Topo
pesquisar

Plantas tóxicas

Biologia

As plantas tóxicas, tais como comigo-ninguém-pode e copo-de-leite, são responsáveis por uma grande quantidade de acidentes, que normalmente envolvem crianças.
Algumas vezes, encontramos plantas tóxicas nos nossos jardins e até mesmo em praças públicas
Algumas vezes, encontramos plantas tóxicas nos nossos jardins e até mesmo em praças públicas
PUBLICIDADE

Folhas coloridas e flores chamativas e cheirosas. São várias as características que deixam as plantas atrativas aos nossos olhos. Entretanto, o que muitos esquecem é que essas mesmas plantas podem esconder substâncias que apresentam grande toxicidade.

Todos os anos uma grande quantidade de acidentes com plantas tóxicas ocorre no Brasil. Isso se deve ao fato de que muitas possuem interesse ornamental e, por isso, são encontradas facilmente em jardins, residências e até em locais públicos.

Segundo o Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas (SINITOX), 60% dos registros de intoxicação por plantas ocorrem em crianças menores de nove anos e, na grande maioria das vezes, de forma acidental. Sendo assim, a atenção deve ser redobrada no que diz respeito a plantas de fácil acesso a crianças.

Observe a seguir exemplos de algumas plantas que causam risco à nossa saúde e são facilmente encontradas no Brasil:

Essa planta é bastante usada em decorações de natal, apesar de ser tóxica
Essa planta é bastante usada em decorações de natal, apesar de ser tóxica

Bico-de-papagaio (Euphorbia pulcherrima) - Essa planta altamente conhecida apresenta substâncias tóxicas em todas as suas partes. Aquela substância leitosa (látex) produzida pela planta pode provocar irritações na pele, como coceiras e sensação de queimação. Caso a planta seja ingerida, pode causar vômitos e diarreias, além de causar inchaço na boca e língua. Em contato com o olho, pode causar irritações e prejudicar a visão.

Se ingerida, essa planta causa problemas sérios, uma vez que possui oxalato de cálcio
Se ingerida, essa planta causa problemas sérios, uma vez que possui oxalato de cálcio

Comigo-ninguém-pode (Dieffenbachia picta) - Todas as porções dessa planta são consideradas tóxicas em razão da presença de cristais de oxalato de cálcio. Se for ingerida, pode provocar inchaço na boca e língua, náusea, vômito, diarreia, produção exagerada de saliva e até mesmo asfixia. Se colocada em contato com os olhos, pode levar a lesões na córnea.

Muito usada ornamentalmente, essa planta apresenta alta toxicidade
Muito usada ornamentalmente, essa planta apresenta alta toxicidade

Copo-de-leite (Zantedeschia aethiopica) - Essa planta também apresenta toxicidade em todas as suas partes em virtude da presença de grande quantidade de oxalato de cálcio. Se ingerida, causa inchaço na boca e língua, náusea, vômitos, diarreia, produção exagerada de saliva, dificuldade na deglutição e asfixia. Assim como a comigo-ninguém-pode, se colocada em contato com os olhos, pode causar lesões na córnea.

Essa planta possui um látex que causa bastante irritação na pele e mucosas
Essa planta possui um látex que causa bastante irritação na pele e mucosas

Coroa-de-cristo (Euphorbia milii) - Todas as porções dessa planta são tóxicas em virtude da presença de látex, que pode causar irritação na pele e nas mucosas. Caso seja ingerida, é responsável por causar náusea, vômito e diarreia, além de provocar inchaço na boca e língua. Quando em contato com os olhos, acarreta irritações que podem provocar dificuldade para enxergar.

A ingestão de sementes de mamona pode levar à morte
A ingestão de sementes de mamona pode levar à morte

Mamona (Ricinus communis) - A toxidade dessa planta está em suas sementes, que apresentam uma substância conhecida como ricina. Apesar de não ser usada como ornamental, essa planta é facilmente encontrada em terrenos baldios. A ingestão de suas sementes causa sérios problemas gastrointestinais, incluindo-se náusea, vômito e diarreias sanguinolentas. Dependendo da quantidade ingerida, pode levar a convulsões, coma e até a morte.

A presença de alcaloides torna essa planta bastante perigosa
A presença de alcaloides torna essa planta bastante perigosa

Trombeteira (Datura suaveolens) - Toda a planta é considerada tóxica em virtude da presença de alcaloides. Ao ser ingerida, pode causar sensação de boca seca, taquicardia, alucinações, agitação e dilatação de pupilas. Em alguns casos, pode levar à morte.

Existem várias outras plantas que podem provocar acidentes graves. Como exemplos, podemos citar ainda o pinhão-roxo, a mandioca-brava, o jasmim-de-caiena, o chapéu-de-napoleão, a espirradeira e a urtiga.

Diante da tamanha quantidade de plantas com princípios ativos que causam mal à nossa saúde, algumas medidas preventivas devem ser tomadas. Veja a seguir algumas dicas:

→ Não deixe plantas em locais acessíveis a crianças e sempre as ensine a respeito dos perigos de alguns vegetais;

→ Procure informar-se a respeito da toxicidade das plantas que estão em sua casa;

→ Bastante cuidado ao podar plantas que produzem substância leitosa (látex), pois elas podem causar reações desagradáveis. Usar luvas e sempre lavar as mãos após mexer nos jardins são procedimentos fundamentais;

→ Sempre que perceber algum sintoma desagradável após manipular uma planta, procure o médico. O mesmo é válido para quando você observar que alguém ingeriu alguma planta considerada tóxica.

Por Ma. Vanessa dos Santos

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Plantas tóxicas"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/biologia/plantas-toxicas.htm>. Acesso em 21 de novembro de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA