Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

RMS Titanic

O RMS Titanic fez sua única viagem no ano de 1912. O navio se chocou com um iceberg apenas quatro dias após ter deixado a Inglaterra, com mais de 2200 pessoas a bordo.

RMS Titanic partindo do porto de Southampton, na Inglaterra.
No início do século XX, o RMS Titanic impressionava por ser o maior navio de passageiros construído até então.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

RMS Titanic foi um dos maiores e mais luxuosos navios de passageiros do seu tempo. O Titanic, como ficou conhecido, foi construído no início do século XX, na Irlanda do Norte, a mando da empresa White Star Line. A viagem inaugural do navio contava com mais de 2200 pessoas a bordo, entre passageiros e tripulantes, e deixou o porto de Southampton, na Inglaterra, em 10 de abril de 1912, rumo à cidade de Nova Iorque. Apenas quatro dias mais tarde, no entanto, a colisão com um iceberg interrompeu o curso do Titanic, que naufragou na madrugada do dia 15 de abril de 1912, fazendo 1500 vítimas fatais.

Leia também: Livros que foram adaptados para o cinema

Tópicos deste artigo

Resumo sobre o RMS Titanic

  • O Royal Mail Steamer (RMS) Titanic foi considerado o maior e mais luxuoso navio de passageiros do mundo.

  • Foi construído em Belfast, na Irlanda do Norte, entre 1909 e 1911.

  • Tinha capacidade para mais de 3 mil passageiros e pesava 46 mil toneladas.

  • O RMS Titanic saiu de Southampton, na Inglaterra, em 10 de abril de 1912, dando início assim à sua viagem inaugural. O destino era Nova Iorque, nos Estados Unidos.

  • Às 23h40 do dia 14 de abril de 1912, a lateral do navio colidiu com um iceberg, o que provocou danos irreparáveis no casco.

  • O Titanic naufragou às 2h20 da manhã do dia 15 de abril de 1912, causando a morte de 1500 pessoas das mais de 2200 que estavam a bordo.

  • Os destroços do RMS Titanic foram encontrados em 1985. A descoberta foi importante para se entender como aconteceu o naufrágio do navio.

  • O desastre ficou marcado como um dos piores acidentes da história da navegação marítima.

  • Várias obras foram produzidas sobre o RMS Titanic. Uma das mais famosas é o filme Titanic, de 1997.

O que significa RMS Titanic?

RMS Titanic é o nome oficial do transatlântico britânico mais conhecido como Titanic. A sigla RMS significa Royal Mail Steamer (Vapor ou Navio do Correio Real), que indica que esse navio era utilizado também para o transporte das correspondências do Correio Real Britânico.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

História do RMS Titanic

O RMS Titanic era considerado o maior e mais luxuoso navio de passageiros na época de sua construção, que data do início do século XX. A embarcação foi desenvolvida pela empresa Harland & Wolff, situada na cidade de Belfast, capital da Irlanda do Norte. O RMS Titanic pertencia à classe Olympic, e foi encomendado pela companhia White Star Line, que cuidaria também da sua condução. O responsável pelo projeto do Titanic foi o engenheiro e construtor Thomas Andrews Jr. (1873-1912).

A construção do Titanic teve início no ano de 1909, no estaleiro Harland & Wolff, na Irlanda do Norte. O navio foi o segundo de uma série de três transatlânticos da classe Olympic desenvolvidos por essa empresa, e a sua entrega aconteceu em 31 de maio 1911. O navio chamava atenção pela sua grandiosidade e pelo luxo que ostentava. Partiu para sua primeira e única viagem em abril de 1912.

Características do Titanic

O navio possuía 269 metros de comprimento, 28 metros de largura máxima e altura aproximada de 53 metros. A capacidade de carga do RMS Titanic era de 46.328 toneladas, chegando a 52 toneladas quando carregado. Durante a primeira e única viagem realizada pelo navio, somente as bagagens pesavam aproximadamente 900 toneladas. Quanto ao transporte, o Titanic podia comportar mais de 3,3 mil pessoas entre passageiros e membros da tripulação.

Mesas e cadeiras em uma sala de jantar do RMS Titanic.
Uma das salas de jantar no interior do RMS Titanic. O navio contava com quatro restaurantes.

Um dos principais aspectos do interior do RMS Titanic era o luxo, e o espaço contava com uma decoração muito rica em ornamentos. O navio era composto por 840 cabines, sendo 416 na primeira classe, 162 na segunda classe e 262 na terceira classe.

Entre as instalações presentes no RMS Titanic, encontravam-se:

  • restaurantes;

  • bibliotecas e salas de leitura;

  • piscinas no convés e reservadas (algumas aquecidas, destinadas à primeira classe);

  • ginásio (ou quadra);

  • salão de jogos;

  • barbearias;

  • elevadores (quatro no total).

Estima-se que o custo da construção do RMS Titanic tenha sido de 7,5 milhões de dólares à época. Considerando que o navio foi finalizado em 1911, o valor nos dias atuais, corrigido de acordo com a inflação, seria de mais de 234 milhões de dólares.

O sistema de segurança com o qual o navio era equipado — 16 compartimentos estanques que impediriam a entrada de água caso alguma fratura ocorresse no casco — fez com que o Titanic fosse classificado como um navio inafundável.

Veja também: 15 curiosidades sobre o frio

Primeira e única viagem do RMS Titanic

No início da tarde de 10 de abril de 1912, o RMS Titanic deixava o porto da cidade de Southampton, na Inglaterra, para dar início à sua viagem inaugural, que tinha como destino Nova Iorque, nos Estados Unidos. Antes de seguir rumo ao continente americano, o Titanic fez duas paradas: uma na França e outra na Irlanda. Havia 2223 pessoas a bordo do navio, contando com os passageiros e a sua tripulação.

Em seu trajeto pelo oceano Atlântico, o RMS Titanic enfrentou condições normais de tempo, passando por duas frentes frias, sendo a segunda a mais forte delas, no dia 14 de abril, marcada por ventos fortes e queda brusca de temperaturas.|1|

Foi às 23h40 do dia 14 de abril que o RMS Titanic teve a sua viagem interrompida definitivamente quando o navio se chocou com um iceberg. Muito embora o capitão Edward Smith tenha tentado desviar da rota de colisão, ele não obteve sucesso em sua manobra. Como resultado, houve a perfuração de cinco dos compartimentos estanques do navio, o que permitiu a passagem de água para o seu interior.

Pouco menos de uma hora depois do acidente, já na madrugada do dia 15 de abril, foi solicitada a ajuda do navio RMS Carpathia, que chegou somente três horas mais tarde. Ao mesmo tempo, o capitão deu ordens para que mulheres e crianças fossem retiradas pelos botes salva-vidas. Aproximadamente três horas depois de colidir com o iceberg, o RMS Titanic afundou por completo.

Naufrágio do RMS Titanic

O naufrágio do RMS Titanic aconteceu às 2h20 da madrugada do dia 15 de abril de 1912. O navio estava a uma distância aproximada de 560 km de Terra Nova, ilha canadense situada no oceano Atlântico próximo da costa do país.

  • Consequências do naufrágio do RMS Titanic

Mais de 1500 vidas foram perdidas com o naufrágio do RMS Titanic, sendo esse considerado um dos piores desastres marítimos da história. Entre os mortos no acidente, estava o capitão do navio, cujo corpo não foi recuperado. O navio que veio ao resgate dos passageiros e tripulantes do RMS Titanic deixou o local às 8h50 da manhã, com 705 sobreviventes.

Com o naufrágio do navio que era tido como inafundável, uma série de melhorias na segurança das embarcações foram implementadas para que a história do RMS Titanic não se repetisse. Entre essas medidas, estavam protocolos de segurança, como o aumento do número de salva-vidas a bordo e a adoção de radares capazes de detectar ameaças como icebergs, com registros de uso após a Segunda Guerra Mundial.|2|

Destroços do RMS Titanic

Os destroços do RMS Titanic foram localizados 73 anos após o naufrágio. A descoberta aconteceu em 1º de setembro de 1985, e foi feita pelos oceanógrafos Jean-Louis Michel e Robert Ballard. Os remanescentes do transatlântico se encontram a 3800 metros de profundidade e estão em avançado estado de deterioração causado pelo sal marinho, responsável pelo processo de corrosão das peças, e pelas colônias de bactérias que consomem ferro e que se instalaram nos destroços.

Vista dos destroços da proa do RMS Titanic no fundo do oceano.
Os destroços do RMS Titanic foram encontrados mais de 70 anos após o seu naufrágio.

A localização dos destroços do RMS Titanic foi importante para que se tivesse mais detalhes sobre como aconteceu o naufrágio do navio, que, de acordo com a National Geographic, se seguiu de forma bastante violenta após o levantamento da popa. Com isso, constatou-se também que, de fato, o Titanic quebrou ao meio antes de afundar.

Os destroços do Titanic passaram a ser protegidos pela Unesco no ano de 2012 pela sua relevância como Patrimônio Cultural Subaquático.

Saiba mais: Como a bússola funciona?

Filme Titanic

A tragédia do RMS Titanic ficou marcada para sempre na história da navegação marinha e no imaginário da sociedade, tendo sido tema principal de inúmeras produções audiovisuais, como documentários, peças de teatro, livros, curtas e longas-metragens.

Cartaz do filme Titanic com imagem da proa do navio e do casal protagonista acima dela.
O filme “Titanic”, de 1997, é um dos principais longas lançados sobre a história do navio.[1]

Uma das produções mais populares é o filme norte-americano Titanic, dirigido por James Cameron e estrelado por Leonardo DiCaprio e Kate Winslet. Trata-se de um drama fictício que conta a história de amor vivida por Rose Dewitt Bukater e Jack Dawson a bordo do famoso navio, retratando a colisão com o iceberg e o naufrágio do RMS Titanic. O longa estreou no ano de 1997 e arrecadou 2,1 bilhões de dólares internacionalmente, sendo a terceira maior bilheteria da história do cinema até o momento.

Curiosidades sobre o RMS Titanic

  • A velocidade máxima do RMS Titanic era de 23 nós, ou 42,5 km/h.

  • O Titanic despejava cerca de 100 toneladas de cinzas no oceano diariamente, decorrente do carvão queimado para o seu funcionamento.

  • O custo para dormir na primeira classe do Titanic à época (1912) era de 150 dólares, o equivalente a, aproximadamente, 4500 dólares no presente.

  • A inglesa Elizabeth Gladys Millvina Dean foi a passageira e a sobrevivente mais jovem do Titanic. Nascida em 2 de fevereiro de 1912, ela embarcou no navio com apenas dois meses de vida. Millvina Dean faleceu aos 97 anos de idade, em 31 de maio de 2009.

  • O marinheiro Frederick Fleet, que estava de guarda no RMS Titanic na noite de 14 de abril, foi quem primeiro avistou o iceberg e avisou ao capitão Smith. Fleet foi um dos sobreviventes.

  • A maioria das vítimas do acidente do Titanic foi de passageiros da terceira classe (536 fatalidades) e a tripulação (685 fatalidades).

Notas

|1| REDAÇÃO. 100 anos do naufrágio do Titanic – Análise meteorológica e climática. MetSul, 14 abr. 2012. Disponível aqui.

|2| VEIGA, Edison. Titanic: curiosidades sobre o famoso naufrágio ocorrido há 110 anos. BBC News Brasil, 14 abr. 2022. Disponível aqui.

Créditos da imagem

[1] Anton_Ivanov e Shutterstock

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "RMS Titanic"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/rms-titanic.htm. Acesso em 21 de julho de 2024.

De estudante para estudante


Videoaulas