Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Sujeito e predicado

Sujeito e predicado são dois termos essenciais da oração (embora algumas orações não apresentem sujeito). Há diferentes classificações para cada um.

Esquema com os tipos de sujeito e os tipos de predicado
Sujeito e predicado são termos essenciais da oração e podem ser classificados de diferentes maneiras.
Crédito da Imagem: Shutterstock
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

O sujeito e o predicado são dois termos essenciais da oração. O sujeito é o elemento que executa e/ou sofre a ação do verbo no enunciado. Já o predicado corresponde ao próprio enunciado feito, composto de verbo, objeto e complementos. Quando a oração apresenta sujeito, o predicado está relacionado a ele.

Leia também: Quais são os termos acessórios da oração?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre sujeito e predicado

  • Sujeito e predicado são termos essenciais da oração.

  • Algumas orações não apresentam sujeito, mas seguem apresentando predicado. É o caso das orações sem sujeito.

  • O sujeito é o elemento que executa e/ou sofre a ação do verbo.

  • O predicado é composto de verbo, objeto e complementos, estando relacionado ao sujeito quando ele existe na oração.

  • O sujeito pode ser classificado como simples ou composto, expresso ou oculto, indeterminado, e agente, paciente ou agente e paciente.

  • O predicado pode ser classificado como nominal, verbal ou verbo-nominal.

O que é sujeito?

O sujeito é um dos termos essenciais da oração, sendo o elemento que realiza ou sofre a ação expressa pelo verbo. O núcleo do sujeito costuma ser formado por um substantivo, um pronome ou uma palavra ou expressão substantivada. Além do núcleo, o sujeito de um enunciado apresenta palavras secundárias, como artigos, adjetivos, pronomes etc.

O meu cachorro peludo gosta de passear.

Nesse enunciado, o sujeito da oração é “o meu cachorro peludo”, com o núcleo sendo apenas “cachorro”, a base do sujeito, o termo mais importante. É o sujeito do verbo “gostar”.

É possível que algumas orações não apresentem sujeito, sendo compostas apenas do predicado. É o caso das orações sem sujeito.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Tipos de sujeito

O sujeito pode ser classificado das seguintes formas: simples ou composto; expresso ou oculto; indeterminado; e agente, paciente ou agente e paciente.

  • Sujeito simples

Apresenta apenas um núcleo.

O meu cachorro come bem.

  • Sujeito composto

Apresenta mais de um núcleo.

O meu cachorro e o meu gato comem bem.

  • Sujeito expresso

Aparece explicitamente no enunciado.

Nós contamos a história para ela.

  • Sujeito oculto

Não aparece explicitamente no enunciado. É um sujeito identificável, mas que fica subentendido pelo contexto.

Contamos a história para ela.

  • Sujeito indeterminado

Não é identificável nem indicado no enunciado, não sendo possível saber quem é esse sujeito. Ocorre na 3ª pessoa do plural ou na 3ª pessoa do singular acompanhada do pronome “se” com função de índice de indeterminação do sujeito.

Contaram a história para ela.

Precisa-se de auxiliares de escritório.

  • Sujeito agente

Realiza a ação do verbo.

Vítor e Ana viram tudo o que aconteceu.

  • Sujeito paciente

Sofre a ação do verbo.

Vítor e Ana foram vistos no evento.

  • Sujeito agente e paciente

Realiza e sofre ao mesmo tempo a ação do verbo.

Vítor e Ana se viram no evento.

Confira nossa videoaula: Sujeito — o que é e tipos

O que é predicado?

O predicado é mais um dos termos essenciais da oração, sendo o elemento que engloba o verbo, o objeto e demais complementos. Vale dizer que orações sem sujeito são compostas exclusivamente do predicado e que orações com sujeito têm seu predicado relacionado ao sujeito, sendo o restante do enunciado que se organiza em torno do sujeito.

Veja a diferença:

  • Oração sem sujeito

predicado

Trovejou muito ontem.

  • Oração com sujeito

sujeito + predicado

Ontem, eu e Rubens treinamos até debaixo da chuva.

Tipos de predicado

Os predicados podem ser classificados de três formas: nominal, verbal e verbo-nominal.

  • Predicado nominal

O predicado é classificado como nominal quando seu núcleo é um nome (substantivo, adjetivo, pronome), unido ao sujeito por meio de um verbo de ligação (aquele que expressa um estado permanente, transitório, aparente etc.). O predicado nominal apresenta um predicativo do sujeito, um termo que classifica o sujeito da oração.

sujeito + predicado nominal (verbo de ligação + predicativo do sujeito)

Lúcia é muito astuta.

Nós ficamos espantados!

Meus animais de estimação pareciam calmos.

  • Predicado verbal

O predicado verbal tem como núcleo um verbo, elemento principal do enunciado que se organiza. Pode ser formado por:

⇒ apenas um verbo intransitivo (que não precisa de complemento);

⇒ um verbo transitivo direto (que precisa de complemento sem preposição);

⇒ um verbo transitivo indireto (que precisa de complemento com preposição);

⇒ um verbo transitivo direto e indireto (que apresenta complementos com e sem preposição).

sujeito + predicado verbal (verbo + complemento, se houver)

Anoiteceu.

A família trouxe o presente.

Gostamos do seu namorado.

Ela pediu para ele agendar a reunião.

  • Predicado verbo-nominal

O predicado verbo-nominal, como o próprio nome indica, apresenta dois núcleos: um verbo e um nome.

sujeito + predicado verbo-nominal (verbo + predicativo do sujeito ou do objeto + complemento, se houver)

Nós festejamos animados naquele dia.

Elas conversaram muito magoadas.

Eu acho o Renato inteligente.

Leia também: Predicativo do objeto — parte da oração que se volta ao complemento verbal

Exercícios resolvidos sobre sujeito e predicado

Questão 1

(Quadrix – Adaptado)

Texto para a questão:

A fila para virar esporte olímpico

A briga por um lugar no pódio se inicia muito antes de os Jogos começarem. Muito mesmo: com as listas para 2012 e 2016 já definidas, há 8 candidatos para uma única vaga nas longínquas Olimpíadas de 2020, ainda sem sede. A decisão sai em 7 de setembro de 2013 — data em que também será anunciada a cidade-sede entre as candidatas Baku, Doha, Istambul, Madri e Tóquio.

Para chegar lá, as respectivas federações internacionais devem ser signatárias da Agência Mundial Antidoping e preencher 33 requisitos que comprovem tradição e popularidade. Ratificados em 2004 pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), os critérios serão atualizados em breve, mas os esportes-candidatos devem ser praticados em pelo menos 75 países em 4 continentes, no caso de modalidades masculinas, e em 40 países em 3 continentes no caso das femininas.

Como a lista atual chegou ao limite de 28 esportes, para que um entre, outro tem de sair. Há algumas mutretas no regulamento: sob o guarda-sol dos esportes aquáticos, por exemplo, que ocupam uma vaga, há provas de natação, mergulho e polo.

DE OLHO NAS MEDALHAS | Na rua, na água, na quadra, na pista de cimento.

[...]

8. WAKEBOARD

COMO FUNCIONA: Com botas presas a uma prancha, os atletas precisam impressionar os juizes com manobras aéreas. O julgamento é subjetivo, mas contam aspectos como altura dos saltos e variedade de execuções. A prancha usa a marola provocada pela lancha que a puxa para realizar as manobras. No cable park, mais moderno, o atleta é puxado por um cabo, e há rampas fixas na água.

DURAÇAO: A apresentação tem, em média, dois minutos.

JÁ PARTICIPOU? Não.

[...]

(revistagalileu.globo.com)

Sobre a oração “O julgamento é subjetivo”, analise as afirmações.

I. O predicado é nominal.

II. A palavra “subjetivo” exerce função de predicativo do sujeito.

III. O sujeito é indeterminado.

Está correto o que se afirma em:

A) I, somente

B) II, somente

C) III, somente

D) I e II, somente

E) I e III, somente

Resposta

Alternativa D. Na oração, o verbo “é”, um verbo de ligação, conecta o sujeito “o julgamento” ao predicativo do sujeito “subjetivo” (que classifica o sujeito). Assim, trata-se de um sujeito simples, determinado, e de um predicado nominal.

Questão 2

Assinale a alternativa que apresenta um predicado verbo-nominal.

A) As flores estão tão murchas.

B) Os empregados trabalharam cansados.

C) Tivemos esses imprevistos no decorrer da viagem.

D) Já sabem da novidade?

E) Ela me pareceu abatida...

Resposta

Alternativa B. Há dois núcleos: o verbal, com o verbo “trabalharam” (que não é de ligação), e o nominal, com o predicativo do sujeito “cansados”.

 

Por Guilherme Viana
Professor de Gramática

Escritor do artigo
Escrito por: Guilherme Viana Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

VIANA, Guilherme. "Sujeito e predicado"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/sujeito-e-predicado.htm. Acesso em 17 de abril de 2024.

De estudante para estudante


Lista de exercícios


Exercício 1

Observe as orações a seguir, analisando-as minuciosamente:

Temos vagas para vendedores
Existem vagas para vendedores
Há vagas para vendedores

a – De acordo com nossa percepção, deduzimos que as mesmas são semelhantes no que se refere à informação. Tomando como ponto de partida o tipo de sujeito por elas representado, aponte a diferença, classificando-o.

b – Mediante a análise feita no exercício anterior, justifique sua resposta.
c – Agora considere esta informação:

Precisa-se de vendedores

Classifique o sujeito da mesma, apresentando sua justificativa.

Exercício 2

Atribua o sujeito pertencente às orações abaixo, tendo como suporte o seguinte código:

A – Sujeito determinado simples
B – Sujeito determinado composto
C – Sujeito oculto
D – Sujeito indeterminado
E – Sujeito inexistente ou  oração sem sujeito

(  ) Meus amigos e eu organizamos um evento jamais esquecido.
(  ) Preciso de seu carinho para me sentir segura.
(  ) Faz dois anos que não vou a Brasília.
(  ) A vida nos reserva grandes surpresas.
(  ) Comentaram sobre os novos empreendimentos imobiliários.