Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O que é dissociação das bases?

O que é dissociação das bases? Esse fenômeno físico é constituído pela liberação de íons desses compostos, quando dissolvidos em água ou fundidos.

Íons liberados pela base hidróxido de sódio na dissociação
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Dissociação das bases é um processo físico que ocorre com esse importante grupo de substâncias inorgânicas ao serem dissolvidas em água, ou quando passam pelo processo de fusão (passagem do estado sólido para o estado líquido por meio de aquecimento).

De uma forma geral, o fenômeno da dissociação das bases é a liberação dos cátions e dos ânions que formam o composto iônico, que, no caso, é a base. Assim, durante a dissociação das bases, ocorre a liberação de íons que já existem no composto, ou seja, não são formados novos íons.

A base é formada por um metal qualquer (X), que é o cátion do composto, ou pelo cátion amônio (grupo NH4+), ligado ao ânion hidróxido (representado pelo grupo OH), como nas representações abaixo:

Representações gerais da fórmula de uma base
Representações gerais da fórmula de uma base

A forma de representar a dissociação das bases é feita por meio de uma equação em que, no reagente, temos a base e, nos produtos, temos os íons (cátions e ânions). O que diferencia é a forma como acontece a dissociação:

  • Dissolução da base em água:

Equação que representa a dissociação de uma base em meio aquoso
Equação que representa a dissociação de uma base em meio aquoso

  • Dissociação por fusão da base:

Equação que representa a dissociação de uma base pelo processo de fusão
Equação que representa a dissociação de uma base pelo processo de fusão

Analisando as equações gerais acima, verificamos que em todas sempre teremos a base, o cátion (que é o metal ou grupo NH4+) e o ânion (OH-). Mas, são todas assim? Não existe nenhuma diferença entre elas? Para a primeira pergunta, a resposta é não e, para a segunda pergunta, a resposta é sim.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quando realizamos a dissociação de uma base, é fundamental primeiramente analisar a fórmula da base, pois, a partir dela, podemos determinar a carga do cátion e a quantidade em mol de ânions hidróxido, já que a quantidade em mol de cátion é padrão (sempre 1 mol).

Vale lembrar que a quantidade de grupos OH, presentes na fórmula da base, determina a carga do cátion e a quantidade em mol do ânion hidróxido na dissociação da base.

Vejamos os exemplos do hidróxido de alumínio [Al(OH)3] e do hidróxido de ouro (AuOH). Na fórmula da base com alumínio, há três grupos OH, e na fórmula da base com ouro, apenas um grupo OH. Assim, na dissociação dessas bases, temos:

  • Dissociação do Al(OH)3:

Como essa base apresenta três grupos OH na fórmula, a carga do cátion será +3 e a quantidade em mol de ânions é igual a 3 mol, como podemos observar na equação a seguir:

Equação da dissociação da base com alumínio em meio aquoso
Equação da dissociação da base com alumínio em meio aquoso

  • Dissociação do AuOH:

Como essa base apresenta um grupo OH na fórmula, a carga do cátion será +1 e a quantidade em mol de ânions é igual a 1 mol, como podemos observar na seguinte equação:

Equação da dissociação da base com ouro em meio aquoso
Equação da dissociação da base com ouro em meio aquoso


Por Me. Diogo Lopes Dias

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DIAS, Diogo Lopes. "O que é dissociação das bases?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/quimica/o-que-e-dissociacao-das-bases.htm. Acesso em 02 de julho de 2022.

PUBLICIDADE

Estude agora


Viúva Negra: o contexto sociopolítico da criação da personagem

Uma das mais importantes peças dos Vingadores, a Viúva Negra (apresentada primeiramente na pele da personagem Natasha...

Tempos verbais

Pretérito, presente ou futuro são tempos verbais que exprimem uma variação que indica o momento em que se dá o...