Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Predicativo do objeto

Predicativo do objeto é a parte de uma oração que expressa a qualidade, estado ou condição do complemento verbal. Ele ocorre apenas nos predicados verbo-nominais.

O predicativo aponta uma característica do objeto direto ou indireto da oração.
O predicativo aponta uma característica do objeto direto ou indireto da oração.
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Predicativo do objeto é a parte de uma oração que aponta a qualidade, o estado ou a condição do complemento verbal. Ele pode ser um predicativo do objeto direto ou um predicativo do objeto indireto. Diferencia-se do predicativo do sujeito, o qual caracteriza o sujeito e não o complemento verbal da oração.

Leia também: Classificação dos verbos quanto à predicação

Tópicos deste artigo

Resumo sobre predicativo do objeto

  • O predicativo do objeto expressa uma qualidade, um estado ou uma condição do complemento verbal.

  • Existem dois tipos: o predicativo do objeto direto e o predicativo do objeto indireto.

  • O predicativo do sujeito qualifica o sujeito de uma oração.

  • O adjunto adnominal é um termo que acompanha e caracteriza o substantivo.

  • O predicativo do objeto pode ser encontrado apenas no predicado verbo-nominal.

Videoaula sobre predicativo do objeto

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é predicativo do objeto?

O predicado verbo-nominal é formado por um verbo transitivo ou intransitivo, mais um predicativo. Desse modo, o predicativo do objeto está relacionado a uma qualidade, um estado ou uma condição do complemento verbal:

Consideramos seu trabalho satisfatório.

Acusou o homem de ladrão.

A detetive deu por solucionado o caso.

Ela tem essa mulher como amiga.

A vida fez o rapaz mais desconfiado.

Note que, nos exemplos, os complementos verbais “seu trabalho”, “o homem”, “o caso”, “essa mulher” e “o rapaz” são, respectivamente, assim qualificados: “satisfatório”, “de ladrão”, “por solucionado”, “como amiga” e “mais desconfiado”.

Quais os tipos de predicativo do objeto?

Observe estes enunciados:

Joana encontrou o amigo enfurecido.

A realidade fazia-o infeliz.

Considero essa situação insustentável.

Nos exemplos, os predicativos “enfurecido”, “infeliz” e “insustentável” estão relacionados a objetos diretos. Isso porque “o amigo” é objeto direto do verbo “encontrou”; “o”, do verbo “fazia”; e “essa situação”, do verbo “considero”.

Veja estas frases:

Lucinda chamou-lhe traidor.

A médica chamou aos enfermeiros de heróis.

Assim, apenas o verbo “chamar” pode gerar esse tipo de predicativo, como mostram os dois exemplos. Neles, os predicativos “traidor” e “de heróis” estão associados a objetos indiretos, já que “lhe” e “aos enfermeiros” são objetos indiretos do verbo “chamou”.

Leia também: Complemento nominal — termo integrante da oração

Predicativo do objeto e predicativo do sujeito

O predicativo do objeto qualifica o complemento verbal:

O álcool deixa as pessoas incontroláveis.

Já o predicativo do sujeito qualifica o sujeito de uma oração:

O mundo está estranho.

Assim, o predicativo do sujeito é ligado a esse sujeito por um verbo de ligação:

O mundo está estranho.

Outra diferença é que o predicativo do sujeito ocorre em um predicado nominal ou verbo-nominal, enquanto o predicativo do objeto aparece apenas em um predicado verbo-nominal:

Fábio tornou-se honesto.

Fábio partiu tranquilo.

Fábio achou o carro pequeno.

No primeiro enunciado, temos o predicado nominal “tornou-se honesto”, em que a palavra “honesto” é o predicativo do sujeito “Fábio”. Já no segundo, podemos apontar o predicado verbo-nominal “partiu tranquilo”, no qual o termo “tranquilo” é o predicativo do sujeito “Fábio”. Por fim, no terceiro, é possível perceber, no predicado verbo-nominal “achou o carro pequeno”, que “pequeno” é o predicativo do objeto direto “o carro”.

Predicativo do objeto e o adjunto adnominal

O adjunto adnominal é um termo que acompanha e caracteriza o substantivo. Desse modo, o adjunto pode ser um adjetivo, artigo, numeral, pronome ou locução adjetiva:

Aquelas duas inteligentes mulheres de aço venceram todos os obstáculos.

Nesse enunciado, o substantivo “mulheres” é acompanhado e caracterizado por um pronome (“aquelas”), um numeral (“duas”), um adjetivo (“inteligentes”) e uma locução adjetiva (“de aço”).

Observe esta oração:

Dois anos depois, os detratores venceram essas inteligentes mulheres.

Nela, percebemos que o objeto direto do verbo “venceram” é “essas inteligentes mulheres”. Nesse caso, “inteligentes” é um adjunto adnominal, pois acompanha e caracteriza o substantivo “mulheres”.

Agora, vejamos esta outra oração:

Todos achavam aquelas duas mulheres inteligentes.

Nesse caso, o enunciado não diz que as duas mulheres são inteligentes, mas que todos as consideravam inteligentes. Isso fica claro se mudarmos o predicativo de lugar:

Todos achavam inteligentes aquelas duas mulheres.

Então, podemos perceber que o adjetivo “inteligentes”, nesse caso, é um predicativo do objeto, pois não acompanha, só caracteriza, o substantivo “mulheres”. Assim, é possível afirmar que o objeto direto do verbo “achavam” é “aquelas duas mulheres” e não “aquelas duas mulheres inteligentes”.

Leia também: Diferenças entre adjunto adnominal e adjunto adverbial

Predicativo do objeto e predicado verbo-nominal

O predicado verbo-nominal é composto por uma ação e um estado. Ele é formado por um verbo transitivo ou intransitivo, além de um predicativo do sujeito ou do objeto:

Meus filhos chegaram.
(ação indicada por um verbo intransitivo)

Meus filhos chegaram alegres.
(ação indicada por um verbo intransitivo + estado indicado por um predicativo do sujeito)

Acusaram meus filhos de desonestos.
(ação indicada por um verbo transitivo direto + estado indicado por um predicativo do objeto)

Portanto, o predicativo do objeto só ocorre em um predicado verbo-nominal, já que o predicado nominal exige apenas um predicativo do sujeito e o predicado verbal não admite predicativos.

Exercícios resolvidos sobre predicativo do objeto

Questão 1

Marque a alternativa em que o adjetivo exerce a função de predicativo do objeto.

a) A menina está melancólica.

b) Tímida, Matilde já não o era.

c) Edu assistiu alegre ao espetáculo.

d) Diva parecia contente de manhã.

e) O livro deixou o menino alegre.

Resolução:

Alternativa “e”

Em “O livro deixou o menino alegre”, o adjetivo “alegre” é predicativo do objeto direto “o menino”.

Questão 2

Todos os enunciados a seguir apresentam um predicativo do objeto, EXCETO:

a) Ouvimos sua história aterrados.

b) Achamos a sua vida grandiosa.

c) Chamei à jovem de alienada.

d) Creio corretas as suas ações.

e) Tenho você como irmão.

Resolução:

Alternativa “a”

Na questão, são predicativos do objeto: “grandiosa” (alternativa “b”), “de alienada” (alternativa “c”), “corretas” (alternativa “d”) e “como irmão” (alternativa “e”). No entanto, a alternativa “a” apresenta um predicativo do sujeito, isto é, o termo “aterrados”.

Questão 3

Analise os enunciados a seguir e marque a alternativa que apresenta um adjunto adnominal.

a) Consideraram bonita minha atitude.

b) Julgaram bonita a minha atitude.

c) Tomamos uma bonita atitude ontem.

d) Seus olhos fizeram bonita minha atitude.

e) O contexto tornou minha atitude bonita.

Resolução:

Alternativa “c”

O adjetivo “bonita” é predicativo do objeto em todas as alternativas, com exceção da alternativa “c”, em que ocorre um adjunto adnominal, já que esse adjetivo acompanha e caracteriza o substantivo “atitude”.

 

Por Warley Souza
Professor de Gramática

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Warley. "Predicativo do objeto"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/predicativo-objeto.htm. Acesso em 06 de julho de 2022.

De estudante para estudante


Qual a diferença entre os “porquês”?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Qual a diferença entre frase e oração?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

Observe a oração ambígua: “O Padre Gerôncio julgou o sacerdote jovem”.

Por um lado, “jovem” pode ser o resultado do julgamento do Padre Gerôncio, sendo predicativo; por outro, pode ser uma característica do sacerdote que independe do julgamento do Padre Gerôncio, sendo adjunto adnominal.

Identifique a alternativa em que “jovem” não representa o julgamento do padre Gerôncio, sendo adjunto adnominal.

a) O Padre Gerôncio julgou o jovem sacerdote.
b) O Padre Gerôncio julgou-o jovem. 
c) O sacerdote foi julgado jovem pelo Padre Gerôncio. 
d) O Padre Gerôncio julgou jovem o sacerdote.
e) O Padre Gerôncio julgou que o sacerdote era jovem.

Exercício 2

Analisando as orações que seguem, procure indicar a função sintática dos termos destacados, tendo como subsídio a noção relacionada a predicativo do sujeito e a predicativo do objeto:

a) Sempre  a considerei uma excelente amiga.
b) Os convidados aparentavam eufóricos com a demora da apresentação.
c) Os convidados caminhavam maravilhados pelo rol de entrada do salão.
d) Ela certamente será uma boa esposa
e) Todos o julgaram inocente.
f) Julgaram incorreta a atitude dela.

PUBLICIDADE

Estude agora


Como fazer a inscrição no Enem 2021

Vai fazer o Enem 2021 neste ano e quer tirar todas as suas dúvidas sobre a forma de se inscrever no exame mais...

Êxodo rural

Assista à nossa aula e descubra o que é o êxodo rural. Conheça as causas e consequências desse fenômeno mundial....