Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O gás natural é uma fonte de energia renovável?

Gás natural não é uma fonte de energia renovável. Seu processo de formação, assim como o de outros combustíveis fósseis, é muito lento, o que limita sua disponibilidade.

Plataforma offshore de obtenção de petróleo e gás natural.
O gás natural pode ser encontrado associado ao petróleo ou não. Ambos são combustíveis fósseis limitados na natureza.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

O gás natural é uma fonte de energia renovável? É importante destacar que o gás natural é um combustível fóssil composto por hidrocarbonetos, sobretudo metano, cujo processo de formação decorreu ao longo de centenas de milhões de anos. Ele é muito utilizado para a geração de eletricidade e para a obtenção de calor, além de ser uma importante matéria-prima para a indústria. Por ser encontrado em quantidades limitadas na natureza, ele se esgotará no futuro. Isso faz com que ele seja classificado como uma fonte não renovável de energia.

Confira nosso podcast: Fontes de energia e seus efeitos

Tópicos deste artigo

O que é gás natural?

O gás natural é um combustível fóssil que pode ser utilizado como fonte de energia para a geração de eletricidade e calor e também como matéria-prima para a indústria química, especialmente na produção de fertilizantes, e outros setores de transformação. Ele é encontrado em jazidas ou depósitos localizados em profundidade, isto é, abaixo da superfície terrestre, podendo estar associado ou não ao petróleo.

Sua composição se dá predominantemente por hidrocarbonetos. Aquele que aparece em maior proporção é o metano (CH4), seguido do etano (C2H6) e do propano (C2H6). Outros elementos são também encontrados na formação dessa substância, destacando-se a presença de oxigênio, nitrogênio e gás carbônico (ou dióxido de carbono).

O gás natural é responsável atualmente por 23,2% de toda a energia gerada no mundo, de acordo com as informações da Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês). No Brasil, essa fonte constitui 11,8% da matriz energética do país, sendo a quarta fonte de energia com maior participação. Os dados são da Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Gás natural é renovável?

O gás natural não é uma fonte de energia renovável. Sendo assim, ele é classificado como uma fonte não renovável de energia.

Isso porque esse combustível é derivado da decomposição da matéria orgânica (remanescentes de animais, plantas e algas) depositada no solo e depois, no decorrer do tempo geológico, recoberta por diversas camadas de sedimentos, constituindo o que chamamos de bacias sedimentares. O processo de transformação desse material no petróleo e no gás natural acontece sob condições específicas de pressão e temperatura, ambas muito elevadas, com baixa quantidade de oxigênio presente.

Para a obtenção do gás natural que utilizamos no presente, foram necessários centenas de milhões de anos até que ele chegasse ao seu estado conhecido. Trata-se de um tempo muito superior à presença dos seres humanos na terra, e a exploração intensiva desse recurso pode fazer com que ele se esgote. Caso novas reservas não sejam descobertas e o ritmo de consumo permaneça acelerado, o gás natural poderá se esgotar nos próximos 40 ou 50 anos.

O que é fonte de energia não renovável?

Uma fonte de energia não renovável é uma fonte de energia esgotável, que não estará disponível infinitamente no planeta Terra. Trata-se, portanto, de materiais presentes em quantidades limitadas na natureza e que se esgotarão em médio ou em longo prazo, o que dependerá da velocidade com a qual eles são retirados para o uso.

Os combustíveis fósseis são exemplos de fontes não renováveis de energia. Eles compreendem as seguintes substâncias:

Outro exemplo de fontes não renováveis são aquelas utilizadas para a geração de energia nuclear, como o urânio.

Saiba mais: Como o petróleo é transportado?

Fontes de gás natural

O gás natural, como o próprio nome nos indica, é uma fonte de energia encontrada na natureza em locais e condições específicas. Ele está situado em reservas denominadas depósitos ou jazidas, localizadas em profundidades que variam de algumas centenas de metros a quilômetros abaixo da superfície.

As formações geológicas em que o gás natural é encontrado são chamadas de bacias sedimentares, compostas por depósitos sedimentares que deram origem a rochas de alta porosidade que são capazes de armazenar gases e outras substâncias. As fontes de gás natural podem indicar também a presença de petróleo, mas isso não necessariamente acontece. A sua detecção se dá mediante o processo de prospecção, para que então se possa dar início à perfuração do solo e à exploração (ou produção) desse combustível.

As fontes de gás natural podem ser encontradas tanto no continente, onde são instaladas as plataformas terrestres (ou on-shore) para a sua obtenção, quanto em camadas sedimentares abaixo do assoalho oceânico, no subsolo da região do litoral conhecida como plataforma continental. Para a retirada de gás natural nessas áreas, instala-se as plataformas off-shore, que ficam no mar.

Vantagens e desvantagens do gás natural

Na tabela abaixo listamos algumas das principais vantagens e desvantagens da utilização do gás natural.

Vantagens

Desvantagens

Causa menores impactos ao meio ambiente do que outros combustíveis fósseis e derivados.

É uma fonte de energia não renovável.

Pode substituir o gás comum de cozinha (GLP) e ser utilizado em casa para o aquecimento.

Produz elementos tóxicos à saúde humana, como o monóxido de carbono, perigoso por não possuir cor nem cheiro.

Pode ser transportado de maneira mais rápida, barata e segura por meio dos gasodutos.

É inflamável, podendo causar explosões e incêndios.

É menos denso do que o ar, podendo se dissipar mais rapidamente.

Possui custos de produção muito elevados devido à infraestrutura que requer.

Possui elevada produtividade.

 

Não precisa ser armazenado em estoques.

 

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "O gás natural é uma fonte de energia renovável?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/gas-natural.htm. Acesso em 23 de fevereiro de 2024.

De estudante para estudante