close
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Hipófise

A hipófise é uma glândula que apresenta duas porções: a adeno-hipófise e a neuro-hipófise. Essa última apresenta conexão com o sistema nervoso.

Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

A hipófise ou glândula pituitária é uma glândula localizada em uma cavidade do osso esfenoide. Essa glândula liga-se ao hipotálamo e é responsável por secretar alguns hormônios produzidos nessa última região. Vale destacar que a hipófise secreta também os seus próprios hormônios, os quais são responsáveis por controlar a atividade de várias outras glândulas. Devido a esse controle sobre outras glândulas, a hipófise é constantemente chamada de glândula mestra.

São hormônios secretados pela hipófise:

  • hormônio folículo-estimulante,
  • hormônio luteinizante,
  • hormônio estimulador da tireoide,
  • hormônio adrenocorticotrófico,
  • prolactina,
  • hormônio do crescimento,
  • ocitocina,
  • hormônio antidiurético.

Leia também: Quais são as principais glândulas endócrinas e quais hormônios elas produzem?

Tópicos deste artigo

O que é a hipófise?

A hipófise é uma glândula localizada em uma cavidade do osso esfenoide, na base do cérebro, que apresenta cerca de 1 centímetro de diâmetro e, aproximadamente, 0,5 grama em um indivíduo adulto, um tamanho semelhante a um grão de feijão. Essa glândula apresenta ligação direta com o sistema nervoso central por meio de um pedículo. A glândula é revestida por uma cápsula de tecido conjuntivo.

A hipófise é uma glândula de pequenas dimensões, porém com um grande papel no organismo.
A hipófise é uma glândula de pequenas dimensões, porém com um grande papel no organismo.

Adeno-hipófise e neuro-hipófise

Quando analisamos a hipófise, percebemos que ela, na realidade, consiste em duas porções, as quais estão unidas anatomicamente. Isso se deve ao fato de que a hipófise possui uma origem embrionária dupla, apresentando origem nervosa e ectodérmica. As duas porções da hipófise são conhecidas como adeno-hipófise e neuro-hipófise.

  • Adeno-hipófise: porção originada do ectoderma e pode ser subdividida em três regiões: pars distalis, pars tuberalis e  pars intermedia. A pars distalis ou lobo anterior é a região mais volumosa, representando cerca de 75% da massa total da hipófise. A pars tuberalis, por sua vez, abraça o infundíbulo (parte da neuro-hipófise). Por fim, temos a pars intermedia que se localiza entre a neuro-hipófise e a pars distalis. A pars nervosa e a pars intermedia, juntas, formam o lobo posterior da hipófise.
  • Neuro-hipófise: como o nome sugere, a neuro-hipófise é a porção da hipófise de origem nervosa. Podemos identificar uma porção mais volumosa denominada de pars nervosa e um pedículo de fixação denominado de infundíbulo, o qual tem conexão com direta com o sistema nervoso, mais precisamente com o hipotálamo.

Leia também: Sistema endócrino – sistema responsável por sintetizar os hormônios

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Hormônios produzidos pela hipófise

A hipófise é uma glândula endócrina, ou seja, é responsável por produzir secreções, denominadas de hormônios, que são lançados diretamente na corrente sanguínea. A porção que produz e secreta hormônios é a adeno-hipófise.

A neuro-hipófise, por sua vez, está conectada ao hipotálamo e é responsável por secretar os hormônios produzidos por essa porção do sistema nervoso. Os axônios hipotalâmicos atingem a neuro-hipófise e secretam os neuro-hormônios produzidos no hipotálamo. Vamos conhecer a seguir os hormônios secretados por essas duas regiões:

Na imagem, é possível observar os hormônios secretados pela hipófise e onde eles atuam.
Na imagem, é possível observar os hormônios secretados pela hipófise e onde eles atuam.
  • Hormônios da neuro-hipófise

A neuro-hipófise é responsável por secretar dois hormônios que são produzidos pelo hipotálamo: o hormônio antidiurético e a ocitocina.

  • Hormônio antidiurético (ADH): esse hormônio, também chamado de vasopressina, apresenta como função primordial a regulação da função renal, proporcionando uma maior absorção de água pelos rins.
  • Ocitocina: dentre outras funções, atua nas contrações do útero, na hora do parto, e na ejeção do leite.
  • Hormônios da adeno-hipófise

A adeno-hipófise é responsável por sintetizar e secretar os seus próprios hormônios, os quais apresentam uma gama variada de funções. Alguns desses hormônios são responsáveis por controlar a atividade de outras glândulas, o que acaba dando a denominação de glândula mestra à hipófise. Veja a seguir os hormônios por ela produzidos:

  • Prolactina: responsável por estimular o desenvolvimento da glândula mamária e a produção de leite.
  • Hormônio do crescimento (GH): atua no crescimento do organismo e no metabolismo.
  • Hormônio estimulador de melanócitos (MSH): estimula a produção de melanina.
  • Hormônio estimulador da tireoide (TSH): estimula a tireoide a sintetizar e secretar seus hormônios.
  • Hormônio adrenocorticotrófico (ACTH): estimula o córtex da suprarrenal a produzir seus hormônios.
  • Hormônio folículo-estimulante (FSH): nas mulheres, o FSH promove o desenvolvimento dos folículos ovarianos e a secreção de estrógeno. Nos homens, o hormônio promove a espermatogênese.
  • Hormônio luteinizante (LH): nas mulheres, promove a ovulação e a secreção da progesterona. Nos homens, por sua vez, estimula as células de Leydig e a secreção de andrógenos.

 

Por Vanessa Sardinha dos Santos
Professora de Biologia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Hipófise"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/hipofise.htm. Acesso em 23 de maio de 2022.

De estudante para estudante


O que pode cair no Enem 2022 em Ciências da Natureza?

Por Thiago Cabral
Responder
Ver respostas

Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

A hipófise, antigamente chamada de pituitária, é uma glândula responsável pela produção de diversos hormônios. Ela pode ser dividida em duas porções:

  1. Hipotálamo e tálamo
  2. Adeno-hipófise e paratireoides.
  3. Adeno-hipófise e neuro-hipófise.
  4. Neuro-hipófise e hipotálamo.
  5. Neuro-hipófise e adrenais.

Exercício 2

Diante da vasta quantidade de hormônios produzidos que atuam na regulação de outras glândulas, a hipófise já foi chamada de glândula mestra.  Marque a alternativa que indique três hormônios produzidos pela hipófise que agem em outras glândulas:

  1. Adrenocorticotrófico, Tireoideotrópico, Luteinizante.
  2. Luteinizante, Calcitonina e Glicocorticoides.
  3. Glicocorticoides, Paratormônio e Adrenalina.
  4. Adrenalina, Tiroxina e Triiodotironina. 
  5. Triiodotironina, Mineralocorticóides e Adrenocorticotrófico.

Estude agora


Cruz e Sousa

Nesta videoaula, você conhecerá um pouco mais sobre a vida e a obra de Cruz e Sousa, um importante poeta do...

Aulão 1° dia Enem 2020 | Oficina do Estudante

Confira um aulão sobre o primeiro dia de provas do Enem 2020. A transmissão é uma parceria com o Oficina do...