Topo
pesquisar
Texto-A+A

O que é meristema?

O que é Biologia?

Compreender o que é meristema é importante para entendermos como ocorre o crescimento primário e secundário de um vegetal.
PUBLICIDADE

Os meristemas são regiões importantes para o vegetal e podem ser definidos como tecidos que conservaram a capacidade de divisão. Eles são, portanto, os tecidos responsáveis pelo crescimento do vegetal, uma vez que adicionam células indefinidamente na planta.

Características do meristema

O meristema é um tecido que constantemente fornece células ao vegetal por causa de sua capacidade intensa de divisão celular. Suas células são pequenas, não apresentam parede celular secundária, possuem vacúolos muito pequenos e têm plastídios não diferenciados.

Classificação dos meristemas

Os meristemas podem ser classificados de diferentes formas, sendo uma delas baseada na sua posição no corpo da planta. Segundo essa classificação, eles podem ser apicais e laterais.

  • Meristemas apicais: são aqueles encontrados na ponta da raiz e na ponta do caule e de suas ramificações. Eles garantem o crescimento em comprimento da planta e possibilitam, portanto, o crescimento primário do vegetal.

    Os meristemas apicais dão origem a meristemas primários (protoderme, meristema fundamental e procâmbio), os quais são tecidos parcialmente diferenciados que permanecem meristemáticos por um certo tempo até começarem sua diferenciação. A protoderme gera a epiderme; o meristema fundamental forma o parênquima, colênquima e esclerênquima, e o procâmbio dá origem ao xilema e ao floema. Todos os tecidos formados pelos meristemas primários são chamados de tecidos primários.

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Meristemas laterais: estão localizados em posição paralela à superfície do caule e da raiz. Esses meristemas (câmbio vascular e felogênio) estão relacionados com o crescimento secundário do caule e da raiz (crescimento em espessura). O câmbio vascular é responsável por produzir os tecidos vasculares secundários: xilema secundário e floema secundário. O felogênio, por sua vez, produz a periderme, um conjunto de tecidos que substitui a epiderme.

  • Meristema intercalar: meristema localizado entre tecidos maduros.

Podemos classificar os meristemas também de acordo com sua origem. Assim, eles podem ser primários e secundários.

  • Meristemas primários: são aqueles que estão presentes na planta desde o embrião.

  • Meristemas secundários: são aqueles que se formam a partir de tecidos primários já diferenciados e são responsáveis por originar tecidos secundários.

 

Por Ma. Vanessa Sardinha dos Santos

Os meristemas apresentam grande capacidade de divisão celular
Os meristemas apresentam grande capacidade de divisão celular

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha Dos. "O que é meristema?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/biologia/o-que-e-meristema.htm. Acesso em 19 de setembro de 2019.

Observe a posição do floema na monocotiledônea (*)
O que é Biologia?
O xilema está indicado na imagem pelos asteriscos (*)
O que é Biologia?
Biologia
Região da nervura de uma folha. O tecido parênquimático está indicado pelas setas
Biologia
O esclerênquima é um tecido caracterizado por apresentar células com paredes espessadas de forma regular
Biologia
As setas indicam a posição do colênquima no caule de uma eudicotiledônea
Biologia
Observe a epiderme da cebola (Allium sp.) e seus estômatos
Biologia
A periderme é um conjunto de tecidos de revestimento de plantas com crescimento secundário
Biologia
Exercícios de Biologia
Exercícios de Biologia
Exercícios de Biologia
Exercícios de Biologia
Exercícios de Biologia
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola