Topo
pesquisar
Texto-A+A

O que é espectro eletromagnético?

O que é Física?

O que é espectro eletromagnético? Trata-se da distribuição das ondas eletromagnéticas a partir dos valores dos comprimentos de onda e da frequência das radiações.
PUBLICIDADE

O espectro eletromagnético é a distribuição das ondas eletromagnéticas, visíveis e não visíveis, de acordo com a frequência e o comprimento de onda característico de cada radiação. As ondas eletromagnéticas são aquelas que se propagam independentemente da presença de um meio material e possuem velocidade máxima, referente à propagação no vácuo, de 300.000 km/s.

O olho humano só é capaz de discernir uma pequena parcela de todas as radiações eletromagnéticas existentes. O intervalo que pode ser percebido pelo sistema visual humano é denominado de espectro eletromagnético visível. O espectro visível inicia-se na frequência que corresponde à luz vermelha e termina na frequência da luz violeta. A sequência das cores no espectro visível é: vermelho, alaranjado, amarelo, verde, azul, anil e violeta.

Qualquer radiação que possui frequência menor que a da luz vermelha é denominada de infravermelho. Quando as frequências são superiores à da luz violeta, as radiações são classificadas como ultravioletas.

Radiações eletromagnéticas

→ Ondas de rádio

As ondas de rádio possuem frequência mínima de 3.000 GHz e são largamente utilizadas para a transmissão de dados e localização por meio de radares. O brasileiro Roberto Landell de Moura foi a primeira pessoa a conseguir transmitir dados por meio de ondas eletromagnéticas, abrindo espaço para a criação do rádio e do telefone.

→ Micro-ondas

São radiações que apresentam frequência entre a onda infravermelha e as ondas de rádio. As micro-ondas são utilizadas para aquecimento de alimentos em fornos micro-ondas, radares, transmissões televisivas etc.

As moléculas de água presentes nos alimentos entram em ressonância com as micro-ondas liberadas pelo magnétron do forno micro-ondas. O aumento das movimentações das moléculas de água gera o aquecimento dos alimentos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

→ Infravermelho

A radiação infravermelha é utilizada nos controles remotos de diversos aparelhos, na observação de satélites e no aquecimento de materiais para a indústria automotiva e têxtil.

Qualquer objeto que troque calor com o ambiente apresenta liberação de onda infravermelha. A imagem acima foi obtida por meio de uma câmera sensível à radiação infravermelha, que destaca em vermelho as regiões do corpo em que a temperatura está mais alta.

→ Ultravioleta

A radiação ultravioleta está compreendida entre a luz visível e os raios x. As radiações ultravioleta emitidas pelo Sol estimulam a criação de melanina, por isso, ao se expor ao Sol por determinado tempo, é possível aproveitar a incidência de radiação para gerar o efeito de pele bronzeada.

→ Raios X

Os raios X são ondas eletromagnéticas de alta frequência que apresentam capacidade de penetração em sistemas de baixa densidade. Eles são utilizados para o diagnóstico feito por imagens.

Os raios X conseguem atravessar os tecidos humanos, mas são barrados pela maior densidade dos ossos. Isso proporciona a criação de imagens para diagnósticos de fraturas, por exemplo.

→ Raios gama

Os raios gama são ondas eletromagnéticas de altíssima frequência produzidas por transições nucleares. Em virtude do seu alto poder de penetração, são utilizados nas radioterapias para cauterização de células tumorais.


Por Joab Silas
Graduado em Física

O raio X é um dos tipos de radiações presentes no espectro eletromagnético
O raio X é um dos tipos de radiações presentes no espectro eletromagnético

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

JúNIOR, Joab Silas Da Silva. "O que é espectro eletromagnético?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/fisica/o-que-e-espectro-eletromagnetico.htm. Acesso em 18 de setembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola