Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Cultura do Sudeste

A cultura do Sudeste é o conjunto de manifestações culturais da região Sudeste do Brasil. Ela reflete elementos das culturas indígena, africana, europeia e asiática.

Mulher tocando instrumento de percussão no Carnaval do Rio de Janeiro, uma das festas que fazem parte da cultura do Sudeste.
O Carnaval é uma das principais festas tradicionais da região Sudeste do Brasil. [1]
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

A cultura do Sudeste é o conjunto de manifestações culturais dos costumes expressos pela população dos quatro estados dessa região do território brasileiro. Formada a partir dos elementos e das tradições culturais pertencentes aos povos indígenas, africanos, europeus e asiáticos, a cultura regional sudestina é muito rica e diversa, e contribui enormemente para o aspecto multicultural do Brasil.

É possível encontrar na região festas como o Carnaval, a Folia de Reis e o Congado. Os ritmos musicais e as danças são inúmeros, e muitos deles representam a cultura brasileira fora do país, como o samba, a bossa nova e o funk. A culinária é outro importante traço cultural do Sudeste, e nela é possível identificar as influências de povos diversos, tanto na tradicional feijoada carioca até na moqueca capixaba.

Leia também: Como é a cultura do Centro-Oeste?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre a cultura do Sudeste

  • A cultura do Sudeste é formada pelo conjunto de manifestações culturais e tradições expressas pela população dos quatro estados da região Sudeste do Brasil.

  • Tem origem com as populações originárias, os povos africanos e os imigrantes europeus e asiáticos que se instalaram na região.

  • As festas tradicionais do Sudeste incluem o Carnaval do Rio de Janeiro, o Congado, a Folia de Reis e a Festa da Penha.

  • As danças do Sudeste são muito diversas e contemplam o samba, o congado, o fandango e a catira.

  • Alguns dos estilos e ritmos musicais que se destacam no Sudeste são o samba, o choro, a bossa nova, o funk carioca, o pagode e o lundu.

  • Grandes nomes da literatura brasileira são naturais do Sudeste, como Machado de Assis, Carlos Drummond de Andrade e Carolina Maria de Jesus.

  • A culinária sudestina é repleta de sabores e pratos típicos muito diversos, como a moqueca capixaba, o virado à paulista, a feijoada carioca e o pão de queijo mineiro.

  • A cultura do Sudeste é de fundamental importância para a manutenção da diversidade cultural do território brasileiro.

Quais são as principais manifestações da cultura do Sudeste?

Veja a seguir as principais manifestações da cultura do Sudeste.

Festas populares da região Sudeste

As festas populares são parte fundamental da tradição cultural de uma determinada população, visto que por meio delas são expressas manifestações típicas, como as danças e as músicas regionais. Assim acontece com a região Sudeste do Brasil. Além das expressões culturais que são observadas nas celebrações tradicionais do Sudeste, nelas se encontra também parte da rica gastronomia dessa região brasileira. A seguir, confira algumas das principais festas que compõem o calendário sudestino.

Carnaval do Rio de Janeiro (RJ)

Desfile da escola de samba Mangueira, no Carnaval do Rio de Janeiro, uma das festas que fazem parte da cultura do Sudeste.
Dos desfiles no Sambódromo da Marquês de Sapucaí ao carnaval de rua, o Carnaval atrai milhares de turistas para o Rio de Janeiro. [2]

O Carnaval é uma das celebrações mais tradicionais do Brasil e acontece em todo o território nacional no mês de fevereiro. Na região Sudeste, as festas de Carnaval realizadas na cidade do Rio de Janeiro (RJ) atraem turistas do mundo inteiro, tanto para os blocos de Carnaval que saem pelas ruas da cidade quanto para os desfiles que acontecem no Sambódromo da Marquês de Sapucaí.

As escolas de samba do Grupo de Acesso e do Grupo Especial desfilam com centenas de componentes divididos em alas, que são formadas por alegorias e por carros alegóricos, além de uma bateria e dos intérpretes, que são as pessoas que cantam o samba-enredo. Cada escola canta e fala sobre um tema diferente todos os anos, que deve ser mostrado na avenida com muita alegria e, principalmente, harmonia. Milhões de pessoas acompanham os desfiles pela televisão, e outras milhares têm a oportunidade de assistir de perto na avenida.

Além da cidade do Rio de Janeiro, desfiles de escolas de samba acontecem na cidade de São Paulo (SP) no mesmo período do ano. Eles são realizados no Sambódromo do Anhembi.

Folia de Reis

Grupo celebrando a Folia de Reis, uma das festas que fazem parte da cultura do Sudeste.
A Folia de Reis é realizada em todos os estados do Sudeste.[3]

Chamado também de Reisado, a Folia de Reis é uma festa típica do Brasil e possui natureza religiosa católica. Na região Sudeste, ela acontece em todos os estados, ou seja, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Nesse último, as principais celebrações da Folia de Reis acontecem na porção sul do estado. A Folia de Reis se estende do dia 24 de dezembro ao dia 6 de janeiro do ano seguinte, e celebra com músicas tradicionais, encenações, danças e orações a visita dos Reis Magos ao menino Jesus. Para saber mais sobre essa festa, clique aqui.

Congado

Grupo de cortejo em Congado (Congada, Congo, Reinado ou Festa do Rosário), uma das festas que fazem parte da cultura do Sudeste.
O Congado é uma festividade religiosa de origem afro-brasileira.[4]

Chamado também de Congada, Congo, Reinado ou Festa do Rosário, o Congado é uma manifestação cultural que está presente em todos os estados da região Sudeste do Brasil, especialmente em Minas Gerais e no Espírito Santo. Apresenta origem afro-brasileira e está assentado na religiosidade católica e nas tradições de origem africana. Repleto de danças, músicas e também de representações, o Congado celebra a coroação dos reis do Congo e presta homenagem a figuras divinas, como Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Para saber mais sobre essa festa, clique aqui.

Festa da Penha

Letreiro com o escrito “Festa da Penha”, uma das festas que fazem parte da cultura do Sudeste.
A Festa da Penha é uma das mais tradicionais festas religiosas do país.

A Festa da Penha é uma celebração religiosa católica que acontece anualmente no estado do Espírito Santo, sempre realizada oito dias após o domingo de Páscoa. Recebe esse nome por se tratar de uma festa que celebra a padroeira do estado, Nossa Senhora da Penha, assim proclamada no século XVII. Trata-se de uma das festas religiosas mais antigas e mais tradicionais do país, sendo realizada há mais de 450 anos.

Importante: Além dessas, existem muitas outras festas típicas que acontecem na região Sudeste do Brasil. Na virada do ano, por exemplo, as cidades do Rio de Janeiro e de São Paulo realizam tradicionais festas de Réveillon, sendo a primeira na praia de Copacabana e a segunda na Avenida Paulista. Para além disso, o interior de São Paulo e o de Minas Gerais são repletos de festas da colheita e festas de peão, como acontece anualmente em Barretos (SP). Celebrações de forte traço cultural folclórico também marcam o calendário de festejos do Sudeste, como o Bumba Meu Boi, a Festa do Divino e as Cavalhadas.

Danças da região Sudeste

Muitas das danças típicas da região Sudeste do Brasil são apresentadas durante as festas tradicionais dos estados, como é o caso do samba durante o Carnaval ou o congado na Festa do Rosário. A seguir, conheça algumas das danças tradicionais dos estados do Sudeste brasileiro.

  • Samba: é uma das principais danças típicas da região Sudeste e também do Brasil. Nasceu a partir da influência da cultura africana e se consolidou em diferentes partes do território nacional, dentre as quais está o Rio de Janeiro.
  • Fandango: é uma dança de origem europeia, mas que foi introduzida na região Sudeste com a influência dos tropeiros. Divide-se entre o fandango interiorano e o fandango litorâneo, este muito comum nas comunidades caiçaras.
  • Catira: é uma dança feita em grupo e que foi trazida para a região Sudeste pelos tropeiros. Os movimentos de bater os pés no chão, de pular e de bater palmas são feitos em sincronia, acompanhando o som da viola.
  • Congado: além de dar nome à tradicional festa popular, congado é o nome da dança realizada durante essas celebrações. O momento da dança representa a coroação do rei do Congo, e os movimentos coreografados são performados por um grupo de pessoas chamadas de guardas.
  • Mineiro Pau: no Sudeste essa dança é feita nos estados de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. Dançada por um grupo formado por homens dispostos em fileira ou em círculo portando chapéu de palha e lenço no pescoço, a coreografia consiste em uma espécie de confronto em pares feito com bastões de madeira, que são batidos no chão e denotam o compasso da dança.

Músicas da região Sudeste

Homem tocando um pandeiro, um dos instrumentos do samba, ritmo musical que faz parte da cultura do Sudeste.
O samba é um dos ritmos musicais tradicionais da região Sudeste.

A região Sudeste apresenta uma enorme variedade de estilos e de ritmos musicais que refletem a influência de diversas outras culturas, notadamente a africana, na formação das tradições típicas dos estados sudestinos. Alguns desses ritmos são amplamente difundidos mundo afora e imediatamente reconhecidos como brasileiros. Outros são regionais e conhecidos local e regionalmente. Dentre as músicas tradicionais do Sudeste podemos destacar:

  • samba;
  • choro (ou chorinho);
  • bossa nova;
  • funk carioca;
  • pagode;
  • lundu.

Poesia e literatura popular do Sudeste

O Sudeste tem importante participação na formação da literatura tradicional brasileira, uma vez que grandes poetas e escritores nacionais são naturais dos estados que integram essa região do país. Desde autores e autoras clássicos até autores e autoras contemporâneos, existe uma longa lista de personalidades literárias que nasceram e/ou fizeram carreira nos estados sudestinos.

Estátua de Carlos Drummond de Andrade, um escritor mineiro cuja literatura faz parte da cultura do Sudeste.
Estátua de Carlos Drummond de Andrade, um dos principais expoentes da literatura brasileira. [5]

A seguir, conheça alguns desses nomes.

Arte da Região Sudeste

Peças artesanais expostas na Feira Cultural Regional do Estado de São Paulo, materiais que fazem parte da cultura do Sudeste.
Peças de argila, cerâmicas e outros trabalhos manuais são alguns dos principais elementos da arte produzida no Sudeste. [6]

As manifestações artísticas da região Sudeste, além da dança, da música e da literatura, incluem o artesanato. Os trabalhos manuais são feitos com uma grande variedade de matérias-primas encontradas na natureza, como barro, fibras, madeira, sementes e palhas, além dos bordados que são realizados com lãs e tecidos distintos. As comunidades tradicionais do Sudeste, como as populações indígenas, os quilombolas e a população caiçara têm no artesanato um meio de apresentar uma parte de suas tradições culturais e uma fonte de renda. São trabalhos artesanais feitos na região Sudeste:

  • panelas, cuias, objetos de decoração e utensílios de barro e cerâmica;
  • peças entalhadas;
  • cestas, tapetes, esteiras e outros objetos de palha;
  • bordados;
  • peças trançadas em couro ou em fibra vegetal;
  • tecidos e lãs tingidas manualmente.

Lendas da região Sudeste

As lendas e os mitos da região Sudeste são parte fundamental da cultura popular dessa área do Brasil. Eles falam sobre os personagens e os seres encantados que representam o folclore de cada um dos estados, e suas histórias integram o imaginário da população sudestina desde a mais tenra idade. A seguir, conheça algumas das principais lendas do Sudeste:

  • Curupira: um ser encantado, de cabelos vermelhos e pés invertidos, protege a floresta e todos os animais que nela vivem dos caçadores e dos lenhadores.

  • Bicho-papão: uma criatura ou um monstro captura e se alimenta das crianças que se comportaram mau. Existem várias versões dessa lenda no Brasil e também no mundo.

  • Missa dos mortos: o zelador de uma igreja em Minas Gerais ouviu ruídos de madrugada e, quando foi checar o que estava acontecendo, se deparou com uma missa sendo realizada no local. Tanto o padre que celebrava a missa quanto os fiéis que dela participavam tinham aparência cadavérica, mais parecidos com esqueletos. Logo o zelador percebeu que não eram os vivos que celebravam e participavam da missa, mas sim os mortos.

  • Procissão das almas: no passado, as almas de pessoas falecidas saíam do cemitério e vagavam pelas ruas das cidades, como uma procissão. Ouvia-se os lamentos das almas, mas não era possível vê-las. Hoje em dia, durante o período da Quaresma, muitas cidades do Sudeste realizam a procissão com pessoas vestidas com túnicas brancas e segurando velas.

Culinária da Região Sudeste

Cesta com pães de queijo ao lado de uma xícara de café de um queijo, elementos que fazem parte da cultura do Sudeste.
O pão de queijo é um quitute tradicional de Minas Gerais.

A culinária é outro importante aspecto da cultura de um lugar. Ela está presente no dia a dia da população do Sudeste e traduz uma parte dos costumes regionais, além de refletir as influências culturais de outros povos na composição cultural dessa região do país, como africanos, europeus e os indígenas brasileiros. Cada um dos estados do Sudeste possui um prato ou um preparo que os representa, sendo o pão de queijo mineiro um dos principais exemplos. Além dele, são preparos típicos do Sudeste:

  • virado à paulista;
  • cuscuz-paulista;
  • feijoada;
  • moqueca capixaba;
  • feijão-tropeiro;
  • tutu de feijão;
  • torresmo;
  • vaca atolada;
  • galinhada;
  • filé à Oswaldo Aranha;
  • caranguejada.

Religião da Região Sudeste

Pessoas celebrando a Festa de Iemanjá, uma das festas que fazem parte da cultura do Sudeste.
A Festa de Iemanjá, que celebra a Rainha do Mar, acontece todo dia 2 de fevereiro no litoral do Sudeste. [7]

A religiosidade da região Sudeste reflete a diversidade de crenças do território brasileiro. Os seguidores da fé católica compõem a maioria da população e, segundo dados do IBGE, representam cerca de 60% dos habitantes do Sudeste. Os evangélicos são o segundo grupo mais numeroso e correspondem a um quarto da população dos estados sudestinos. Além desses dois grupos majoritários, a religião da região Sudeste inclui praticantes das seguintes matrizes:

  • espiritismo;
  • umbanda;
  • candomblé;
  • Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias;
  • budismo;
  • judaísmo.

Vimos anteriormente que existem festas tradicionais católicas que compõem o calendário anual de eventos da região Sudeste. Os seguidores das religiões de matriz africana, como os umbandistas e os candomblecistas, celebram também a Festa de Iemanjá, que acontece no dia 2 de fevereiro e atrai centenas de pessoas para as praias de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Acesse também: Como é a cultura da região Sul?

Importância da cultura da Região Sudeste

A cultura da região Sudeste reflete as tradições e os costumes de sua população, sendo o que torna essa parcela do território nacional tão única e, ao mesmo tempo, tão representativa da diversidade cultural do Brasil. Muitas das manifestações culturais típicas da região Sudeste auxiliam, ademais, na manutenção e na divulgação da rica cultura dos povos tradicionais e dos povos originários do país, como é o caso dos indígenas, dos quilombolas e dos caiçaras.

Origem da cultura do Sudeste

A cultura da região Sudeste é formada por uma série de manifestações que são originárias ou apresentam a influência de culturas de outros povos, em especial dos indígenas e daqueles oriundos do continente África. Assim sendo, o arcabouço cultural dos estados sudestinos começou a se formar antes mesmo da colonização do território brasileiro, já com os povos originários que habitavam essas terras, concentrando-se principalmente no litoral.

O período colonial brasileiro introduziu muitas referências culturais europeias no Sudeste, tanto por meio dos portugueses que se instalaram na área em diferentes períodos quanto por meio dos tropeiros. A população africana, que foi trazida à força para o país nesse mesmo período, foi de extrema importância para a formação das tradições culturais e de inúmeras manifestações que vemos hoje no Sudeste, como a música, a dança, a culinária e a religião.

A partir do século XVIII, os imigrantes que vieram de outros países europeus, como a Itália, e também de países asiáticos, como o Japão, chegaram aos estados da região Sudeste e trouxeram consigo parte de suas tradições culturais, que são também vistas em diversos aspectos culturais da região.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Curiosidades sobre a região Sudeste

  • A região Sudeste tem 84.847.187 habitantes, o que representa aproximadamente 42% de toda a população brasileira. É, portanto, a região mais populosa do país.

  • A economia da região Sudeste representa cerca de um terço da economia brasileira.

  • A primeira cidade do Brasil, São Vicente, fica na região Sudeste, mais precisamente no litoral do estado de São Paulo.

  • Ficam na região Sudeste as duas únicas cidades globais do Brasil: São Paulo e Rio de Janeiro.

Crédito de imagem

[1] Andre_MA / Shutterstock

[2] Photocarioca / Shutterstock

[3] Paulo Nabas / Shutterstock

[4] Terno de Sainha Irmãos Paiva / Wikimedia Commons (reprodução)

[5] Bruno Martins Imagens / Shutterstock

[6] Felipecbit / Shutterstock

[7] Erica Catarina Pontes / Shutterstock

Fontes

CAIXETA, Izabella. Congados e reinados mostram a identidade negra. Estado de Minas, 2022. Disponível em: https://www.em.com.br/app/noticia/diversidade/2022/01/19/noticia-diversidade,1338497/congados-e-reinados-mostram-a-identidade-negra.shtml.

CARBONARI, Pâmela. Mapa literário: o escritor mais importante de cada Estado. Super Interessante, 2017. Disponível em: https://super.abril.com.br/coluna/literal/mapa-dos-26-autores-mais-importantes-do-pais-estado-a-estado.

CNFCP. Tesauro de Folclore e Cultura Popular Brasileira. CNFCP, [s.d.]. Disponível em: http://www.cnfcp.gov.br/tesauro/apresentacao.html.

DANÇAS TÍPICAS. 7 danças típicas da região Sudeste. Danças Típicas, 2018. Disponível em: https://www.dancastipicas.com/brasileiras/dancas-regiao-sudeste/.

GOVERNO DE MINAS GERAIS. Folclore e folguedos de Minas. Governo de Minas Gerais, [s.d.]. Disponível em: https://www.mg.gov.br/pagina/folclore-e-folguedos-de-minas.

MAPA DE CULTURA RJ. Disponível em: http://mapadecultura.com.br/home.

PREFEITURA DE VILA VELHA. Festa da Penha. Prefeitura de Vila Velha, 2013. Disponível em: https://www.vilavelha.es.gov.br/paginas/cultura-e-turismo-festa-da-penha.

SEBRAE. O artesanato como expressão cultural da Região Sudeste. Sebrae, 2022. Disponível em: https://sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/o-artesanato-como-expressao-cultural-da-regiao-sudeste,c412798b33854810VgnVCM100000d701210aRCRD.

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Cultura do Sudeste"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/brasil/aspectos-culturais-regiao-sudeste.htm. Acesso em 13 de abril de 2024.

De estudante para estudante


Videoaulas


Artigos Relacionados


Carlos Drummond de Andrade

Saiba quem é Carlos Drummond de Andrade. Entenda as características de suas obras, e conheça alguns se seus poemas.
Literatura

Carolina Maria de Jesus

Saiba quem foi Carolina Maria de Jesus. Conheça suas principais obras e veja por que seu livro Quarto de despejo fez tanto sucesso.
Literatura

Cecília Meireles

Saiba quem é Cecília Meireles e as características de suas obras. Leia também algumas frases da autora.
Literatura

Diversidade cultural no Brasil

Acesse este link para entender como o Brasil se tornou um país com diversidade cultural tão ampla e para conhecer um pouco mais da cultura brasileira.
Geografia do Brasil

Estados do Sudeste

Conheça os quatro estados do Sudeste do Brasil. Veja um resumo sobre as principais características de cada um deles e quais são as suas capitais.
Geografia do Brasil

História do Carnaval

Clique para saber mais sobre o Carnaval. Entenda as origens dessa importante festa popular. Veja como era comemorada na Idade Média e como chegou ao Brasil.
Carnaval

Machado de Assis

Clique aqui e conheça o escritor brasileiro Machado de Assis. Saiba quais são as principais características de suas obras. Entenda a dimensão de seu legado.
Biografia

Mário de Andrade

Veja quem foi Mário de Andrade, precursor do modernismo brasileiro. Leia sua biografia, características literárias, análise da obra “Macunaíma” e frases do autor.
Literatura

Região Sudeste

Entenda os aspectos gerais da região Sudeste. Saiba mais sobre o clima e relevo da região mais rica do país, e conheça suas as principais atividades econômicas.
Geografia do Brasil

Rubem Braga

Conheça o escritor modernista Rubem Braga. Saiba quais são as principais características de suas crônicas. Além disso, leia algumas frases do autor.
Literatura