Topo
pesquisar

Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja)

Educação

Criado em 2002, o Encceja dá oportunidade para jovens e adultos conseguirem o certificado de Ensino Fundamental.
PUBLICIDADE

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por meio da Diretoria de Avaliação da Educação Básica (DAEB), realiza desde 2002 o Encceja, Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos. O exame pode ser feito por adultos e jovens com mais de 15 anos que desejam obter o cerificado de conclusão do ensino fundamental. 

Com as mudanças ocorridas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em 2009, o Encceja passou a ser realizado visando à certificação somente do Ensino Fundamental. A certificação do ensino médio para pessoas com mais de 18 anos passou a ser função do Enem (saiba mais).

As inscrições para o Encceja são abertas no primeiro semestre, geralmente em março. A participação no exame é voluntária e totalmente gratuita. Pessoas privadas de liberdade e jovens que cumprem medidas socioeducativas desde 2010 também têm o direito de fazer a prova. 
 
No Brasil o exame é aplicado em todas as Unidades da Federação. São 4 provas objetivas com 30 questões de múltipla escolha em cada e é cobrado as seguintes áreas de conhecimento: I - Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e Redação; II - Matemática; III - História e Geografia e IV - Ciências Naturais.

O candidato é habilitado a receber o certificado de ensino fundamental se conseguir nota mínima de 100 pontos, em uma escala de proficiência que vai de 60 a 180 pontos, em cada uma das quatro provas objetivas, além de 5 pontos na redação, em uma escala que vai de 0 a 10. 

Após sair o resultado, o estudante aprovado no Encceja deve procurar a Secretaria Estadual de Educação indicada no ato da inscrição para solicitar o certificado do Ensino Fundamental. O Certificado emitido pelo Encceja Nacional não dá direito ao estudante de ingressar no ensino superior. Nesse caso é necessário o certificado do Enem, Exame Nacional do Ensino Médio. 

Encceja Exterior

Desde 2010, o Encceja também é aplicado em alguns países no exterior, para brasileiros que não concluíram o Ensino Fundamental e o Ensino Médio. Somente no Encceja Exterior é possível conseguir também o certificado de conclusão do ensino médio. No ato da inscrição, que é feita sempre pela internet, o participante deve informar seu número de passaporte, além de e-mail válido, RG e CPF.

Os brasileiros que conseguirem o certificado através do Encceja Exterior podem se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (SiSU) e Sistema de Seleção da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

Mais informações sobre o Encceja Nacional podem ser obtidas no site http://encceja.inep.gov.br/nacional. No exterior, os candidatos podem esclarecer dúvidas nos Consulados-Gerais do Brasil, nas cidades onde são aplicadas as provas e também no site http://encceja.inep.gov.br/exterior.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

JANUáRIO, Letícia de Oliveira. "Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja)"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/educacao/encceja-exame-nacional-para-certificacao-competencias-jovens-adultos.htm>. Acesso em 28 de marco de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA