Topo
pesquisar

Satélites artificiais

Física

Satélites artificiais são equipamentos de funcionalidade diversa lançados no espaço e que permanecem em órbita ao redor da Terra.
PUBLICIDADE

Os satélites artificiais são equipamentos construídos pelo homem que, após serem lançados no espaço, permanecem em órbita ao redor da Terra. Esses equipamentos tornaram-se fundamentais para uso de tecnologias na Terra, comunicação e estudos sobre o planeta.

Tipos de satélites

  • Satélites de comunicação (os mais numerosos);

  • Satélites de televisão;

  • Satélites científicos;

  • Satélites meteorológicos;

  • Satélites de sensoriamento remoto de recursos terrestres;

  • Satélites de uso militar.

Isaac Newton e os satélites artificiais

O físico inglês do século XVII Isaac Newton foi quem idealizou a possibilidade do lançamento de objetos que pudessem permanecer em órbita ao redor da Terra. Ele imaginou que, da mesma forma que a Lua orbita a Terra, também seria possível fazer com que objetos quaisquer pudessem orbitar nosso planeta.

Se um objeto é lançado horizontalmente do alto de uma montanha, ele descreve uma trajetória curva até tocar o solo. Aumentando-se a velocidade de lançamento, a distância horizontal percorrida pelo objeto também aumenta. Newton pensou que, se o objeto fosse lançado em uma determinada velocidade, ele descreveria uma trajetória circular ao redor de todo o globo terrestre e voltaria ao ponto do lançamento sem tocar no solo.

A equação a seguir determina a mínima velocidade necessária para o lançamento de um satélite artificial.

Para essa equação, G é a constante de gravitação universal (G = 6,7x1011 N.m2/Kg2); M é a massa da Terra; e R é o raio da órbita do satélite.

Processo de lançamento de um satélite artificial

Os satélites artificiais são levados até a altura desejada a bordo de um ônibus espacial ou acoplados a um foguete. Ao atingir a altura desejada, o satélite é acelerado até que atinja a velocidade necessária para manter-se em órbita. Os satélites ocupam posições ao redor da Terra onde não existe atrito com o ar, o que garante que não haja perda de energia cinética. Com isso, o satélite mantém o movimento por inércia.

Quando foi lançado o primeiro satélite?

O primeiro satélite foi posto em órbita pela União Soviética em 1957. O Sputnik I tinha massa de aproximadamente 83 kg e não possuía uma função específica, apenas transmitia um sinal que podia ser percebido como um “beep” por meio de um rádio.

O Sputnick foi o primeiro satélite colocado em órbita
O Sputnick foi o primeiro satélite colocado em órbita

O primeiro satélite brasileiro foi projetado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e lançado em 1993. O SCD-1 fornece dados meteorológicos e, em 2011, completou 94.994 voltas ao redor da Terra.


Por Joab Silas
Graduado em Física

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

JúNIOR, Joab Silas da Silva. "Satélites artificiais"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/fisica/satelites-artificiais.htm>. Acesso em 06 de dezembro de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA