Topo
pesquisar

Pleonasmos viciosos mais comuns da língua portuguesa

Gramática

Os pleonasmos viciosos mais comuns da língua portuguesa passam despercebidos pela maioria dos falantes.
Os pleonasmos viciosos acontecem, principalmente, na oralidade
Os pleonasmos viciosos acontecem, principalmente, na oralidade
PUBLICIDADE

Embora comuns no dia a dia dos falantes, os vícios de linguagem são considerados erros gramaticais. Esses desvios acontecem quando palavras e expressões fogem às regras da norma culta ou padrão da língua. Entre os vícios mais comuns, está o pleonasmo, que ocorre normalmente na tentativa de nos expressarmos melhor. Mas você sabe o que ele é?

De origem grega, polys – pleon – pleonasein (muito), pleonasmo significa redundância. Esse vício de linguagem acontece quando palavras redundantes são utilizadas sem função, uma vez que o sentido da mensagem já foi alcançado antes com a apresentação de outras palavras.

Conheça os pleonasmos viciosos mais comuns da língua portuguesa:

Os pleonasmos viciosos, conhecidos também como perissologia ou tautologia, não são, na maioria das vezes, notados pelos falantes, visto que muitas expressões listadas anteriormente são corriqueiras na oralidade. Entretanto, são formas que devemos evitar, uma vez que são considerados desvios gramaticais.


Por Mariana Pacheco
Graduada em Letras

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PACHECO, Mariana do Carmo. "Pleonasmos viciosos mais comuns da língua portuguesa"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/gramatica/pleonasmos-viciosos-mais-comuns-lingua-portuguesa.htm>. Acesso em 23 de outubro de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA