Topo
pesquisar

Eufemismo

Redação

O eufemismo é uma figura de linguagem encontrada nos diversos atos de fala, atuando como recurso essencial para a construção dos sentidos do discurso politicamente correto.
PUBLICIDADE

Quando elaboramos enunciados, sejam eles escritos ou orais, as palavras empregadas (ainda que de maneira espontânea e despretensiosa) não surgem ao acaso. Afirmar que nosso discurso está livre de qualquer interferência ideológica seria, no mínimo, ingênuo. Somos indivíduos sociais e históricos, cujas idiossincrasias deixam-se revelar através das escolhas vocabulares e até mesmo das expressões corporais.

Estamos o tempo todo envolvidos em situações comunicacionais em diferentes ambientes, com os mais diversos interlocutores. O fato é que a fala é um dos mais poderosos instrumentos de interação social, através dela nos expressamos e deixamos vir à tona nossas singularidades. Nenhum discurso é desprovido de intencionalidade, estamos constantemente tentando convencer, persuadir e despertar em nossos interlocutores simpatia e adesão àquilo que estamos falando. O emprego de eufemismos é um dos elementos mais interessantes para a Análise do Discurso, campo da linguística e da comunicação especializado em analisar construções ideológicas presentes em um texto. Através da AD (Análise do Discurso), podemos analisar textos da mídia, da publicidade, entre outros, descobrindo suas ideologias e intencionalidades.

O eufemismo é uma figura de linguagem caracterizada pelo emprego de termos mais agradáveis para suavizar uma ideia ou expressão. Além de ser empregado para amenizar um discurso de conteúdo semântico mais “pesado”, o eufemismo também pode ser utilizado com certa comicidade na intenção do falante, denotando ironias e ideologias presentes no discurso:

Os eufemismos podem ser empregados para conferir certa comicidade ao texto. Tirinha do cartunista Laerte
Os eufemismos podem ser empregados para conferir certa comicidade ao texto. Tirinha do cartunista Laerte

O eufemismo é um importante recurso para a construção de sentidos de um texto, pois existem situações em que é preciso substituir palavras que, historicamente, carregam em seu significado conotações negativas. Esse tipo de adequação vocabular tem ganhado cada vez mais força, especialmente entre os defensores do discurso politicamente correto, que acreditam que palavras negativas fortalecem cognitivamente atitudes negativas e vice-versa, reforçando assim a ideia de que a língua também pode ser uma fonte de preconceitos. Além disso, eufemismos são constantemente empregados em nosso dia a dia como recurso linguístico importante para a manutenção da diplomacia nas relações sociais. Observe um exemplo de eufemismo na tirinha Charlie Brown, de Charlie Schulz:

Os eufemismos são utilizados na construção do discurso politicamente correto, importante para a manutenção da diplomacia nas relações sociais
Os eufemismos são utilizados na construção do discurso politicamente correto, importante para a manutenção da diplomacia nas relações sociais

A partir da análise dos diversos discursos aos quais estamos expostos em nosso cotidiano, seja o discurso da grande mídia, o discurso das relações sociais e/ou o discurso publicitário, podemos chegar à conclusão de que nem sempre a substituição de uma palavra mais “agressiva” por outra mais “suave” é apenas uma questão semântica ou de adequação vocabular. O uso de eufemismos e outros recursos linguísticos que tornam um texto mais “palatável” evidencia a importância da linguagem na materialização de uma ideologia. Somos seres sociais, e todos os nossos atos de fala estão permeados por nossas crenças e ideais. Utilizar termos eufêmicos não faz do falante um hipócrita — alguém que utiliza a língua de maneira “desonesta” apenas para agradar seus interlocutores —, já que em determinadas situações de uso eles são essenciais para o bom convívio social.


Por Luana Castro
Graduada em Letras

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PEREZ, Luana Castro Alves. "Eufemismo"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/redacao/eufemismo.htm>. Acesso em 25 de junho de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA