Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Teorema de Tales

Matemática

PUBLICIDADE

O teorema de Tales foi desenvolvido pelo matemático Tales de Mileto, que demonstrou a existência de uma proporcionalidade nos segmentos de reta formados por retas paralelas cortadas por retas transversais.

A partir desse teorema, é possível perceber relações de proporcionalidade em várias situações, o que tem vasta aplicação, como na astronomia e em triângulos. Tales de Mileto foi um filósofo pré-socrático que deu grandes contribuições não só para a filosofia, mas também para a matemática, na busca de compreender melhor o Universo.

Teorema de Tales
Teorema de Tales

Enunciado do teorema de Tales

O teorema de Tales afirma que:

Um feixe de retas paralelas determina sobre duas retas transversais segmentos proporcionais.

Na imagem, há vários segmentos de reta: AB, BC, DE, EF, AC, DF. É possível compará-los de duas formas. Uma delas é comparar os segmentos de uma mesma reta transversal:

Outra maneira de realizar essa comparação, mas que ainda assim gera o mesmo resultado, é montar a razão entre o segmento de uma reta transversal sob o segmento equivalente.

Independentemente da forma escolhida para montar as proporções, é possível encontrar o valor desses segmentos a partir da propriedade fundamental da proporção.

Veja também: Medidas de comprimento – unidades de medida e conversão

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Como aplicar o teorema de Tales

Na prática, utiliza-se o teorema de Tales com o objetivo de encontrar valores desconhecidos de situações que envolvem retas paralelas e retas transversais.

Exemplo:

Montando a proporção, temos que 10 está para x, assim como 12 está para 7, ou seja:

Teorema de Tales em triângulos

Uma das aplicações mais importantes do teorema de Tales é no estudo de triângulos. Ao traçar uma reta paralela à base, é possível construir um triângulo menor semelhante ao triângulo maior. Além disso, os segmentos formados pela lateral do triângulo também são proporcionais, o que possibilita a aplicação do Teorema de Tales para encontrar valores desconhecidos nesse triângulo.

Exemplo:

Calcule o valor de BD sabendo que o segmento de reta DE é paralelo à base do triângulo AC.

Montando a proporção, sabemos que x está para 13, assim como 8 está para 16.

Leia também: Classificação de triângulos – critérios e nomenclatura

Exercícios resolvidos

Questão 1 - (Fuvest) Três terrenos têm frente para a rua A e para a rua B, como na figura. As divisas laterais são perpendiculares à rua A. Qual a medida de x, y e z em metros sabendo que a frente total para essa rua tem 180 m?

A) 90, 60 e 30

B) 40, 60 e 90

C) 80, 60 e 40

D) 20, 30 e 40

Resolução

Alternativa C.

Sabemos que a soma de x + y + z = 180 m.

Somando os lados da rua A, temos que: 40 + 30 + 20 = 90 m.

Montando as proporções para encontrar o valor de x, temos:

Assim sendo, x = 80 metros. Agora encontraremos o valor de y:

Como y = 60 metros, podemos então encontrar o valor de z:

 

 

 

 

 

Questão 2 - (IFG) Seja o triângulo ABC da figura a seguir com as seguintes medidas: AC = 50 cm, AE = 20 cm, e AD= 10 cm.

Sabendo que DE é paralelo à BC, a medida do lado AB é de?

A) 15 cm

B) 20 cm

C) 25 cm

D) 30 cm

E) 35 cm

Resolução

Alternativa C.

Como DE é paralelo a BC, podemos aplicar o teorema de Tales.

Dados: AC = 50 cm, AE = 20 cm e AD = 10 cm.

Sabemos que AC está AE, assim como AD está para AB.

 

 

Por Raul Rodrigues de Oliveira
Professor de Matemática
  

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

OLIVEIRA, Raul Rodrigues de. "Teorema de Tales"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/matematica/teorema-tales.htm. Acesso em 23 de setembro de 2021.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

Sobre o teorema de Tales, marque a alternativa que o define corretamente.

A) Dado um triângulo retângulo, a soma do quadrado dos catetos é sempre igual ao quadrado da hipotenusa.

B) Se um polinômio p(x) possui grau n, então o número de raízes complexas que esse polinômio pode admitir é igual a n.

C) Um feixe de retas paralelas determina sobre duas retas transversais segmentos proporcionais.

D) Dado um triângulo qualquer, a soma dos seus ângulos internos é sempre igual a 180º e a dos externos é igual a 360º.

Questão 2

Analise a imagem a seguir:

Questão com feixe de três retas paralelas cortadas por duas transversais

Sabendo que a + b = 21, então o valor de a é respectivamente igual a:

A) 9

B) 10

C) 11

D) 12

E) 14

Mais Questões
Artigos Relacionados
Clique para obter algumas aplicações possíveis do teorema de Pitágoras em situações reais.
Clique e aprenda o que é um plano: objeto que não possui definição, mas que é indispensável para a Geometria.
Clique para entender melhor o que é posição relativa entre reta e plano!
Clique para aprender a fórmula do teorema de Pitágoras e como usá-lo, além de conferir um incrível mapa mental e exercícios resolvidos sobre o tema.
Aprenda um caso interessante de semelhança de triângulos conhecido como teorema fundamental da semelhança.