Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Adjunto Adnominal e Predicativo

Há diferenças entre o adjunto adnominal e o predicativo: este é um termo essencial e aquele um termo integrante.

Entre o adjunto adnominal e o predicativo há diferenças, uma vez que este representa um termo essencial da oração e aquele um termo integrante dela
Entre o adjunto adnominal e o predicativo há diferenças, uma vez que este representa um termo essencial da oração e aquele um termo integrante dela
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

O adjunto adnominal e o predicativo estão relacionados à morfossintaxe, cuja principal característica se define pelo fato de um mesmo termo, levando em conta sua classificação morfológica, desempenhar distintas funções, quando analisado sob a ótica da sintaxe (análise sintática).

Assim sendo, o artigo que ora se evidencia apresenta como “ator” desse cenário linguístico o bom, respeitado e admirado adjetivo. Estando ele inserido num dado contexto linguístico, ora faz as vezes de adjunto adnominal, ora de predicativo. Aprenda, portanto, a distinguir a diferença que há entre ambas as funções:

* Adjetivo na função predicativa: 

O garoto é educado.

Notamos que “educado”, além de conferir uma qualidade ao substantivo “garoto”, apresenta-se como um termo essencial à oração, haja vista que sem ele o discurso se tornaria vago, sem sentido.
Dessa forma, mediante tais pressupostos, dizemos se tratar de um predicativo.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

* Adjetivo na função de adjunto adnominal: 

 O garoto sorridente está atrasado.

Constatamos que o termo “sorridente” apenas confere uma informação a mais acerca do sujeito “garoto”, pois o discurso se tornaria compreensível se apenas disséssemos que o garoto está atrasado. Assim sendo, afirmamos que ele se classifica como adjunto adnominal – representando, por ora, apenas parte do sujeito, ou melhor, um acessório dela.


Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DUARTE, Vânia Maria do Nascimento. "Adjunto Adnominal e Predicativo"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/adjunto-adnominal-predicativo.htm. Acesso em 06 de julho de 2022.

De estudante para estudante


Qual a diferença entre os “porquês”?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Qual a diferença entre frase e oração?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

Tendo em vista os pressupostos linguísticos que demarcam o adjunto adnominal e o predicativo, compare os enunciados e, a seguir, responda ao que se pede:

O garoto extrovertido apresentou o trabalho.

O garoto, extrovertido, apresentou o trabalho.

a- Constatamos que o adjetivo “extrovertido” se encontra presente em ambos os enunciados. Assim, há alguma diferença que os demarca em termos gramaticais? Justifique.

Exercício 2

(Vunesp)

“De resto não é bem uma greve, é um lock-out, greve dos patrões, que suspenderam o trabalho noturno”.

“Muitas vezes lhe acontecera bater à campainha de uma casa e ser atendido por uma empregada ou por outra pessoa qualquer”.

“E, às vezes, me julgava importante.”

Identifique a alternativa em que os termos em destaque aparecem corretamente analisados quanto à função sintática:

a)     Predicativo, sujeito, objeto direto

b)     Aposto, agente da passiva, predicativo

c)     Objeto direto, objeto indireto, adjunto adverbial

d)     Complemento nominal, adjunto adverbial, aposto

e)     Vocativo, adjunto adnominal, predicativo

PUBLICIDADE

Estude agora


Como fazer a inscrição no Enem 2021

Vai fazer o Enem 2021 neste ano e quer tirar todas as suas dúvidas sobre a forma de se inscrever no exame mais...

Quem foi Nelson Mandela?

Assista a nossa videoaula para conhecer a história de Nelson Mandela (1918-2013). Confira também, no nosso...