Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O que são números pares e ímpares?

O que é?

O que são números pares e ímpares? Os pares são aqueles terminados em 0, 2, 4, 6 ou 8. Já os ímpares são aqueles que não são pares e são terminados em 1, 3, 5, 7 ou 9.
Os números pares e ímpares são representados por algarismos e pertencem ao subconjunto dos números inteiros
Os números pares e ímpares são representados por algarismos e pertencem ao subconjunto dos números inteiros
PUBLICIDADE

Os conjuntos numéricos são reuniões de números que apresentam uma ou mais características em comum. Todo conjunto numérico possui subconjuntos, que são definidos impondo uma condição adicional ao conjunto numérico observado. É assim que são definidos os conjuntos dos números pares e ímpares, que são subconjuntos dos números inteiros.

Por esse motivo, é importante compreender bem o que são conjuntos, subconjuntos e o conjunto dos números inteiros para obter detalhes mais aprofundados sobre os números pares e ímpares.

Conjunto dos números inteiros

O conjunto dos números inteiros é formado apenas por números que não são decimais, ou seja, que não possuem vírgula. Em outras palavras, são os números que representam unidades que ainda não foram repartidas.

A esse conjunto, pertencem os números inteiros negativos, o zero e os números inteiros positivos. Assim, podemos escrever seus elementos da seguinte maneira:

Z = {…, – 3, – 2, – 1, 0, 1, 2, 3, …}

Uma informação adicional: o conjunto dos números naturais está contido no conjunto dos números inteiros, pois os números naturais são aqueles que, além de inteiros, não são negativos. Portanto, o conjunto dos números naturais é um dos subconjuntos do conjunto dos números inteiros.

Números pares

Assim como o conjunto dos números naturais é subconjunto dos números inteiros, o conjunto dos números pares também é. Em um primeiro momento, aprendemos a reconhecer os elementos do conjunto dos números pares por meio de brincadeiras. A regra usada é: todo número par termina com 0, 2, 4, 6 ou 8. Dessa maneira, 224, por exemplo, é um número par porque termina com o algarismo 4.

Entretanto, essa é uma consequência da definição formal de número par, que pode ser compreendida como:

Todo número par é múltiplo de 2.

Existem outras definições para os elementos desse subconjunto dos números inteiros, por exemplo:

Todo número par é divisível por 2.

A “definição algébrica” usada para reconhecer os elementos desse conjunto é: dado um número p, pertencente ao conjunto dos números inteiros, p será par se:

p = 2n

Nesse caso, n é um elemento do conjunto dos números inteiros. Note que essa é a “tradução” da primeira definição em termos algébricos.

Números ímpares

Os números ímpares são os elementos do conjunto dos números inteiros que não são pares, ou seja, são os números que terminam com algum dos algarismos 1, 3, 5, 7 ou 9. Formalmente, o conjunto dos números ímpares é um subconjunto dos números inteiros, e a definição de seus elementos é:

Todo número ímpar não é múltiplo de 2.

Os elementos desse subconjunto ainda podem ser definidos:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Todo número ímpar não é divisível por 2.

Além disso, também é possível escrever a definição algébrica para os elementos do conjunto dos números ímpares: dado um número inteiro i, ele será ímpar se:

i = 2n + 1

Nessa definição, n é um número pertencente ao conjunto dos números inteiros.

Propriedades

As propriedades a seguir são resultados da definição de números pares e ímpares e da ordenação do conjunto dos números inteiros.

1 – Entre dois números ímpares consecutivos sempre existe um número par.

É por esse motivo que não precisa haver dúvidas quanto ao número zero. Como ele está entre – 1 e 1, que são inteiros ímpares consecutivos, então ele é par.

2 – Entre dois números pares consecutivos sempre existe um número ímpar.

3 – A soma entre dois números inteiros consecutivos sempre será um número ímpar.

Para mostrar isso, considere n um número inteiro e observe a adição entre 2n e 2n + 1, que são os inteiros consecutivos formados por ele:

2n + 2n + 1 =

4n + 1 =

2(2n) + 1

Sabendo que 2n é igual ao número inteiro k, temos:

2(2n) + 1 =

2k + 1

Que cai justamente na definição de número ímpar.

4 – Dados os números a e b consecutivos, a é par e b é ímpar, a diferença entre eles sempre será igual a:

1, se a < b

– 1, se a > b

Como os números são consecutivos, a diferença entre eles sempre deverá ser de uma unidade.

5 – A soma entre dois números ímpares, ou entre dois números pares, tem como resultado um número par.

Dados os números 2n e 2m + 1, teremos:

2n + 2n = 4n = 2(2n)

Fazendo 2n = k, que também é um número inteiro, teremos:

2(2n) = 2k

Que é um número par.

2m + 1 + 2m + 1 = 4m + 2 = 2(2m + 1)

Sabendo que 2m + 1 = j, que também é um número inteiro, teremos:

2(2m + 1) = 2j

Que é um número par. Usando cálculos semelhantes, podemos concluir todas as propriedades a seguir:

6 – A soma entre um número par e um número ímpar é sempre igual a um número ímpar.

7 – A diferença entre dois números ímpares, ou entre dois números pares, é sempre igual a um número par.

8 – O produto entre dois números ímpares é igual a um número ímpar.

9 – O produto entre dois números pares terá como resultado um número par.

 

Por Luiz Paulo Moreira
Graduado em Matemática

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Luiz Paulo Moreira. "O que são números pares e ímpares?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/matematica/o-que-sao-numeros-pares-impares.htm. Acesso em 28 de setembro de 2021.

Artigos Relacionados
Clique para aprender o que são conjuntos numéricos e as principais características de cada um!
Saiba o que são números reais, as relações desses números com outros conjuntos numéricos e suas propriedades básicas!
Saiba o que é o conjunto dos números naturais e também os subconjuntos dos naturais.
Clique para descobrir o que é um número composto e como esse conceito relaciona-se com o de números primos.
Descubra o que é o conjunto dos números inteiros e aprenda alguns de seus elementos, representações e o conceito de módulo ou valor absoluto.
Você sabe o que é o módulo ou valor absoluto de um número? Aprenda a definir número simétrico a partir desse conhecimento.
Clique para descobrir o que é reta numérica e as relações existentes entre a reta e os números reais!
Descubra o que é reta, de que maneira ela se relaciona com o conceito de ponto e algumas definições básicas que a envolvem!
Clique para descobrir o que é ângulo, quais são os ângulos notáveis e as ferramentas utilizadas para medi-los.
Veja o que são retas, semirretas e segmentos de retas, além de compreender a classificação das retas em concorrentes, coincidentes e paralelas.
Saiba o que é um ângulo, aprenda a sua classificação e confira ainda exercícios resolvidos para testar seus conhecimentos.
Confira a definição de conjunto dos números reais, além de algumas propriedades básicas que o envolvem!
Aprenda quais são os números naturais e entenda o conceito de sucessão. Veja também a ideia de paridade de um número natural com exemplos.
Conheça o conjunto dos números inteiros, o modo como esses números foram criados e algumas de suas utilidades.
Teste seus conhecimentos sobre retas com estes exercícios e obtenha as resoluções comentadas das questões.
Clique para testar seus conhecimentos resolvendo exercícios sobre números reais e seus subconjuntos!
Aprenda a solucionar exercícios com números inteiros. Acesse e fique por dentro!
Teste os seus conhecimentos sobre o conjunto dos números naturais e sobre as operações básicas que o envolvem.
Resolva esta lista de exercícios sobre ângulos. Teste seu conhecimento sobre ângulos complementares, suplementares, entre outros conceitos importantes.