Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Uso do S e do Z

O uso do S e do Z causa confusão em algumas palavras na língua portuguesa. Embora essas letras representem o mesmo som em alguns casos, há regras específicas para o uso delas.

Ilustração de pessoa entre duas interrogações, em texto sobre uso do S e do Z.
S ou Z: como saber qual delas usar?
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Você conhece as regras de uso do S e do Z? O uso das letras S e Z é confundido em algumas palavras na língua portuguesa; porém, há regras específicas para cada uma dessas letras. Também existem casos de palavras homófonas cuja diferença reside na grafia com S e com Z.

Leia também: Quando usar as letras G e J?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre uso do S e do Z

  • O uso do S e do Z segue regras específicas na língua portuguesa.

  • A letra S tem muitos sons diferentes. Ela pode ter os mesmos sons que a letra Z quando aparece entre duas vogais ou ao final das palavras.

  • A letra S é usada em palavras que indicam origem, nacionalidade ou título, terminadas em -ês/esa, em palavras iniciadas pelo prefixo des-, em muitas palavras terminadas em -oso/-osa, em verbos derivados de palavras escritas com S e nas formas conjugadas dos verbos “querer” e “pôr”.

  • A letra Z é usada em substantivos abstratos terminados com o prefixo -ez/-eza, em verbos terminados por -izar e em substantivos terminados por -ização.

Videoaula sobre uso do S do Z

Quando usar S?

A letra S pode ter vários sons diferentes, dependendo da posição que ocupa na palavra e de quais letras estão antes e/ou depois dela. Há duas posições em que ela pode representar os mesmos sons da que a letra Z representa:

  • entre duas vogais (como em “gostoso”);

  • ao final das palavras (como em “atrás”).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Vamos entender quando a letra S é mais indicada para ser usada nesses dois casos.

Regras de uso do S

  • Palavras que indicam origem, nacionalidade ou título terminadas em -ês/-esa: ao final de palavras que indicam nacionalidade ou título, como em “português” e “burguês”, usa-se S. Isso é mantido em suas formas no feminino: “portuguesa” e “burguesa”. Veja mais exemplos:

camponês

camponesa

escocês

escocesa

francês

francesa

inglês

inglesa

japonês

japonesa

senegalês

senegalesa

  • Palavras iniciadas pelo prefixo des-: mesmo quando o prefixo des- liga-se ao restante da palavra por meio de outra vogal, o uso do S permanece.

desamor

desolado

desapego

desonra

desigual

desordem

desimpedir

desovar

desinibido

desumilde

desodorante

desunir

  • Palavras terminadas em -oso/-osa, -ase, -ese, -isa, -ose: em geral, se uma palavra termina com essas sonoridades, ela tende a ser escrita com S, especialmente sendo um adjetivo. Veja:

gostoso

base

brisa

melindroso

ênfase

camisa

vistoso

quase

pesquisa

raposa

hipótese

dose

rosa

síntese

metamorfose

tosa

tese

pose

Atenção! Há exceções de palavras com essas terminações escritas com Z. Veja algumas delas:

gaze

treze

baliza

ojeriza

doze

gozo

  • Formas conjugadas dos verbos “querer” e “pôr”: as formas conjugadas desses verbos e dos verbos derivados de “pôr” (“compor”, “dispor”, “impor”, “propor”) são escritas com S.

quis

compuseram

quisesse

dispuseram

puser

impuseram

pusesse

propuseram

  • Verbos derivados de palavras escritas com S: alguns verbos são derivados de palavras escritas com S, mantendo-o no verbo derivado.

análise

analisar

aviso

avisar

improviso

improvisar

liso

alisar

pesquisa

pesquisar

piso

pisar

Atenção! Esses casos são escritos com S porque essa letra já está presente no radical da palavra, tendo apenas -ar como sufixo. O verbo tende a ser escrito com Z quando terminado pelo sufixo -izar, casos em que o radical não tem I nem S, como no caso de “atualizar”. Para saber mais sobre esse tema, clique aqui.

Veja também: Lazer ou laser: qual a diferença?

Quando usar Z?

A letra Z pode ter dois sons diferentes, dependendo da posição que ocupa na palavra:

  • se estiver no começo ou no meio, ela tem o som que ouvimos na palavra “zebra”;

  • se estiver no final da palavra, ela tem o som que ouvimos na palavra “sagaz”.

Agora, vamos entender quando a letra Z é mais indicada para ser usada nesses dois casos.

Regras de uso do Z

  • Substantivos abstratos terminados em -ez/-eza: em geral, substantivos abstratos terminados com essa sonoridade tendem a ser grafados com Z.

avareza

franqueza

beleza

mesquinhez

certeza

natureza

delicadeza

nobreza

embriaguez

sensatez

estupidez

tristeza

  • Verbos terminados com -izar: quando o sufixo -izar é usado para formar um verbo.

atualizar

hostilizar

menosprezar

realizar

sistematizar

utilizar

  • Substantivos terminados em -ização: quando o sufixo -ização é usado para formar substantivos.

atualização

hostilização

organização

realização

sistematização

utilização

Palavras homófonas com S e Z

Palavras homófonas são aquelas que têm o mesmo som, mas escritas e significados diferentes. Há algumas palavras homófonas, ou seja, pronunciadas do mesmo modo, mas cuja grafia varia por conta da letra S ou da letra Z. Veja:

Coser x cozer

Esses dois verbos têm significados diferentes:

  • coser: escrito com S, significa “dar pontos de agulha”, sendo usado em contextos relacionados à costura.

  • cozer: escrito com Z, é sinônimo de “cozinhar”, originando o termo “cozido”.

Nós x noz

Essas duas palavras diferem pelo uso de S e de Z, além do acento agudo em uma delas:

  • nós: escrito com acento e letra S ao final, é o pronome pessoal da 1ª pessoa do plural, sendo, no Brasil, sinônimo de “a gente”.

  • noz: escrito sem acento e com a letra Z ao final, é qualquer semente grande e de casca dura, como a que os esquilos gostam de comer.

Trás x traz

Essas duas palavras também diferem pelo uso de S e de Z e pelo acento agudo em uma delas:

  • trás: escrito com acento e letra S ao final, é uma preposição, que indica posição posterior ou “atrás”.

  • traz: escrito sem acento e com letra Z ao final, é uma das formas verbais do “verbo trazer”.

Saiba mais: Quis, quiz, quizzes — todas essas palavras existem no português?

Exercícios resolvidos sobre uso do S e do Z

Questão 1

Assinale a alternativa que apresenta apenas palavras em que a lacuna pode ser preenchida pela letra S.

A) Ca_a, rai_, bônu_.

B) Vo_, aqui_ição, apó_.

C) Conci_o, ca_ual, gravide_.

D) de_umilde, re_oluto, vié_.

Resposta

Alternativa D. São escritas com S as palavras “desumilde”, “resoluto” e “viés”.

Questão 2

Assinale a alternativa que apresenta apenas palavras em que a lacuna pode ser preenchida pela letra Z.

A) Cortê_, _umbi, perspica_,

B) Lu_, _ebra, revé_.

C) Feli_, fa_er, _angão.

D) Ocio_o, timide_, _oológico.

Resposta

Alternativa C. São escritas com Z as palavras “feliz”, “fazer” e “zangão”.

Fontes

AZEREDO, José Carlos de. Gramática Houaiss da Língua Portuguesa. São Paulo: Parábola, 2021.

BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Portuguesa. 38ª ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2015.

CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima Gramática da Língua Portuguesa. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2020.

CUNHA, Celso; CINTRA, Lindley. Nova Gramática do Português Contemporâneo. 7ª ed. Rio de Janeiro: Lexikon, 2016.

Escritor do artigo
Escrito por: Guilherme Viana Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

VIANA, Guilherme. "Uso do S e do Z"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/uso-do-s-e-do-z.htm. Acesso em 22 de maio de 2024.

De estudante para estudante


Artigos Relacionados


Derivação prefixal (prefixação)

Descubra o que é o processo de formação de palavras por meio da derivação prefixal. Aprenda como ela ocorre e veja exemplos desse tipo de derivação.
Gramática

Derivação sufixal

Aprenda mais sobre o processo de derivação sufixal, entendendo como ele ocorre para a formação de novas palavras. Veja exemplos desse tipo de derivação.
Gramática

Emprego das letras G e J

Veja algumas dicas para entender quando usar a letra G ou J antes das vogais E e I. Leia algumas palavras escritas com G e com J. Resolva os exercícios propostos.
Gramática

Erros de português

Conheça os 50 erros de português mais comuns em nosso dia a dia. Veja a forma correta de usar algumas palavras que causam confusão entre os falantes.
Redação

Estrutura e formação de palavras

Aprenda mais sobre a estrutura e os processos de formação das palavras. Conheça os elementos que formam as palavras e os principais processos de formação delas.
Gramática

Externo ou esterno?

Externo ou esterno? Clique aqui, conheça o significado das duas palavras, veja exemplos de seus usos e entenda quando usá-las.
Gramática

Lazer ou laser?

Lazer ou laser? Clique aqui, saiba qual é a diferença entre esses dois vocábulos e descubra quando usar cada um.
Gramática

Mecher ou mexer?

Descubra a grafia que se deve utilizar: “mexer” ou “mecher”. Veja também como se dá o uso desse verbo e aprenda a fazer sua conjugação adequadamente.
Gramática

Quis ou quiz?

Já teve dúvidas sobre a grafia de “quis” e de “quiz”? Aprenda a diferença entre essas duas palavras, e descubra quando usar cada uma delas com os exemplos listados.
Gramática

Relações homófonas estabelecidas entre as letras “X” e “CH”

Confira as características relacionadas a esse fato linguístico!
Gramática