Topo
pesquisar

Rochas sedimentares

Geografia

As rochas sedimentares constituem formações naturais oriundas do desgaste das formas naturais do passado, explicitando o caráter dinâmico do relevo terrestre.
As rochas sedimentares possuem importantes funções econômicas
As rochas sedimentares possuem importantes funções econômicas
PUBLICIDADE

As rochas sedimentares são formações naturais resultantes da consolidação de fragmentos de outras rochas (chamados de sedimentos) ou da precipitação de minerais salinos dissolvidos em ambientes aquáticos. Em geral, esse tipo de rocha é menos duro do que as demais e de formação geológica mais recente, embora a sua presença seja um indício de que o relevo local é antigo.

Em virtude das ações do intemperismo, há um desgaste natural de rochas preexistentes, o que faz com que elas transformem-se em incontáveis sedimentos. Um exemplo é a água do mar que, de tanto se chocar com as rochas litorâneas, lentamente as desgasta, dando origem à areia da praia. Assim, os sedimentos oriundos dessas rochas erodidas são transportados pela água e pelo vento para outras áreas, geralmente o fundo dos oceanos, onde são depositados.

Após o depósito dessas partículas de rochas, há lentamente o acúmulo em razão da sobreposição de várias camadas de sedimentos no fundo dos oceanos, aumentando o peso e a pressão sobre as camadas inferiores, dando origem a um processo chamado de diagênese ou litificação. Nesse processo, os sedimentos unem-se e consolidam-se, dando origem às rochas sedimentares.

Como se trata de uma ocorrência ininterrupta, vão se formando sobre os solos novas e novas camadas de rochas sedimentares sobrepostas entre si. Por esse motivo, nas áreas onde se concentram essas formações rochosas – chamadas por bacias sedimentares –, é notável a organização de suas camadas, também chamadas de extratos.

As áreas formadas por rochas sedimentares tendem a estruturar-se em camadas (extratos)
As áreas formadas por rochas sedimentares tendem a estruturar-se em camadas (extratos)

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Como quase sempre essas rochas formam-se no fundo dos oceanos, onde a pressão é maior, elas só são encontradas em áreas continentais em função do movimento das placas tectônicas, que desloca lentamente os continentes com o passar das eras geológicas. Tal ocorrência também pode manisfestar-se nas áreas de rios.

Outra origem notável das rochas sedimentares é a de ordem química, quando minerais salinos originados pelo intemperismo químico misturam-se nas águas e, posteriormente, precipitam-se, formando rochas como a calcita, a dolomita e outras.

Há também processos orgânicos na formação das rochas, quando restos de animais acumulam-se em ambiente de grande pressão, fazendo com que esses restos solidifiquem-se tal qual acontece com os sedimentos. Assim, surgem rochas como o calcário.

Calcário, rocha de origem orgânica utilizada na fabricação de gesso, adubo e outros materiais
Calcário, rocha de origem orgânica utilizada na fabricação de gesso, adubo e outros materiais

Com base nessas diferentes origens, temos a classificação das rochas sedimentares. As de origem sedimentar são chamadas de rochas clásticas; as de origem química e mineral são chamadas de rochas químicas; e aquelas oriundas de restos de animais são chamadas de rochas orgânicas.

O processo de formação das rochas sedimentares, sobretudo as rochas clásticas, pode auxiliar na decomposição de restos orgânicos, que podem se liquefazer, transformando-se em combustíveis fósseis, a exemplo do petróleo e do carvão mineral. Além disso, é possível a formação de restos vegetais e animais fossilizados em áreas de bacias sedimentares.


Por Me. Rodolfo Alves Pena

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PENA, Rodolfo F. Alves. "Rochas sedimentares"; Brasil Escola. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/geografia/rochas-sedimentares.htm>. Acesso em 20 de setembro de 2018.

Teste seus conhecimentos
Questão 1

“A história sedimentar não termina na deposição. Uma vez depositado, o material sedimentar, terrígeno ou carbonático, passa a responder às condições de um novo ambiente, o de soterramento”.

GIANNINI, P. C. F. Depósitos e rochas sedimentares. In: TEIXEIRA, W. et. al (orgs.). Decifrando a Terra. São Paulo: Oficina de Textos, 2000. p.288.

O conjunto de transformações que os depósitos sedimentares sofrem no processo de gênese das rochas sedimentares é chamado de:

a) sedimentação

b) solidificação

c) diagênese

d) estratogênese

e) pressionamento

Mais Questões
  • SIGA O BRASIL ESCOLA