Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Vitória

Geografia do Brasil

Vitória é um município brasileiro da região Sudeste, capital do estado do Espírito Santo. Abriga importantes empresas nacionais e dois dos principais portos de carga do Brasil.
Bandeira de Vitória
Bandeira de Vitória
PUBLICIDADE

Vitória é a capital do estado do Espírito Santo, localizado na região Sudeste do Brasil. É uma das menores capitais brasileiras tanto em área quanto em população, com 365 mil habitantes, de acordo com o IBGE.

Possui clima Tropical e relevo que varia de colinoso a plano, integrando o bioma Mata Atlântica. A cidade se destaca pelas praias e belezas naturais, assim como pela presença dos portos de Tubarão e Vitória, essenciais para a economia do município e de grande importância para o transporte brasileiro de cargas.

Leia também: Quais são as capitais dos estados do Brasil?

Dados gerais de Vitória

  • Gentílico: capixaba

  • Localização

    • País: Brasil

    • Unidade federativa: Espírito Santo

    • Região intermediária: Vitória

    • Região imediata: Vitória

    • Região metropolitana: Região Metropolitana de Vitória

Formada pelos seguintes municípios: Vitória, Cariacica, Fundão, Serra, Vila Velha, Guarapari e Viana.

    • Municípios limítrofes: Serra, Cariacica, Vila Velha.z

  • Geografia

    • Área total: 97,123 km² (IBGE, 2020)

    • População total: 365.855 habitantes (IBGE, 2020)

    • Densidade: 3.338,30 hab./km² (IBGE, 2010)

    • Clima: Tropical

    • Altitude: 12 metros

    • Fuso horário: GMT -3

  • Histórico

    • Fundação: 8 de setembro de 1551

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Geografia de Vitória

Vitória é uma cidade localizada no litoral sudeste do Brasil. Pertence ao estado do Espírito Santo, desempenhando o papel de capital. Seu território se estende por 97,12 km², sendo uma das menores cidades do estado e a menor entre as 27 capitais brasileiras.

Situada na baía de Vitória, divide-se entre a porção continental e a ilha de Vitória. O município possui saída, a leste, para o oceano Atlântico e faz fronteira com outros três municípios: Serra, ao norte, Cariacica a oeste, e Vila Velha ao sul. Junto deles e dos municípios de Fundão, Guarapari e Viana, forma a Região Metropolitana de Vitória, também chamada de Grande Vitória.

  • Clima de Vitória

O clima predominante na capital espírito-santense é o Tropical. Caracteriza-se pelas temperaturas elevadas na maior parte do ano, com verões quentes e chuvosos e invernos amenos que registram baixa precipitação, embora os índices de umidade relativa do ar sejam elevados. As temperaturas anuais variam entre 19 ºC e 31 ºC, enquanto o índice anual de chuvas é de 1120 mm.

Leia também: Qual é a diferença entre clima e tempo?

  • Relevo de Vitória

A cidade de Vitória integra o domínio da planície litorânea. Seu substrato é dividido entre uma área de dobramentos e outra de depósitos sedimentares, o que lhe confere relevo bastante acidentado composto por morros, alguns deles derivados de formas residuais, terrenos suavemente ondulados e planícies.

Imagem aérea da orla da ilha de Vitória, no Espírito Santo.
Ilha Vitória, pertencente à capital espírito-santense, onde e possível observar seu relevo diversificado composto por morros e planícies.
  • Vegetação de Vitória

A cidade integra a Mata Atlântica, bioma que se estende pelo litoral leste do Brasil, bem como faz parte do sistema costeiro-marinho. Dessa forma, a cobertura vegetal capixaba é composta por florestas tropicais, mangues, restingas e vegetação dunar.

  • Hidrografia de Vitória

Dois rios são responsáveis pelo abastecimento da Região Metropolitana de Vitória: rio Santa Maria da Vitória e rio Jucu. As praias que compõem o litoral da cidade são as praias de Camburi, Curva da Jurema e Castanheiras.

Mapa de Vitória

Foto do mapa de parte do litoral do Sudeste brasileiro com marcação em cima da cidade de Vitória.
Localização de Vitória no litoral sudeste brasileiro, próximo a outras importantes capitais, como Belo Horizonte e Rio de Janeiro.

Demografia de Vitória

A população atual de Vitória é de 365.855 habitantes, o que a caracteriza como a segunda capital menos populosa do Brasil depois de Palmas, no Tocantins. Além disso, o município fica em quarto lugar em âmbito estadual, cujos maiores contingentes populacionais se concentram em Serra, Vila Velha e Cariacica. Ao todo, a Região Metropolitana de Vitória contabiliza dois milhões de habitantes.

Com área restrita, Vitória se apresenta como uma cidade extremamente povoada. Sua densidade demográfica era de 3.338,30 hab./km², conforme o Censo do IBGE de 2010. É a maior concentração populacional do Espírito Santo e 31ª dos mais de cinco mil municípios brasileiros.

Destaca-se que a totalidade dos domicílios da capital do Espírito Santo está situada em áreas urbanizadas. Com relação à sua composição, a população capixaba é relativamente jovem, concentrando-se nas faixas etárias entre 20 e 34 anos. Mais de 94% dos moradores se declaram como pardos ou brancos, ao passo que os negros representam 9,25% da população.

Levando em conta os indicadores sociais, o IBGE aponta que Vitória possui o melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Espírito Santo e um dos mais elevados do país, com valor de 0,845.

Divisão geográfica de Vitória

O município de Vitória é composto por 80 bairros, os quais se encontram divididos em nove diferentes regiões administrativas. São elas:

  • Centro

  • Santo Antônio

  • Jucutuquara

  • Maruípe

  • Praia do Canto

  • Continental

  • São Pedro

  • Jardim Camburi

  • Jardim da Penha

Economia de Vitória

Vitória representa a principal economia do Espírito Santo. A cidade possui um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 26,38 bilhões, figurando como a 34ª mais rica do Brasil. Esse valor equivale a aproximadamente 20% da economia estadual, além de ser semelhante àqueles das cidades que formam a Grande Vitória.

O setor terciário lidera a economia da capital espírito-santense, respondendo por 60% do valor adicionado ao PIB. Esse montante desconsidera a administração pública. Nesse sentido, são levados em conta o comércio e também os serviços.

Estes incluem o ramo turístico, que possui grande peso na geração de divisas para o município, tanto por meio de suas praias e paisagens naturais quanto com o chamado turismo de negócios. O destaque nesse setor fica com as atividades portuárias ligadas à movimentação de cargas (ou seja, de importação e exportação) que acontecem nos portos de Tubarão e Vitória.

A indústria é responsável por 30% da economia de Vitória, abrigando grandes empresas dos setores extrativos, como a Vale e a Petrobras. O setor primário tem uma participação muito pequena na economia da cidade, sendo a criação animal e a atividade pesqueira mais expressivas do que a agricultura propriamente dita.

Governo de Vitória

O governo de Vitória é do tipo democrático representativo. Isso significa que é a população capixaba quem elege os seus representantes, o que acontece por meio de eleições municipais a cada quatro anos. O prefeito é a autoridade máxima do Poder Executivo local. A Câmara Municipal, órgão que representa o Poder Legislativo, é composta por 15 vereadores.

A cidade possui o status de capital, uma vez que abriga a sede do governo do estado do Espírito Santo, que fica no Palácio Anchieta.

Infraestrutura de Vitória

Vitória é reconhecida em diversos ranqueamentos como uma das cidades brasileiras que oferecem a melhor qualidade de vida aos seus moradores, o que é estabelecido com base em fatores como saúde, educação, renda, emprego e desenvolvimento sustentável.

Todos os domicílios do município pertencem às áreas urbanas. De acordo com o IBGE, em 2010, uma parcela de 78,7% das vias de Vitória estava urbanizada, ao passo que a arborização das vias públicas chegava a pouco mais de 65,4%. O esgotamento sanitário adequado chega a 98% dos domicílios, os quais possuem amplo atendimento da rede de coleta de lixo e também de abastecimento de água e energia elétrica.

Os deslocamentos entre a cidade e as áreas vizinhas pode ser realizado por meio do sistema de transporte urbano e interurbano. Além disso, as conexões com outras regiões e municípios brasileiros acontecem por meio das rodovias federais e estaduais, que se estendem também por pontes como a Terceira Ponte, que liga Vitória a Vila Velha, e outros meios.

Um deles é o ferroviário, com a linha Vitória–Minas operada pela Vale. O Aeroporto Internacional de Vitória (Eurico de Aguiar Sales) é o principal ponto das partidas e chegadas aéreas nacionais e internacionais.

Os portos de Vitória e Tubarão são responsáveis pelas conexões marítimas e dois dos mais importantes portos de carga do Brasil.

Imagem aérea da Terceira Ponte, que se localiza entre Vitória e Vila Velha.
A Terceira Ponte conecta os municípios de Vitória e Vila Velha, no Espírito Santo.

Cultura de Vitória

A cultura de Vitória é composta pelas diversas influências que a cidade recebeu ao longo do seu processo de formação, o que vem de populações oriundas de outros países e regiões do Brasil. A paisagem urbana da cidade reconta boa parte desse processo por meio das inúmeras formas que são preservadas desde o século XVI, quando a cidade foi fundada. Entre essas edificações, estão:

  • Convento de São Francisco

  • Capela de Nossa Senhora das Neves

  • Igreja de São Gonçalo

  • Catedral Metropolitana de Vitória

  • Teatro Carlos Gomes

A cidade abriga importantes centros culturais do estado, como o Museu de Arte do Espírito Santo, o Museu Capixaba do Negro, o Museu Solar Monjardim e muitos outros que ajudam a preservar as tradições culturais e históricas do Espírito Santo. Vitória conta também com diversos outros teatros, cinemas, praças e lugares de encontro.

O calendário cultural da cidade é permeado por diversas celebrações e festejos populares que ocorrem todos os anos e atraem pessoas de diversas localidades. O Carnaval é uma das principais, com destaque para os desfiles das escolas de samba e as festas de rua, bem como o aniversário de Vitória, os festivais de cinema e de teatro, a virada cultural e muitos outros.

Veja também: O que são cultura material e cultura imaterial?

História de Vitória

A história da cidade de Vitória começa ainda no século XVI, nas primeiras décadas da colonização portuguesa do Brasil. Mediante a atribuição da capitania hereditária do Espírito Santo a Vasco Fernandes Coutinho, este se instalou onde hoje fica a cidade de Vila Velha, em 1535.

Sua estada, no entanto, foi marcada pelos embates com as populações indígenas que viviam naquela região, uma vez que foram os primeiros habitantes das terras que hoje conhecemos como o Espírito Santo. Além deles, outros povos estrangeiros interessados na recém-colonizada terra eram uma ameaça ao domínio lusitano.

A solução dos portugueses foi a busca por um lugar capaz de lhes garantir maior segurança dos ataques dos nativos, o que encontraram em uma vila a não muitos quilômetros de onde originalmente aportaram. A vitória sobre uma batalha travada com os indígenas goytacazes levou os colonizadores a nomearem a ilha onde estavam de ilha Vitória. O dia era 8 de setembro de 1551, marcado como dia da sua fundação. O status de cidade veio apenas três séculos mais tarde, em 1823.

A sua ocupação e urbanização, até mesmo pela geomorfologia, deu-se timidamente até as primeiras décadas do século XX, quando o processo se acelerou. Hoje capital do Espírito Santo, a cidade é seu principal cartão de visitas e um dos polos econômicos estaduais.

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Vitória"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/brasil/vitoria.htm. Acesso em 17 de outubro de 2021.

Artigos Relacionados
Conheça quais são as capitais do Brasil e seus respectivos estados. Saiba como essas capitais distribuem-se pelo Brasil e quais foram as capitais federais.
Clique aqui para ler nosso texto sobre São Paulo, a maior cidade do Brasil. Conheça melhor os aspectos geográficos, econômicos e culturais da capital paulista.
Clique aqui e leia nosso texto sobre o Rio de Janeiro, chamado também de Cidade Maravilhosa. Conheça seus aspectos geográficos, econômicos e populacionais.
Clique aqui para conhecer melhor a cidade de Curitiba, capital do Paraná. Leia a respeito de suas principais características geográficas, econômicas e populacionais.
Conheça os estados do Brasil. Descubra quais são suas capitais e siglas e em quais regiões do país eles estão localizados. Veja os principais dados de cada estado.
Leia nosso texto e conheça Florianópolis, chamada também de Ilha da Magia. Entenda a origem do apelido e saiba mais sobre a geografia da capital catarinense.
Clique aqui e leia sobre a cidade de Fortaleza, capital do Ceará. A cidade é hoje a quinta maior do Brasil e uma das mais importantes da Região Nordeste.
Leia nosso texto e aprenda mais sobre Maceió, capital do estado de Alagoas! Descubra a geografia da cidade, e conheça sua população, economia, cultura e história.
Leia nosso texto sobre Recife e conheça um pouco da Veneza Brasileira, como é chamada. Saiba mais sobre a geografia, população e economia da capital pernambucana.
Aprenda sobre a cidade de Rio Branco, capital do estado do Acre! Leia a respeito dos seus aspectos geográficos e conheça sua economia, população, cultura e história.