Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Pronomes complemento em espanhol

Os pronomes complemento são os pronomes átonos usados na função de complemento direto e indireto em espanhol.

“Joinha” sobre tarja preta, na qual se lê: “Te lo recomiendo”, em exemplo de uso de pronome complemento em espanhol.
Los pronombres átonos funcionan como complemento del verbo o como parte de los verbos reflexivos.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

   Os pronomes complemento pertencem à categoria de pronomes pessoais em língua espanhola. Gramaticalmente, são classificados como pronomes átonos pessoais do caso oblíquo em português —, devido à necessidade de se unirem a um verbo para formar uma unidade acentual.

Esses pronomes são usados com frequência em língua espanhola cumprindo as funções de objeto direto, indireto e de pronome reflexivo — acompanhando os verbos reflexivos. A lista é bastante curta, mas existem certas regras que podem ser confusas para falantes de português, como a combinação de pronomes de objeto direto e indireto, a colocação pronominal, a duplicação de pronomes, além de certos fenômenos linguísticos como o leísmo, laísmo e o loísmo.

Neste artigo, abordaremos o uso dos pronomes átonos como complemento — ou seja, substituindo um elemento que não se quer repetir no discurso. Vamos lá? Continue lendo e ¡échale ganas!

Leia também: Os porquês em espanhol

Tópicos deste artigo

Tipos de pronomes de complemento

Os pronomes complemento formam parte dos pronomes pessoais, os quais têm a função de designar os participantes do discurso — quem fala, com quem se fala, de quem ou do quê se fala. De acordo com a função sintática que desempenham, os pronomes pessoais podem ser do caso reto — os pronombres sujeto, por exemplo — ou do caso oblíquo — átonos e tônicos. Os pronomes complemento pertencem a essa última categoria.

Os pronomes átonos em espanhol são classificados em pronomes de complemento direto — que recebe a ação do verbo de maneira direta, geralmente não precedido de preposição — e indireto — precedido das preposições a ou para.

Veja a seguir a lista de pronomes de complemento direto e indireto:

Pronombre personal al que se hace referencia

Complemento directo

Complemento indirecto

Yo

Me

Me

Tú/vos

Te

Te

Él/ella/usted

Lo, la*

Le, se*

Nosotras/os

Nos

Nos

Vosotras/os

Os

Os

Ellos/ellas/ustedes

Los, las*

Les, se*

*Os pronomes de 3ª pessoa do singular e do plural são os únicos que mudam.

  • Pronombres de complemento directo

De maneira geral, os pronomes de complemento direto substituem ou enfatizam o objeto direto, que pode ser uma pessoa, um ser, uma coisa ou uma situação.

Todos los martes, me encuentras en casa.
(Todas as terças-feiras, você me encontra em casa.)

Te saluda tu amigo, José Torres.
(Te cumprimenta seu amigo, José Torres.)

Este libro es muy bueno, léelo.
(Este livro é muito bom, leia-o/leia ele/leia.)

María nos llamó.
(María ligou para a gente/nós/nos ligou.)

Carlos y María, ¿dónde los encuentro?
(Onde eu encontro Carlos e Maria?)

Compré cebollas, hay que pelarlas.
(Comprei cebolas, tem que descascar/descascá-las.)

O pronome lo (mas não la, los, las) pode cumprir a função de atributo:

Fue una persona influyente, pero ya no lo es.
(Foi uma pessoa influente, mas já não é.)

O objeto direto não é precedido de preposição — por isso é direto, pois não necessita de um intermediário —, salvo quando se trata de uma pessoa. Observe os exemplos que seguem:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Complemento directo = cosa

Me gusta ver los programas de culinaria. (Gosto de ver os programas de culinária.)
Me gusta verlos. (Gosto de vê-los / ver eles.)

Habitualmente no dejo enchufado el cargador de la compu. (Normalmente não deixo o carregador do notebook na tomada.)
Habitualmente no lo dejo enchufado. (Normalmente não o deixo / deixo ele na tomada.)

Complemento directo = persona o ser

En la tele siempre veo a los nuevos chefs de cocina. (Sempre vejo os novos chefs de cozinha na TV.)

En la tele siempre los veo. (Sempre os vejo / vejo eles na TV.)

Dejé a mi perrita en casa. (Deixei minha cachorrinha em casa.)
La dejé en casa. (Deixei-a / Deixei ela em casa.)

Como você viu nos exemplos, o uso de pronomes é muito mais comum em espanhol do que em português. Em algumas situações, pode parecer desnecessário usá-los, como no caso da frase Este libro es muy bueno, léelo. Se já foi mencionado um livro, é claro que é ele mesmo que eu gostaria que a outra pessoa lesse. No entanto, a língua espanhola entende que este objeto precisa ser recuperado por meio do pronome, de modo que o uso é obrigatório e recorrente tanto na língua escrita quanto falada.

Agora vamos ver os pronomes de complemento indireto.

  • Pronombres de complemento indirecto

Esses pronomes substituem o objeto indireto, ou seja, aquele que é sempre precedido por uma preposição. De maneira geral, fazem referência a pessoas ou seres.

¿Qué te dijo Juan? (O que o Juan te disse?)
Me dijo que te invitara a la fiesta. (Me disse que te convidasse para a festa.)

No pude encontrarme con Ángela, ¿puedes devolverle su celular? (Não pude encontrar a Ángela, você pode devolver o celular dela?)

Combinação de pronomes de complemento direto e indireto

Como você viu, o uso de pronomes de complemento é muito comum em língua espanhola, e é possível até combiná-los para substituir dois objetos — um direto e um indireto — em uma mesma frase. Quando isso acontece, o pronome de complemento indireto precede o de complemento direto. Veja o exemplo:

Compré un libro para ti. (Comprei um livro para você.)
Te lo compré.

No exemplo dado, o pronome te — que é de complemento indireto — substitui para ti; por sua vez, o pronome lo substitui un libro. Fácil de lembrar, não é mesmo? Vejamos outro exemplo:

¿Te compraste un ordenador nuevo? (Você comprou um computador novo?)
Sí, me lo compré hace un mes. (Sim, comprei faz um mês.)

Nesse segundo exemplo, o pronome lo substitui ordenador nuevo, enquanto me substitui te. Essa combinação é bastante simples, mas quando se tratam de dois pronomes de 3a pessoa, temos que fazer uma pequena modificação. Vamos ver como isso funciona. Considere a frase a seguir:

Dejé mi cuaderno a Carolina.
(Deixei meu caderno para a Carolina.)

Se quisermos substituir apenas o objeto indireto — Carolina — por um pronome, a frase fica assim:

Le dejé mi cuaderno.
(Deixei-lhe meu caderno / Deu meu caderno para ela.)

Agora, se queremos substituir apenas o objeto direto — un libro —, a frase fica assim:

Lo dejé a Carolina. (Deixei-o para a Carolina.)

Se quisermos substituir os dois objetos, o pronome de complemento indireto le é substituído por se:

Se lo dejé.
(Deixei-lho.)

Isso acontece tanto no singular quanto no plural:

¿Dejaste tus apuntes a Matheus? (Você deixou suas anotações para o Matheus?)
Sí, se los dejé. (Sim, deixei-as.)

Como o pronome se não tem marca de gênero ou número, é comum que, na língua oral, essas marcas sejam atribuídas ao pronome de complemento direto (lo, los, la, las). Essa prática é comum nas Américas e nas Ilhas Canárias, mas não é recomendada pela gramática normativa:

¿Dijiste a los niños que salimos a las dos? (Você falou para as crianças que saímos às duas?)
Sí, se los dije. (Sim, falei.)

No exemplo, los é colocado no plural para concordar com los niños, ainda que este não seja o objeto substituído. Esta prática é comum em muitos países americanos e nas Canárias, mas não é recomendada pela Real Academia Española (RAE).

Leia também: Divisão silábica em espanhol

Como ocorre a colocação pronominal no espanhol?

Os pronomes de complemento direto e indireto sempre são colocados em posição proclítica — ou seja, antes do verbo —, exceto nos seguintes casos:

a) Com verbos no infinitivo, gerúndio ou imperativo afirmativo: nesse caso, os pronomes vão em posição enclítica — depois do verbo e unidos a ele sem hífen.

Será mejor decirle toda la verdad.
(Será melhor dizer-lhe toda a verdade.)

Callándote no vas a resolver nada.
(Ficando calado, você não vai resolver nada.)

Pásame esta revista, por favor.
(Me passa esta revista, por favor.)

Em posição proclítica, é possível que apenas um pronome coordene dois verbos que o compartilham:

El olor le mareaba y agradaba a la vez.
(O cheiro lhe dava enjoo e agradava ao mesmo tempo.)

Em posição enclítica isso não é possível, pois os pronomes formam apenas uma palavra gráfica com o verbo:

Es un artículo muy grande. Necesito tiempo para leerlo y resumirlo.
(É um artigo muito grande. Preciso de tempo para lê-lo e resumi-lo.)

b) Quando combinados com um ou mais verbos, podem vir em posição proclítica ou enclítica, mas nunca entre os dois verbos:

Les quiero contar una cosa.
Quiero contarles una cosa.
(Quero contar uma coisa para vocês.)

Segundo a RAE, o uso de pronome enclítico com verbo conjugado é arcaico na língua escrita e pode aparecer também em registros mais formais da expressão oral. No entanto, nenhum dos usos é incentivado pela academia.

Duplicação dos pronomes em espanhol

Em espanhol, é obrigatória a duplicação do complemento direto ou indireto quando representam pronomes pessoais tônicos precedidos da preposição a. Dessa forma, são admitidas as construções:

La vieron.
La vieron a ella.
(Viram-na. / Viram ela.)

Te quieren a ti.
(Amam você. / Te amam.)

No entanto, são agramaticais as frases:

*Vieron a ella.
*Quieren a ti.

¡OJO! O pronome usted admite com frequência a variante sem duplicação, principalmente nos registros formais. Veja o exemplo:

Lo que me da fuerzas para seguir es ayudar a ustedes.
(O que me dá forças para seguir é ajudar vocês.)

Entretanto, não se diria *… ayudar a ti.

A duplicação também é obrigatória quando se trata de um grupo nominal ou de construcciones dislocadas, ou seja, aquelas que funcionam como tópico inicial. Veja os exemplos:

A Lucía la vieron salir.
(Viram a Lucía sair.)

El periódico lo compra mi hijo.
(Meu filho compra o jornal.)

Leísmo, laísmo e loísmo

Como dito anteriormente, os únicos pronomes átonos que variam são os de 3a pessoa do singular e do plural. Os pronomes la e las substituem objetos diretos femininos; lo e los substituem os masculinos; por último, os pronomes le e les são de complemento indireto e não têm marca de gênero, apenas de número.

Existem certas situações em que esses pronomes são trocados. Vejamos os casos.

a) Leísmo: uso do pronome le como de complemento direto:

A Juana le vieron en el parque.
(Viram a Joana no parque.)

Vine a devolver este libro porque ya le leí.
(Vim devolver este livro porque já o li / li ele.)

A única forma de leísmo gramaticalmente aceita é a alternância com os pronomes masculinos lo e los:

Carlos vio a Diego y le/lo abrazó.
(Carlos viu Diego e o abraçou.)

b) Laísmo: uso de la e las no lugar de le/les:

Encontré a María y la dije que me llamara.
(Encontrei a Maria e falei para ela me ligar.)

c) Loísmo: uso de lo e los no lugar de le/les. Sua ocorrência é comum em certas regiões de Castilha e em partes dos Andes onde se fala quéchua ou aimara.

Encontré a Juan y lo dije que me llamara.
(Encontrei o Juan e falei para ele me ligar.)

Leia também: Pronomes possessivos em espanhol

Exercícios resolvidos sobre os pronomes complemento em espanhol

Questão 01

Sustituye el fragmento en negrita por el pronombre complemento directo adecuado.

a) Leo dos periódicos todos los días.

b) Escucho las noticias en mi auto.

c) Llaman por teléfono a mi mamá y a mí.

d) ¿Sabrá sellar la carta?

e) Ellos escribirán un correo aclaratorio.

Solução:

a) Los leo todos los días.

b) Las escucho en mi auto.

c) Nos llaman por teléfono.

d) ¿Sabrá sellarlas? / ¿Las sabrá sellar?

e) Ellos lo escribirán.

Questão 02

(UFMG 2011 – adaptada) Lea el siguiente texto y a continuación realice lo que se le pide.

Pidieron la detención de los tres acusados de abusar a una menor en General Villegas

1 El fiscal de Trenque Lauquen Fabio Arcomano pidió hoy la detención de los tres hombres que se filmaron en escenas sexuales con una adolescente de 14 años y luego difundieron el video por Internet, en la localidad bonaerense de General Villegas.

Arcomano solicitó este mediodía al juez de Garantías Gerardo Palacios Córdoba que

5 aprese a las personas involucradas, acusadas por los delitos de “abuso sexual agravado y corrupción de menores”.

El fiscal afirmó que el testimonio que la adolescente brindó ayer fue “creíble” y le “permitió formar un cuadro delictivo completo” del caso, ocurrido en la ciudad bonaerense de General Villegas.

En declaraciones al canal C5N, el funcionario público también acusó a dos de los

10 hombres de difundir el “material pornográfico” en la web. El juez Palacios Córdoba cuenta con “cinco días” hábiles para resolver la situación de los hombres, que tienen entre 25 y 30 años de edad y aparecen en escenas sexuales con la adolescente.

En tanto, durante la tarde, se realizó una polémica marcha en apoyo de los tres hombres imputados. “Eso hay que probarlo”, dijo el tío de uno de ellos y afirmó no estar avergonzado por 15 lo que hizo su sobrino: “Vergüenza deberían sentir los padres porque sabían lo que era” la adolescente, afirmó.

El hombre dijo que no sabe dónde está su sobrino pero aseguró que “se entregará a la justicia” y que “tiene que pagar por lo que hizo”, aunque pidió que “no le agreguen más delitos”. La esposa de otro de los imputados dijo que los hombres “son inocentes” y no quiso confirmar si 20 su marido era uno de los que aparecen en las filmaciones manteniendo sexo con la estudiante, que ayer confirmó el abuso en un peritaje psicológico judicial.

La marcha convocó a una treintena de personas, entre ellas familiares y amigos de los acusados. “Yo soy madre y quiero una justicia equitativa”, porque “uno de los chicos acusados tiene hijos”, dijo una vecina que participó de la movilización.

Familia preocupada

25 Luego de la declaración de su hija en la Justicia, la madre de la menor de 14 años se mostró quebrada en los medios y aseguró que su familia está destruida. “Mi hija está shockeada y tiene miedo de que le pase algo en la calle”, dijo a C5N Blanca Lescano, la madre de la adolescente que aparece en el video del abuso que se difundió a través de los celulares de los vecinos y que generó un escándalo en el pueblo.

30 La mujer dijo que su familia siente “miedo, vergüenza y bronca”, ya que la sociedad de General Villegas los estigmatizó, aunque aseguró que no se van a mudar de ciudad.

IDENTIFIQUE en el texto y ESCRIBA en los huecos el referente de los siguientes pronombres.

(El primer ejercicio está puesto como ejemplo.)

a) le (línea 8) = fiscal

b) lo (línea 15) =

c) le (línea 18) =

d) le (línea 27) =

e) los (línea 30) =

Solução:

a) fiscal

b) lo (línea 15) = el abuso

c) le (línea 18) = sobrino

d) le (línea 27) = hija

e) los (línea 30) = la mujer y su familia

 

Por Renata Martins Gornattes
Professora de Espanhol   

Escritor do artigo
Escrito por: Renata Martins Gornattes Graduação em Letras Espanhol pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás (FL/UFG). Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR). Professora de Espanhol da Seduc-MT, atuando no ensino fundamental, médio e em cursinho pré-vestibular.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GORNATTES, Renata Martins. "Pronomes complemento em espanhol"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/espanhol/pronomes-complemento-em-espanhol.htm. Acesso em 14 de abril de 2024.

De estudante para estudante