Topo
pesquisar

Ponto e vírgula

Gramática

PUBLICIDADE

O ponto e vírgula não tem função nem de ponto final e nem de vírgula, mas é um intermediário entre eles. Ou seja, não há pausa total, nem breve, mas uma moderação entre as duas.

É usado:

Para separar itens em uma enumeração (comuns em leis):

Art. 1º A locação de imóvel urbano regula-se pelo disposto nesta Lei.
Parágrafo único. Continuam regulados pelo Código Civil e pelas leis especiais:
a) as locações:
1. de imóveis de propriedade da União, dos Estados dos Municípios, de suas autarquias e fundações públicas;
2. de vagas autônomas de garagem ou de espaços para estacionamento de veículos;
3. de espaços destinados à publicidade.

Para apartar orações coordenadas muito extensas ou que já possuam vírgula:

“Às vezes, também a gente tem o consolo de saber que alguma coisa que se disse por acaso ajudou alguém a se reconciliar consigo mesmo ou com a sua vida; sonhar um pouco, a sentir uma vontade de fazer coisa boa.” (Rubem Braga)

Pode vir ainda substituindo a vírgula, a fim de se ter uma pausa um pouco mais longa. Isso acontece antes das conjunções adversativas (contudo, mas, porém, entretanto, todavia):

1. Quero sair mais com você; pois um casal precisa ter boas amizades.
2. Amanhã é dia de prova; porém não comecei a estudar ainda.
 

Por Sabrina Vilarinho
Graduada em Letras

Veja mais!

Parênteses - Saiba mais sobre o uso correto desse sinal!

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

VILARINHO, Sabrina. "Ponto e vírgula "; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/gramatica/pontoevirgula.htm>. Acesso em 11 de fevereiro de 2016.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • Claudionor Campossábado | 10/10/2015 11:59Hs
    Boa semana a todos. Não me aborreci por ter lido todos comentários desse espaço,e em tantos outros que encontro os leio também,pois já tornei hábito saber opiniões,às vezes divergentes,em questões também do meu interesse. Pior do que me aborrecer,por extensão e quantidade de postagens,é a constatação de tantos erros.Embora muitos o são com o intuito de ironizar o óbvio.A gravidade desta ocorrência-infelizmente recorrente- é que o nocivo,claro,é sempre muito prejudicial,prejudicialíssimo,diria. São consequências num exponencial drástico.
  • Mr. Silvaquarta-feira | 11/02/2015 23:15Hs
    O "ponto e vírgula" nada mais é do que uma "longa pausa", ou seja, se você estiver em um assunto, mas não quer encerrá-lo e nem dar sequência de imediato, usa-se o "ponto e vírgula". Exemplo: "Eu fui à casa da minha tia; nós fomos ao parque". (você não mudou de assunto, deu sequência ao assunto, mas se colocasse somente a vírgula não ficaria "legal". "Ele gosta dele, mas não fala; eu não entendo o porquê".
  • Felipequinta-feira | 01/01/2015 05:07Hs
    Quero um pouco, mas de informação; sobre pontos e vírgulas. Sei que tenho dificuldades. Mas quero muito aprender.
  • samuel da silva aquinoquinta-feira | 25/12/2014 21:06Hs
    Achei otimo a explicação,porem hj em dia é raro de se ver redaçoes com o ponto de virgula,eu costumava utilizar esse sinal mas uma professora que lecionava para mim e meus colegas disse que era desnecessario usa lo;porem sempre achei fundamental saber a função de cada sinal porque enriquece muito a minha redaçao.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA