Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O que é Neolítico?

O Neolítico, também conhecido como Idade da Pedra Polida, foi o período da Pré-História em que ocorreu a chamada Revolução Agrícola.

Assentamento neolítico Skara Brae, localizado no arquipélago Orkney, na Escócia, e datado entre 3180 a.C.-2500 a.C.
Assentamento neolítico Skara Brae, localizado no arquipélago Orkney, na Escócia, e datado entre 3180 a.C.-2500 a.C.
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Neolítico é uma divisão cronológica da chamada Pré-História da Humanidade, compreendida aproximadamente entre 10.000 a.C. e 3000 a.C. Neolítico significa “pedra nova” ou Idade da Pedra Polida. Pode-se dizer que o marco da passagem do Paleolítico para o Neolítico foi a Revolução Agrícola, que trouxe, entre outras mudanças, o sedentarismo e o uso do metal para a humanidade. Não é possível estipular o fim exato desse período, pois alguns de seus fatores permaneceram até tempos mais recentes.

 Saiba mais: Arte na Pré-História — foi produzia principalmente durante o Paleolítico e o Neolítico

Tópicos deste artigo

Resumo sobre Neolítico 

  • Foi um período histórico delimitado, por convenção, entre 10.000 a.C. e 3000 a.C.

  • Alguns de seus acontecimentos principais foram a Revolução Agrícola e a produção de artefatos de pedra polida.

  • Em termos sociais, aldeias foram criadas e o sistema de trabalho foi dividido por sexo.

  • Não se pode delimitar bem seu fim, pois algumas de suas características permaneceram até tempos mais recentes.

Videoaula sobre Neolítico | Pré-História

Características do Neolítico

Denominações como Idade da Pedra Polida e “pedra nova” indicam que as divisões nesse período da existência humana foram feitas a partir do desenvolvimento de artefatos produzidos pelos seres humanos, bem como pelo desenvolvimento de algumas práticas referentes à ação antrópica.

O fato de utilizarem artefatos construídos de pedras polidas dava maior precisão ao corte dos instrumentos de caça, pesca e também de utilização cotidiana. A maior parte dos artefatos era feita de sílex ou quartzo bem como de ossos de animais e marfim, chegando, ao final do período, ao desenvolvimento de artefatos de metal.

Ferramentas e armas feitas de pedra, metal e madeira, típicas do Neolítico.
Ferramentas e armas feitas de pedra, metal e madeira, típicas do Neolítico.

O que mudou do Paleolítico para o Neolítico?

Além do tipo de artefato, geralmente utiliza-se como marco divisório entre o Neolítico e o Paleolítico, o período antecedente, a chamada Revolução Agrícola. Tal revolução não teria ocorrido rapidamente, como é comum pensar quando se refere ao termo revolução.

A Revolução Agrícola do Neolítico teria sido um longo processo de desenvolvimento da agricultura por parte das pessoas que viveram nessa época. Essa revolução compreendeu a capacidade de perceber os fenômenos naturais, elaborando-se teorias iniciais de causa/efeito, principalmente a partir da observação de alguns fenômenos, como a germinação.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Quais foram as principais inovações que marcaram o Neolítico?

Não houve também uma mudança brusca de passagem da fase da caça/coleta para a agricultura, havendo uma simultaneidade entre as práticas. De todo modo, algumas das principais mudanças da Revolução Agrícola do Neolítico foram:

  • Sedentarização: o começo da sedentarização das pessoas em locais determinados para a espera da produção dos alimentos, compreendendo o preparo do solo, a semeadura e a colheita.

  • Divisão do trabalho: os impactos nas organizações sociais ocorreram principalmente na divisão do trabalho, de acordo com os sexos e com a necessidade de guardar os alimentos, o que ocasionou o desenvolvimento da cerâmica e da domesticação dos animais. Embriões de organizações de clãs, as grandes famílias, surgiram no período.

  • Construção de aldeias: habitações foram construídas próximas umas das outras para auxiliar na defesa contra grupos humanos rivais. Muros e cercas de proteção foram criados, sendo ainda desenvolvidas técnicas mais avançadas de agricultura, aumentando-se aos poucos os excedentes agrícolas.

  • Seleções de espécies vegetais e animais: foram também realizadas, o que auxiliou o aumento populacional.

  • Novos meios de transportes: também foram desenvolvidos, como barcos, jangadas e botes, o que possibilitou a pesca em rios, lagos e mares.

  • Emprego do metal: por volta de 6000 a.C. e 5000 a.C., o metal começou a ser empregado em algumas aldeias. Inicialmente, passou-se a produzir o cobre e posteriormente o ferro. Com isso, desenvolveu-se uma rústica prática de siderurgia, impulsionando o desenvolvimento da prática do artesanato e a facilitação da agricultura. A defesa contra grupos opositores também ganhou força com as novas armas desenvolvidas com metais.

Fim do Neolítico

Não há como estipular uma data precisa para o fim do Neolítico, já que muitas das caraterísticas do período, até tempos recentes, ainda eram verificadas. Mesmo a adoção da escrita como possível marco divisor gera controvérsias, pois coloca a invenção da escrita como uma causa de mudanças socioeconômicas, quando possivelmente teria sido uma consequência de longos processos históricos.


Por Me. Tales Pinto   

Escritor do artigo
Escrito por: Tales dos Santos Pinto Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PINTO, Tales dos Santos. "O que é Neolítico?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/historia/o-que-e-neolitico.htm. Acesso em 21 de maio de 2024.

De estudante para estudante


PUBLICIDADE