Topo
pesquisar

Herança genética da cor da pele

Biologia

PUBLICIDADE

A cor da pele humana resulta de uma relação estabelecida entre vários genes. Trata-se de uma herança complexa que determina uma série de fenótipos (expressão do genótipo mais a interação do ambiente), que vão desde uma pele muito clara até uma pele muito escura, com vários fenótipos intermediários. Além dos fatores genéticos, não podemos esquecer que fatores ambientais também determinam a coloração da pele.

Leia também: A pele e suas características

→ Como a cor da pele é determinada geneticamente?

A herança genética da cor da pele é estabelecida por uma grande quantidade de genes, sendo considerada uma herança poligênica, isto é, em que se observa o efeito aditivo de dois ou mais genes sobre uma determinada característica única. A cor da pele, dessa forma, é considerada um caráter quantitativo,  pois é uma característica controlada por muitos genes e cada um apresenta uma contribuição cumulativa para a formação do fenótipo final.

A cor da pele é determinada por uma série de genes.
A cor da pele é determinada por uma série de genes.

Para compreender melhor a herança poligênica da cor da pele, consideraremos três genes: A, B e C. Esses genes contribuem de forma a deixar a pele mais escura e possuem dominância incompleta sobre a, b e c. Dessa forma, uma pessoa com pele muito escura teria genótipo AABBCC, enquanto uma pessoa de pele muito clara teria aabbcc. Uma cor intermediária da pele seria observada em indivíduos AaBbCc.

A cor da pele, como já dito, apresenta alelos com efeito aditivo, sendo assim genótipos como AABbcc e AaBBcc teriam a mesma contribuição para a cor da pele, uma vez que apresentam três unidades que deixam a pele mais escura.

Leia também: Conceitos básicos em Genética

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

→ Cruzamento envolvendo herança genética da cor da pele

Veja a seguir um cruzamento simplificado entre indivíduos heterozigotos (AaBbCc). Nesse cruzamento, foram considerados três genes que afetam a cor da pele. Cada indivíduo heterozigoto apresenta três alelos que se relacionam com a pele escura (A, B e C) e três alelos para a pele clara (a, b e c). A primeira linha e a primeira coluna apresentam os gametas de cada um desses indivíduos.

 

ABC

AbC

aBC

ABc

Abc

abC

aBc

abc

ABC

AABBCC

AABbCC

AaBBCC

AABBCc

AABbCc

AaBbCC

AaBBCc

AaBbCc

AbC

AABbCC

AAbbCC

AaBbCC

AABbCc

AAbbCc

AabbCC

AaBbCc

AabbCc

aBC

AaBBCC

AaBbCC

aaBBCC

AaBBCc

AaBbCc

aaBbCC

aaBBCc

aaBbCc

ABc

AABBCc

AABbCc

AaBBCc

AABBcc

AABbcc

AaBbCc

AaBBcc

AaBbcc

Abc

AABbCc

AAbbCc

AaBbCc

AABbcc

AAbbcc

AabbCc

AaBbcc

Aabbcc

abC

AaBbCC

AabbCC

aaBbCC

AaBbCc

AabbCc

aabbCC

aaBbCc

aabbCc

aBc

AaBBCc

AaBbCc

aaBBCc

AaBBcc

AaBbcc

aaBbCc

aaBBcc

aaBbcc

abc

AaBbCc

AabbCc

aaBbCc

AaBbcc

Aabbcc

aabbCc

aaBbcc

aabbcc


Nesse quadro podemos perceber a presença de sete diferentes fenótipos, na seguinte proporção: 1:6:15:20:15:6:1. Os indivíduos com genótipo AABBCC apresentam a pele mais escura, enquanto os indivíduos aabbcc apresentam pele mais clara. Quanto mais alelos referentes à cor escura uma pessoa apresenta (A, B ou C), mais escura é a pele.

Caso tenha dúvidas a respeito do cruzamento apresentado, acesse o texto Quadro de Punnett e tire suas dúvidas sobre o tema!

→ Exercício envolvendo herança genética da cor da pele

(IFBA) O processo de formação do povo brasileiro é histórico, cultural e biológico. A determinação da cor da pele representa um caso de herança poligênica e sua expressão sofre interferência das condições do ambiente.

Sobre o mecanismo de herança poligênica, é correto afirmar:

a) A expressão da característica para pigmentação da pele representa um caso de epistasia, em que um gene neutraliza a ação daquele que não é o seu alelo.

b) As variações da pigmentação da pele podem ser explicadas pela quantidade de genes que apresentam efeitos cumulativos.

c) Alterações ambientais provocam modificações nos genes responsáveis pela expressão da característica, sendo responsáveis pelas variações de pigmento no conjunto populacional.

d) Todas as variações da pigmentação da pele podem ser explicadas por um par de alelos que podem se expressar em homozigose ou heterozigose.

e) Por se tratar de uma expressão de dominância e recessividade, na herança poligênica, os genótipos homozigotos recessivos comportam-se como genes letais, portanto, não se expressam no conjunto da população.


Resolução:

Letra b. A cor da pele é uma herança genética complexa. Trata-se de uma herança poligênica, logo, diversos genes estão envolvidos e contribuem para o fenótipo final.


Por Vanessa Sardinha
Professora de Biologia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Herança genética da cor da pele"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/a-cor-pele-na-especie-humana.htm. Acesso em 24 de fevereiro de 2020.

Assista às nossas videoaulas
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola