Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Categorias da Geografia

As categorias da Geografia são conceitos-chave que nos auxiliam na compreensão do espaço geográfico. São quatro categorias principais: território, região, paisagem e lugar.

Mulher em frente a mapa-múndi
As categorias da Geografia são conceitos-chave utilizados para a análise e a compreensão do espaço geográfico.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

As categorias da Geografia são os conceitos-chave dessa ciência e são empregadas no estudo e análise do espaço geográfico. O espaço é, por si só, uma importante categoria da Geografia, representando a base de todo o pensamento geográfico. Além dele, podemos falar em quatro outras categorias fundamentais para a Geografia: território, região, paisagem e lugar.

Leia também: Conceitos demográficos — as bases para os estudos em torno da população

Tópicos deste artigo

Resumo sobre categorias da Geografia

  • As categorias da Geografia são os conceitos-chave utilizados para o estudo e análise do espaço geográfico.

  • O espaço geográfico é a principal e a maior categoria da Geografia. É, ainda, o objeto de estudo da ciência geográfica.

  • São importantes categorias de análise do espaço geográfico: território, paisagem, região e lugar.

  • Todas elas representam um recorte do espaço com base em uma perspectiva ou um método específico: das relações de poder (território); do momento e dos sentidos (paisagem); de aspectos em comum e preestabelecidos pelo pesquisador (região); e da individualidade (lugar).

Espaço geográfico

O espaço geográfico é considerado uma das categorias da Geografia, sendo ele o principal objeto de estudo dessa ciência. Sua importância para essa área do conhecimento é tamanha que todas as correntes dela buscam uma definição própria do que seja o espaço geográfico com base no seu próprio enfoque metodológico e recorte temático.

Em linhas gerais, o espaço geográfico pode ser definido como o espaço modificado pela ação dos seres humanos sobre o meio. Em função disso, o espaço geográfico apresenta dois componentes fundamentais: a sociedade e a natureza. No entanto, não é correto afirmar que o espaço geográfico corresponde ao palco da ação humana, tendo em vista que ele não é um elemento estático ou imutável. O espaço geográfico é, na realidade, um elemento de alto dinamismo que transforma e é transformado permanentemente pelas atividades antrópicas.

Uma das definições mais utilizadas de espaço geográfico foi elaborada pelo geógrafo brasileiro Milton Santos (1926-2001), que compreendeu o espaço como um conjunto indissociável formado por um sistema de objetos e um sistema de ações, sendo essas ações aquelas efetuadas pelos seres humanos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quais são as principais categorias Geografia?

Todas as áreas do conhecimento apresentam conceitos-chave que auxiliam no entendimento de sua problemática central ou de seu objeto de estudo. No caso da Geografia, esses conceitos-chave são conhecidos também como categorias. As categorias da Geografia coexistem no espaço geográfico e representam, cada uma delas, um recorte específico desse conceito que é a base de todos os estudos da ciência geográfica.

São quatro as principais categorias da Geografia:

  • território;

  • região;

  • paisagem;

  • lugar.

Território

O território é uma categoria muito utilizada na ciência geográfica, em especial no campo da geopolítica. Define-se como território um espaço delimitado por fronteiras e sobre o qual determinado grupo ou Estado exerce a sua soberania, isto é, o seu poder (político ou não). É, portanto, no território e por meio dos territórios que as relações de poder são estabelecidas, seja no âmbito local, seja em um contexto geopolítico internacional.

É importante ressaltar que as fronteiras que delimitam um território nem sempre são barreiras físicas, mas sim normativas, isto é, definidas por meio da legislação daquela área ou de acordos firmados entre diferentes entidades representativas. Além disso, as fronteiras de um território não são fixas ou estanques, podendo ser alteradas com o passar do tempo em decorrência de disputas de poder, tomadas de áreas, negociações políticas e outros contextos sociopolíticos.

Muro entre os Estados Unidos e o México
Em alguns casos, as fronteiras territoriais são fisicamente delimitadas, mas isso nem sempre acontece. Um exemplo de barreira física é o muro construído entre os Estados Unidos e o México.

Região

A região é outra importante categoria de análise do espaço geográfico, e inúmeros autores clássicos e contemporâneos da Geografia apresentaram contribuições fundamentais para a construção desse conceito. Entende-se por região uma área contínua que é identificada ou delimitada segundo critérios preestabelecidos que são selecionados de acordo com a necessidade ou de acordo com o pesquisador que está conduzindo um estudo sobre aquela área. Esses critérios podem compreender aspectos sociais, econômicos, culturais, etnolinguísticos ou mesmo naturais.

Sendo assim, e conforme pontua Milton Santos, a região não é uma categoria que possui existência própria. Assim como o lugar, que definiremos à frente, a região depende da vivência dos diferentes povos e sociedades que se estabelecem no espaço e da perspectiva do observador que a define.

A regionalização do Brasil passou por inúmeras transformações no decorrer do tempo, e a sua atual configuração foi oficializada em 1988. Os critérios utilizados para a formação das regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul foram as características naturais (físicas), socioeconômicas e culturais dos diferentes estados brasileiros.

Outro exemplo é o das regiões produtivas, como o Matopiba. Essa região é formada por áreas pertencentes aos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, que têm como elemento em comum o rápido avanço do agronegócio e o desenvolvimento de cultivos destinados à exportação, como a soja.

Paisagem

A noção de paisagem é muito utilizada no nosso cotidiano associada à beleza de uma cena, de um quadro natural. Dentro do pensamento geográfico, no entanto, a definição da paisagem difere muito dessa ideia. A Geografia entende como paisagem o quadro momentâneo do espaço formado por meio dos cinco sentidos do observador (visão, audição, tato, olfato, paladar).

A paisagem é um elemento efêmero, que se transforma em questão de segundos, tendo em vista o dinamismo do espaço e das atividades que acontecem sobre ele. Sua caracterização depende também da percepção individual de quem a sente e observa.

Uma paisagem pode ser classificada de duas maneiras, segundo seus elementos formadores:

  • Paisagem natural: é composta somente por elementos da natureza que não foram alterados ou influenciados pela ação dos seres humanos. A transformação das paisagens naturais é lenta e respeita o tempo da natureza.

Pássaros voando sobre lago em meio à vegetação outonal: exemplo de paisagem natural.
Exemplo de paisagem natural.
  • Paisagem cultural: é aquela alterada pelas atividades antrópicas, ou seja, sua composição foi diretamente influenciada pela ação dos seres humanos em maior ou menor grau. Sua transformação acontece de maneira acelerada, seguindo o ritmo de vida da população.

Pessoas passando por faixa de pedestres em avenida movimentada: exemplo de paisagem cultural.
Exemplo de paisagem cultural.

Lugar

O lugar é a categoria mais individual e mutável, em termos de perspectiva pessoal, da Geografia. Não há, além disso, um consenso entre os pensadores da Geografia acerca da definição de lugar.

A definição comumente empregada para o lugar diz que esse é o espaço vivido e percebido pelo indivíduo, sendo compartilhado com outros indivíduos. O lugar é dotado de familiaridade e memórias vivenciadas pelos seres humanos, representando assim a vida cotidiana.

Leia também: O que é cultura?

A maior das categorias da Geografia

O espaço geográfico é a maior das categorias da Geografia. As demais categorias de análise se baseiam no espaço geográfico e representam um recorte específico dele a partir:

  • das perspectivas do poder político (território);

  • do momento (paisagem);

  • de temas específicos relacionados a aspectos socioeconômicos, físicos e culturais (região); e

  • das vivências do cotidiano (lugar).

Exercícios resolvidos sobre categorias da Geografia

Questão 1

(Uece) Leia atentamente o seguinte excerto:

“[...] a existência de país supõe um território. Mas a existência de uma nação nem sempre é acompanhada da posse de um território e nem sempre supõe a existência de um Estado. Pode-se falar, portanto, de territorialidade sem Estado, mas é praticamente impossível nos referirmos a um Estado sem território.”

SANTOS, Milton; SILVEIRA, Maria Laura. O Brasil: território e sociedade do século XXI. Rio de Janeiro: Record, 2001, p. 19.

Das palavras dos autores, é correto deduzir que:

a) Território é imprescindível à existência de um Estado.

b) Nação, Estado e território são categorias mutuamente excludentes.

c) Não existe nação sem Estado.

d) As fronteiras delimitam os territórios, mas não os Estados.

Resolução: Alternativa A

O Estado precisa de uma base física para a sua existência, tendo em vista que é sobre ela que essa instituição se realiza e exerce o seu poder político. Um território existe em um Estado, tendo em vista que a relação entre poder e espaço não se limita somente ao poder político. Entretanto, o Estado necessita de um território.

Questão 2

(Enem)

O meu lugar, Tem seus mitos e seres de luz,

É bem perto de Oswaldo Cruz,

Cascadura, Vaz Lobo, Irajá.

O meu lugar,

É sorriso, é paz e prazer,

O seu nome é doce dizer,

Madureira, ia, Iaiá.

Madureira, ia, Iaiá

Em cada esquina um pagode um bar,

Em Madureira.

Império e Portela também são de lá,

Em Madureira.

E no Mercadão você pode comprar

Por uma pechincha você vai levar,

Um dengo, um sonho pra quem quer sonhar,

Em Madureira.

CRUZ, A. Meu lugar. Disponível em: www.vagalume.uol.com.br. Acesso em: 16 abr. 2010 (fragmento).

A análise do trecho da canção indica um tipo de interação entre o indivíduo e o espaço. Essa interação explícita na canção expressa um processo de:

a) autossegregação espacial.

b) exclusão sociocultural.

c) homogeneização cultural.

d) expansão urbana.

e) pertencimento ao espaço.

Resolução: Alternativa E

O trecho da canção evoca a noção de pertencimento e identificação com o espaço com base na descrição detalhada do lugar em que o compositor vive, na maneira como ele o percebe.

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Escritor do artigo
Escrito por : Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Categorias da Geografia"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/categorias-geografia.htm. Acesso em 08 de dezembro de 2023.

De estudante para estudante


Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

São categorias da Geografia, exceto:

a) território

b) região

c) paisagem

d) lugar

e) espaço celeste

Exercício 2

“O espaço do indivíduo.” Essa é uma definição comumente utilizada para essa categoria da Geografia. Embora não exista um conceito unânime, essa categoria se destaca por ser a mais particular entre todas.

A qual categoria da Geografia o enunciado faz referência?

a) Espaço geográfico

b) Território

c) Lugar

d) Paisagem

e) Região