Distanciamento social

Curiosidades

PUBLICIDADE

Distanciamento social é um termo muito utilizado nos dias atuais, uma vez que se trata de medidas adotadas na mais recente pandemia da história: a pandemia da COVID-19.

A adoção de medidas de distanciamento social, como o nome sugere, garante o afastamento das pessoas e a redução da transmissão de uma determinada doença. Apesar de causar impactos negativos em todos os setores da economia de uma região, o distanciamento é essencial para evitar que os números de casos aumentem de maneira descontrolada.

Leia também: O que é quarentena?

O que é o distanciamento social?

Distanciamento social são um conjunto de medidas que visam o afastamento das pessoas a fim de evitar a propagação de uma doença facilmente transmitida. Doenças que podem causar epidemias, mas não são transmitidas de uma pessoa para outra, como a dengue, não necessitam da adoção das medidas de distanciamento.

Em uma situação de distanciamento social recomenda-se, por exemplo, o fechamento de escolas, universidades, igrejas e estabelecimentos não essenciais. Além disso, a adoção de home office, por aqueles serviços que permitem essa modalidade de trabalho, é recomendada.

Para garantir o distanciamento social, muitas empresas adotam o “home office”.
Para garantir o distanciamento social, muitas empresas adotam o “home office”.

É importante também que as pessoas saiam de suas casas apenas quando for necessário, como para fazer compras de alimentos e remédios. Ao sair de casa, algumas medidas de distanciamento também devem ser respeitadas, evitando, por exemplo, muita proximidade com outras pessoas. Desse modo, é importante que os estabelecimentos em funcionamento promovam formas que impeçam aglomerações.

As medidas de distanciamento social não são bem vistas por toda a população, uma vez que afetam negativamente a economia. Entretanto, elas só são realizadas diante de situações que necessitam de cuidados extremos.

Em um momento de pandemia, por exemplo, elas garantem que a doença tenha sua transmissão controlada e, desse modo, não haja um aumento drástico do número de contaminados. Esse aumento poderia ser prejudicial, por exemplo, para o sistema de saúde, que poderia não comportar todos os doentes, o que ocasionaria um aumento de mortes pela falta de atendimento.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é lockdown?

Em situações em que o distanciamento social não é suficiente para controlar uma situação de emergência, como uma pandemia, surge o chamado lockdown, que se caracteriza por ser uma versão mais rígida de distanciamento. A palavra é um termo em inglês que pode ser traduzido como “confinamento”.

No lockdown todas as atividades não essenciais ficam proibidas pelo Estado, e até mesmo a circulação de pessoas torna-se controlada. Nesses casos, as pessoas que não trabalham em serviços essenciais estão autorizadas a sair de suas casas apenas para as atividades consideradas essenciais, como comprar alimentos, medicamentos e ir ao hospital. O descumprimento das regras pode acarretar multas.

Distanciamento social e a pandemia de COVID-19

A COVID-19 é uma doença que teve seus primeiros casos registrados no final do ano de 2019. Rapidamente sua contaminação se tornou pandêmica, ou seja, espalhou-se pelo planeta, atingindo diferentes países, em diferentes continentes.

Essa doença, causada por um novo tipo de coronavírus (SARS-CoV-2), é transmitida por gotículas respiratórias eliminadas pelo doente e por objetos contaminados por essas gotículas. Além disso, é importante destacar que a transmissão pode ocorrer mesmo que o indivíduo contaminado não esteja apresentando sintomas ou apresente sintomas leves, o que dificulta o controle da doença.

Devido a sua forma de transmissão, a adoção de medidas de distanciamento social tornaram-se essenciais para conter a pandemia. As medidas adotadas são diferentes de um país para outro, e mesmo dentro de um mesmo país.

Em Goiás, por exemplo, foram suspensas atividades de shoppings, comércios, eventos e atividades culturais. Supermercados, farmácias e padarias receberam permissão para ficarem abertos. Restaurantes também foram fechados, permanecendo apenas o regime de entregas. No Rio de Janeiro, ao contrário, bares e restaurantes puderam abrir desde que a lotação fosse de, no máximo, 30% da sua capacidade. Alguns locais também adoraram o sistema de lockdown, sendo o Maranhão o primeiro estado a adotar restrição de circulação aos seus moradores.

As medidas de distanciamento social mostraram-se efetivas em alguns locais do mundo na contenção da COVID-19. Elas foram importantes, por exemplo, para frear o número de casos em Wuhan, na China, local onde os primeiros casos da doença foram identificados. Devido à eficiência delas, a Organização Mundial de Saúde defende que o distanciamento deve ser adotado nessas circunstâncias.

Leia também: Isolamento social: o que é, tipos e consequências

Distanciamento social e nossa saúde

 O distanciamento social pode trazer angústia e sentimentos negativos. Tente criar atividades que deixem esse momento mais leve.
O distanciamento social pode trazer angústia e sentimentos negativos. Tente criar atividades que deixem esse momento mais leve.

O distanciamento social pode afetar diretamente nossa saúde, expondo-nos a situações de grande estresse, ansiedade e depressão. Portanto, é importante, que, durante a redução do contato com outras pessoas, mantenhamo-nos ativos e cuidemos da nossa saúde mental. Dentre as principais dicas para manter-se bem durante esse momento, podemos destacar:

  • Comunique-se com seus amigos e entes queridos. Para diminuir o sentimento de solidão, ligações de vídeo podem ser uma ótima escolha.

  • Evite procurar muitas informações sobre os motivos do distanciamento, pois isso gera medo e ansiedade.

  • Pratique atividades físicas dentro de sua casa. Alongamentos e ioga podem ajudar a relaxar.

  • Alimente-se bem.

  • Mantenha uma rotina.

  • Se estiver fazendo home office, não ultrapasse os horários de trabalho, pois você pode sentir-se sobrecarregado.

  • Inclua na sua rotina uma atividade de que você goste, como ler, pintar ou escrever.

  • Caso precise de ajuda para enfrentar a situação, procure psicólogos que estão atendendo online.



Por Vanessa Sardinha dos Santos
Professora de Biologia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Distanciamento social"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/distanciamento-social.htm. Acesso em 20 de outubro de 2020.

Assista às nossas videoaulas