Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Costelas

As costelas são ossos que desempenham um papel importante na proteção de órgãos vitais e na sustentação do corpo. O ser humano tem 24 costelas, organizadas em 12 pares.

Costelas na caixa torácica.
As costelas constituem a caixa torácica junto ao esterno, as vértebras torácicas, as cartilagens costais e as articulações.
Crédito da Imagem: Shutterstock
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

As costelas são ossos longos e curvados que formam a estrutura principal da caixa torácica, protegendo órgãos vitais como o coração e os pulmões. Na espécie humana, existem 12 pares de costelas, que podem ser divididas de acordo com seu tipo de ligação ao esterno ou com sua estrutura. Apesar de resistentes, as costelas podem apresentar problemas de saúde, ocasionando dor e desconforto.

Leia também: Quantos ossos um ser humano adulto tem?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre costelas

  • As costelas são estruturas ósseas curvadas e resistentes que compõem parte da caixa torácica.

  • Elas desempenham um papel importante na respiração e na proteção dos órgãos internos.

  • O corpo humano tem um total de 24 costelas, sendo 12 pares, que se dividem em costelas verdadeiras, falsas e flutuantes.

  • As costelas também são divididas em típicas e atípicas de acordo com a sua estrutura.

  • Problemas como fraturas, luxações e deformidades podem afetar as costelas e causar dor e desconforto.

O que são as costelas?

As costelas são ossos alongados e curvos, semelhantes a semiarcos, que constituem a maior parte da caixa torácica. Esses ossos se estendem da coluna vertebral até o esterno, em que podem se unir por meio das cartilagens costais.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Função das costelas

As costelas, apesar de leves, são ossos muito resistentes. Essa característica as torna parte importante do sistema esquelético humano. Ao constituir a caixa torácica, as costelas proporcionam suporte estrutural e proteção aos órgãos torácicos internos, como os pulmões, coração e grandes vasos sanguíneos. Além disso, elas também desempenham um papel na respiração, auxiliando na expansão e contração do tórax durante o processo respiratório.

Ilustração representando costelas e órgãos internos do corpo humano.
O coração e o pulmão, órgãos vitais no corpo humano, são protegidos de impactos pelas costelas.

Quantas costelas tem o corpo humano?

O corpo humano tem o total de 24 costelas, organizadas em 12 pares, todas articuladas com a coluna vertebral. É interessante destacar que o número de costelas pode variar entre as espécies animais.

Veja também: Como funciona o sistema muscular?

Classificação das costelas do corpo humano

Divisão das costelas.
As costelas podem ser divididas em verdadeiras, falsas e flutuantes.

A divisão das costelas é importante para compreender a anatomia e a fisiologia do tórax, assim como para diagnósticos médicos e procedimentos cirúrgicos. Elas podem ser divididas da seguinte forma:

Com base na sua articulação

O tipo de ligação das costelas com o esterno as divide em costelas verdadeiras (vertebroesternais), costelas falsas (vertebrocondrais) e costelas flutuantes (vertebrais livres).

  • Costelas verdadeiras: são as costelas de 1 a 7, e recebem esse nome, pois se conectam diretamente ao osso esterno por meio da sua própria cartilagem costal.

  • Costelas falsas: incluem as costelas de 8 a 10, e são assim chamadas porque estão ligadas ao esterno indiretamente por meio da cartilagem da costela acima delas.

  • Costelas flutuantes: compreendem as duas últimas costelas, do 11º ao 12º par. Esses ossos não se conectam à frente, apenas à coluna vertebral, e a cartilagem deles pode terminar dentro da musculatura abdominal.

Com base na sua estrutura

As costelas podem ser divididas em típicas e atípicas devido às suas diferenças anatômicas.

  • Costelas típicas: têm uma estrutura comum e características anatômicas similares. Elas são numeradas de 3 a 9, e sua estrutura é dividida em cabeça, colo, tubérculo e corpo.

Estrutura de uma costela típica.
A sétima costela é um exemplo de costela típica.
  • Costelas atípicas: não seguem a estrutura comum das costelas típicas, e cada uma delas tem características diferentes. As costelas atípicas incluem as costelas 1, 2, 10, 11 e 12.

Problemas que afetam as costelas

Diversos problemas de saúde podem afetar as costelas, incluindo fraturas e deformidades.

Fraturas costais

São lesões comuns, geralmente causadas por trauma direto ou compressão do tórax, e podem resultar em dor intensa ao respirar e movimentar-se. As costelas da região intermediária do tórax têm maior probabilidade de serem fraturadas. Na maioria dos casos, as costelas fraturadas recompõem-se em poucas semanas, não exigindo um tratamento específico. Entretanto, casos graves podem danificar os pulmões, os vasos sanguíneos e/ou outros órgãos alojados na cavidade torácica, representando um risco grave à saúde.

Costocondrite

É uma inflamação da cartilagem que conecta uma costela ao esterno. As causas incluem traumas na região do tórax provocados por acidentes ou esforço físico excessivo, tosse persistente e intensa, e infecções bacterianas. Os principais sintomas são dor no meio do peito e ao longo das costelas, podendo irradiar para os braços e os ombros. A doença costuma afetar as costelas superiores do lado esquerdo do corpo. Ela geralmente desaparece por conta própria, e o tratamento se concentra no alívio da dor.

Pectus

Constitui um conjunto de deformidades que ocorrem na parede do tórax devido a um crescimento anormal das cartilagens das costelas. Essas alterações podem comprometer funções respiratórias e cardíacas do corpo.

Deformidade torácica em um menino sem camisa, um problema que afeta as costelas.
O pectus excavatum é chamado também de peito de sapateiro.

O tratamento pode ser realizado de forma cirúrgica ou de forma conservadora, como fisioterapia, dependendo do caso do paciente. O tipo mais comum de pectus é o excavatum, que consiste em uma depressão do esterno e das costelas para o interior do tórax. Além de trazer complicações fisiológicas, o pectus excavatum é também considerado uma questão estética, conhecida como peito de sapateiro.

Fontes

BRUNA, M. H. V. Fratura de costela. In: Drauzio, 17 fev. 2022. Disponível em: https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/fratura-de-costela/

CONTE, J. Entenda o que é pectus. In: Drauzio, 12 maio 2016. Disponível em: https://drauziovarella.uol.com.br/homem-2/entenda-o-que-e-pectus/

HOSPITAL ISRAELITA ALBERT EINSTEIN. Costocondrite: o que é e como tratar. In: Vida Saudável Einstein [S.l.]. Disponível em: https://vidasaudavel.einstein.br/costocondrite-o-que-e-e-como-tratar/

LACERDA, G. C. Costelas. In: Kenhub, 30 out. 2023. Disponível em: https://www.kenhub.com/pt/library/anatomia/costelas 

Escritor do artigo
Escrito por: Heloísa Fernandes Flores Bacharela, licenciada e mestre em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo. Atualmente, é doutoranda em Entomologia e cursa uma especialização em Gestão Escolar na mesma instituição. Desenvolve pesquisas com análise de conteúdo de livro didático e evolução de insetos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FLORES, Heloísa Fernandes. "Costelas"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/costelas.htm. Acesso em 13 de julho de 2024.

De estudante para estudante


Artigos Relacionados


Coluna vertebral

Clique aqui e descubra mais sobre a coluna vertebral. Neste texto falaremos a respeito de sua estrutura, curvaturas e doenças que atingem essa estrutura.
Biologia

Diferença entre fratura, entorse e luxação

Conheça a diferença entre fratura, entorse e luxação, problemas que atingem o sistema esquelético e que podem ocasionar graves dificuldades de locomoção.
Biologia

Esqueleto humano

Saiba os nomes dos principais ossos do esqueleto humano, quantos ossos existem no nosso corpo e quais são as suas funções.
Biologia

Fraturas

Entenda o que são fraturas, conheça seus principais tipos e saiba como se comportar diante de uma pessoa que teve um osso lesionado.
Biologia

Funções da coluna

Conheça as funções da coluna e saiba por que ela é tão importante.
Biologia

Ossos do corpo humano

Clique aqui e saiba tudo sobre os ossos do corpo humano. Descubra também quais são o menor e o maior osso que fazem parte do esqueleto humano.
Biologia

Sistema esquelético

Descubra mais sobre o sistema esquelético, clicando aqui! Neste texto falaremos a respeito de ossos, seus tipos, divisão do esqueleto e articulações.
Biologia

Sistema muscular

Amplie seus conhecimentos a respeito do sistema muscular, aprendendo mais sobre os músculos, seus tipos e sua classificação, e conhecendo alguns de seus exemplos.
Biologia

Tecido cartilaginoso ou cartilagem

Conheça as principais características do tecido cartilaginoso, um tipo de tecido presente no nariz, orelha, laringe e epiglote.
Biologia

Tecido ósseo

Clique aqui e descubra mais sobre o tecido ósseo, um tecido com matriz extracelular calcificada que atua na sustentação do nosso corpo.
Biologia