Topo
pesquisar

Influência da alimentação na saúde dos cabelos

Saúde e Bem-estar

Existe uma relação direta entre a alimentação e a saúde dos cabelos. É por essa razão que muitas pessoas investem em cosméticos, mas não conseguem ter um cabelo saudável.
PUBLICIDADE

Muitas pessoas pensam que, para ter um cabelo bonito, bastar usar um bom shampoo e condicionador. Entretanto, a saúde do cabelo vai muito além do produto que você usa, estando relacionada também com a nossa alimentação.

Crescimento do cabelo

Como todos sabem, mais de 80% do cabelo é formado por uma proteína denominada de queratina. Assim sendo, uma alimentação pobre em proteínas pode dificultar o crescimento do cabelo. Recomenda-se, portanto, o consumo de carnes magras, leite, grãos, cereais, ovos e feijão.

Outro importante nutriente é o zinco, que ajuda no crescimento dos fios e sua deficiência pode fazer com que os cabelos fiquem finos, quebradiços e sem brilho. Alimentar-se de sementes, amendoim e castanhas, por exemplo, pode ajudar na manutenção de nosso cabelo. Vale frisar que alimentos ricos em ferro, como fígado e gema de ovo, auxiliam também no crescimento dos fios.

Queda de cabelo

A queda de cabelo está relacionada com vários fatores, como estresse e a realização de dietas restritivas. Uma pessoa que se alimenta mal apresenta deficiência de proteínas, vitaminas e sais minerais, substâncias essenciais para garantir a força dos cabelos e promover seu crescimento.

Assim sendo, para evitar a queda de cabelo, alguns nutrientes são fundamentais, tais como vitamina C, ferro, biotina (vitamina do complexo B) e vitamina B12. Além disso, é importante frisar que, para cabelos crescerem fortes, alimentos ricos em vitamina A (vegetais amarelos, como a cenoura) são essenciais.

Nutrição do couro cabeludo e lubrificação dos fios

Muitas pessoas não se preocupam com o couro cabeludo, entretanto, o ressecamento, que pode levar à descamação, e o excesso de oleosidade podem prejudicar o cabelo. Para que a nutrição do couro cabeludo esteja adequada, recomenda-se o consumo de alimentos com grande quantidade de vitaminas do complexo B, tais como peixes, leite e cereais.

A lubrificação dos cabelos também pode ser controlada pela alimentação. Nesses casos, a recomendação é que se inclua na dieta gorduras insaturadas, tais como azeite de oliva. Esses alimentos ajudam no funcionamento das glândulas sebáceas, as quais produzem sebo, substância necessária para a lubrificação dos fios.

ATENÇÃO: A alimentação é fator primordial para a beleza dos fios, entretanto, não se esqueça de escolher adequadamente o shampoo e o condicionador adequado para seu tipo de cabelo e sempre opte por produtos que possuam filtro solar.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Influência da alimentação na saúde dos cabelos"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/saude/influencia-alimentacao-na-saude-dos-cabelos.htm>. Acesso em 28 de julho de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA