carboxílicos são representados quimicamente por RCOOH ou CO2H, em que R é o radical orgânico ligado a uma carbonila (C = O) e uma hidroxila (-OH).
  • A presença da carboxila (-COOH) confere uma diferença de polaridade à molécula, tornando-a um composto polar.
  • A solubilidade e o aspecto variam conforme o número de carbonos na cadeia. Ácidos carboxílicos com:

- até quatro carbonos são incolores e líquidos, miscíveis em água;
- cinco a nove carbonos são líquidos viscosos, incolores, pouco solúveis em água;
- 10 ou mais carbonos são sólidos brancos, insolúveis em água.

  • Ácidos de cadeia aberta com até seis carbonos possuem odor forte e característico de manteiga rançosa, são relativamente voláteis.
  • Ácido carboxílico é a função orgânica com caráter ácido mais acentuado, os compostos dessa função possuem pH entre 3 e 5.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Classificação dos ácidos carboxílicos

Os ácidos carboxílicos podem ser classificados pelo número de carboxilas presentes na molécula:

Veja também: Ácido sulfúrico - substância largamente utilizada por indústrias

Nomenclatura dos ácidos carboxílicos

A nomenclatura para ácidos carboxílicos, de acordo com a União Internacional de Química Pura e Aplicada (Iupac), tem como característica da função iniciar com o termo ácido e terminar com o sufixo -oico.

As regras para nomenclatura dessa função, por tratar-se de uma função orgânica, ou seja, pela presença de uma cadeia carbônica, são:

1° passo: numerar os carbonos da cadeia principal, iniciando a contagem pela extremidade em que se encontra a carboxila (-COOH). O prefixo da nomenclatura será dado de acordo com o número de carbonos da cadeia principal.

2° passo: nomear e localizar ramificações: prefixo (número de carbonos) + terminação (-il ou -ila). Se houver mais de uma ramificação na cadeia, elas devem ser posicionadas na nomenclatura por ordem alfabética.

3° passo: verificar a existência de instaurações na cadeia.

Observação: Os prefixos di-, tri- ou penta- são usados para expressar a presença de dois, três ou quatro grupos da mesma espécie. Exemplo: ácido dioico  presença de dois grupos carboxilas.

Veja na tabela a seguir como deve ser estruturada a nomenclatura para ácidos carboxílicos:

 

Prefixo (n° de carbonos)

Infixo (saturação da cadeia)

Sufixo (grupo funcional)

Ácido

1 carbono

Met- 

Apenas ligações simples

-an-

Ácido carboxílico

 -oico

2 carbonos

Et-

3 carbonos

Prop-

1 ligação dupla

-en-

4 carbonos

But-

5 carbonos

Pent-

2 ligações duplas

-dien-

6 carbonos

Hex-

7 carbonos

Hept-

1 ligação tripla

-in-

8 carbonos

Oct-

9 carbonos

Non-

2 ligações triplas

-diin-

10 carbonos

Dec-

Exemplos:

Ácidos carboxílicos presentes no dia a dia

  • Ácido carbônico (OHCOOH): presente no sangue e em bebidas gaseificadas.
  • Ácido acético ou etanoico (CH3COOH): presente no vinagre.
  • Ácido butírico ou butanoico (CH3(CH2)2COOH): presente no leite e em derivados.
  • Ácido fórmico ou metanoico (HCOOH): presente no veneno da formiga-vermelha.
  • Ácido valérico ou pentanoico (CH3(CH2)3COOH): fármaco usado como calmante/sedativo, aplicado também no tratamento de acnes.
  • Ácido benzoico ou benzeno carboxílico (C6H5COOH): utilizado pela indústria alimentícia como conservante e medicinalmente como fungicida.
  • Ácido cítrico ou ácido 2-hidroxi-1,2,3-propanotricarboxílico: presente em frutas cítricas, como laranja e limão.

Veja também: Dicas para determinar-se a força de um ácido 

A substância expelida na picada da formiga contém ácido fórmico, substância do grupo ácido carboxílico.
A substância expelida na picada da formiga contém ácido fórmico, substância do grupo ácido carboxílico.

Reações de ácidos carboxílicos

  • Dímeros

Os ácidos carboxílicos tendem a ligar-se por meio da formação de pontes de hidrogênio, formando um dímero, em que duas moléculas passam a comportar-se como uma só molécula, com o dobro da massa molecular.

  • Reação de neutralização

Ácidos carboxílicos reagem com bases, formando sais carboxilados ou sais orgânicos. Veja, a seguir, a reação com fórmulas gerais, considere R como um radical orgânico e A como um metal:

  • Reação de esterificação

Esse tipo de reação é utilizado principalmente na produção de aromatizantes, acontece entre uma molécula de ácido carboxílico e um álcool, formando um éster e uma molécula de água.

  • Reação de descarboxilação

Nesse tipo de reação, acontece a retirada da carboxila do ácido, tendo como produto o gás carbônico e um alcano ou alceno, alcino, molécula orgânica proveniente do radical ligante à carboxila do ácido, veja:

Exercícios resolvidos

Questão 1 – Sobre os ácidos carboxílicos, assinale a alternativa INCORRETA.

A) Os ácidos carboxílicos são moléculas orgânicas que apresentam o grupo funcional carboxila (-COOH).

B) O tamanho da cadeia carbônica de um ácido carboxílico define características como aspecto, ponto de fusão e densidade.

C) Ácidos carboxílicos, quando aquecidos, podem sofrer reação de descarboxilação, liberando gás carbônico e uma molécula proveniente do grupo orgânico da molécula original.

D) O ácido propanoico é também conhecido como ácido fórmico, essa substância está presente no veneno das formigas-vermelhas.

E) Ácidos tricarboxílicos são compostos orgânicos em que a molécula possui três grupos carboxílicos. Um ácido tricarboxílico muito presente no nosso cotidiano é o ácido cítrico, encontrado em frutas como limão e laranja.

Resolução

Alternativa D. O ácido propanoico não é o mesmo que ácido fórmico. A nomenclatura Iupac para o ácido fórmico é: ácido metanoico, molécula constituída de um carbono apenas.

Questão 2 – A molécula a seguir é um ácido monocarboxílico, assine a alternativa que contém a nomenclatura adequada de acordo com a Iupac.

 

 

A) Ácido propanoico
B) Ácido monobutanoico
C) Ácido butanoico
D) Ácido 1-metil-butanoico
E) Ácido 3-metil-butanoico.

Resolução

Alternativa E. A contagem dos carbonos deve ser iniciada pelo carbono da carboxila, sendo assim, teremos uma cadeia com quatro carbonos correspondente ao prefixo “but-”. A molécula é saturada, ou seja, não tem duplas ou triplas ligações, portanto, usaremos o infixo “-an-”. A ramificação metil está localizada no carbono três, por isso, a nomenclatura correspondente será Ácido 3-metil-butanoico.

 

 

Por Laysa Bernardes Marques de Araujo
Professora de Química

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ARAúJO, Laysa Bernardes Marques de. "Ácidos carboxílicos"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/acidos-carboxilicos.htm. Acesso em 18 de abril de 2021.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

O ácido butírico (do latim butyrum = manteiga) contribui para o cheiro característico de manteiga rançosa. Esse ácido é formado por quatro átomos de carbono unidos numa cadeia saturada. Dê a fórmula estrutural e o nome oficial do ácido butírico.

Questão 2

Sobre o ácido ftálico abaixo, forneça as seguintes informações:

a)      A qual função orgânica ele pertence?

b)      Classifique esse composto como saturado ou insaturado.

c)      Ele é alifático ou aromático?

d)     Classifique-o de acordo com a quantidade de grupos funcionais que possui.

Mais Questões
Artigos Relacionados
Clique para conhecer as principais características e a nomenclatura IUPAC das substâncias orgânicas denominadas de cloretos de ácido.
Aqui você encontrará os grupos funcionais que identificam as principais funções orgânicas existentes.
Entenda como o mel é produzido pelas abelhas e conheça sua composição química e ações terapêuticas.
Clique e conheça tudo sobre o material até sete vezes mais resistente do que o aço, o Kevlar!
Conheça a classificação dos ésteres em lipídios, também conhecidos por lípides, lipídeos e lípidos, que constituem os óleos e gorduras de origem animal e vegetal.
Você já se perguntou se a manteiga deve ser guardada dentro ou fora da geladeira? Descubra a resposta lendo este artigo!
Clique e aprenda com alguns exemplos como realizar a nomenclatura das amidas!
Passo a passo da nomenclatura dos ácidos carboxílicos de cadeias normais, ramificadas, saturadas e insaturadas, de acordo com as regras da IUPAC.
Aprenda a realizar a nomenclatura dos ésteres orgânicos tanto da forma oficial quanto da forma usual.
Grupo funcional carboxila, ácidos carboxílicos, ácido etanóico, ácido acético, vinagre, ácido metanóico, ácido fórmico, ácido benzóico, fungicida, ácidos carboxílicos de baixa massa molecular.