Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Teste de gravidez

O teste de gravidez pode ser feito em laboratórios ou então pela própria mulher por meio de testes comprados em farmácias.

Mulher com semblante alegre olha para teste de gravidez de farmácia.
O teste de farmácia é um tipo de teste de gravidez disponível e caracteriza-se por ser rápido e também bastante prático.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

O teste de gravidez é utilizado para saber se uma pessoa está ou não grávida. Atualmente, dois tipos estão disponíveis: o teste de farmácia e o teste realizado em laboratório. Enquanto o teste de farmácia é uma opção mais rápida e prática, por poder ser feito pela própria paciente, o realizado em laboratório destaca-se por sua maior precisão.

Vale destacar que, independentemente do teste realizado, a descoberta precoce de uma gravidez pode ser importante para a saúde do bebê. Isso se deve ao fato de que os primeiros meses da gestação são extremamente delicados e merecem bastante atenção. Para evitar falsos negativos, recomenda-se que o teste de gravidez seja feito apenas após o atraso menstrual.

Leia também: Sinais de gravidez mais comuns no início da gestação

Tópicos deste artigo

Resumo sobre teste de gravidez

  • O teste de gravidez tem como finalidade descobrir se uma mulher está ou não grávida.

  • Existem dois tipos de teste de gravidez: o de farmácia e o realizado em laboratório.

  • Os testes de gravidez tentam identificar o hormônio hCG.

  • O hCG apresenta como função a manutenção do corpo lúteo, o qual produz progesterona, que atua na manutenção do endométrio.

  • Recomenda-se que os testes de gravidez sejam feitos, preferencialmente, após o atraso menstrual.

  • Não se recomenda os chamados testes caseiros para determinar se uma mulher está ou não grávida.

Tipos de testes de gravidez

Atualmente, estão disponíveis dois tipos principais de teste de gravidez: o teste de farmácia e o de laboratório. O primeiro tipo utiliza a urina e pode ser feito rapidamente pela própria paciente. Já o outro teste, como o nome sugere, é realizado apenas em laboratório.

  • Teste de farmácia: é capaz de detectar o hormônio gonadotrofina coriônica humana (hCG) na urina. O teste utiliza anticorpos anti-hCG, que reagem com o hCG da urina, se a mulher estiver grávida, e formam a faixa que indica o resultado.

    O exame de farmácia é bastante rápido, e em aproximadamente 5 minutos é possível descobrir se a mulher está ou não grávida. Vale destacar que ele pode apresentar resultado falso negativo nos primeiros dias de gestação, quando as taxas hormonais podem ainda estar muito baixas.

    Para comprar esse teste, não é necessária a prescrição médica, e os valores variam entre R$10 e R$50.

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Exame de sangue: busca identificar a presença de β-hCG no sangue, e está disponível em duas formas: o qualitativo e o quantitativo. O qualitativo indica apenas se existe ou não a presença do hormônio no sangue, enquanto o quantitativo identifica a quantidade desse hormônio. Este último é essencial para saber a idade gestacional da mulher.

    É importante salientar que esse método é o mais confiável na detecção de uma gravidez e pode ser feito mesmo sem o pedido de um médico. Normalmente, não há nenhuma recomendação para a realização do exame, entretanto, essa informação deve ser averiguada no laboratório antes da coleta.

Leia também: Gravidez ectópica — quando o bebê se instala fora do útero

O que é o hormônio hCG identificado nos testes de gravidez?

Quando falamos em gravidez, sempre ouvimos a respeito do hormônio hCG (gonadotrofina coriônica humana). Composto por duas subunidades, α e β, o hCG tem como objetivo garantir que o corpo lúteo seja mantido.

O corpo lúteo é uma estrutura formada após a ovulação e que apresenta a função de secreção hormonal, principalmente de progesterona, que atua promovendo a manutenção das condições do endométrio (camada que reveste o útero internamente), essencial para o processo de gestação.

Quando a mulher não está grávida, o corpo lúteo se desfaz e consequentemente a manutenção do endométrio não ocorre. O endométrio então se descama e ocorre a menstruação. Quando a mulher está grávida, inicia-se a produção do hormônio hCG, o qual vai garantir a manutenção do corpo lúteo até que o hormônio produzido por ele passe a ser produzido pela placenta. Nesse caso, o corpo lúteo se mantém até cerca de 12 semanas de gestação. Para saber mais sobre o hCG, clique aqui.

Mulher grávida mostra ultrassom do bebê que está gestando.
Realizar o teste de gravidez é essencial para que se inicie rapidamente o pré-natal e se tenha uma gestação mais tranquila.

Quais os valores de β-hCG são indicativos de uma gravidez?

Uma mulher que não está grávida apresenta, geralmente, valores de β-hCG inferiores a 5 mUI/mL. O resultado é considerado indeterminado quando os valores estão entre 5 e 50 mUI/mL, e positivo quando estão acima de 50 mUI/mL.

Os valores de β-hCG podem ser mais baixos em pacientes que apresentam gravidez ectópica e de risco. Entretanto, eles aumentam em algumas neoplasias, como na mola hidatiforme e no coriocarcinoma.

Quando fazer um teste de gravidez?

A suspeita de uma gravidez pode gerar muita ansiedade em uma mulher, fazendo com que ela busque rapidamente a realização de testes. Entretanto, a realização de testes em um momento inadequado pode gerar, por exemplo, falsos negativos. A recomendação é que o teste seja feito, preferencialmente, após o atraso menstrual.

Testes de gravidez caseiros

Muitas mulheres, ao desconfiarem de uma gravidez, optam por testes caseiros a fim de obter uma resposta rápida e até mesmo mais barata. Alguns dos testes encontrados na internet são: teste de fervura da urina, teste do sal, teste da pasta de dente, teste do cotonete, e teste da água sanitária. Apesar de populares nas redes, nenhum desses testes apresenta comprovação científica, não sendo, portanto, confiáveis.

Além de serem testes sem nenhuma comprovação, muitas mulheres, ao realizarem-nos, acabam acreditando no resultado obtido, o que pode gerar, entre outros sentimentos, frustração, insegurança, medo, preocupação e incerteza. Além disso, muitas não buscam a realização de outros testes, o que pode ser prejudicial em caso de uma verdadeira gestação, uma vez que a mulher pode negligenciar o pré-natal. Desse modo é fundamental investir em testes com eficácia comprovada e nunca acreditar em receitas caseiras para essa finalidade.

Teste de gravidez e sua importância

A realização de testes de gravidez é muito importante para a descoberta precoce da gestação, uma vez que permite dar início imediatamente aos cuidados pré-natais. Como sabemos, o início da gestação é um momento crítico no desenvolvimento de um bebê, sendo quando os seus órgãos estão sendo formados. Saber que está grávida pode evitar comportamentos prejudiciais, como o tabagismo e consumo de álcool, durante essa fase.

Fontes

JUNQUEIRA, LC; CARNEIRO, J. Histologia básica. 12. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan.

 

Por Vanessa Sardinha dos Santos
Professora de Biologia

Escritor do artigo
Escrito por: Vanessa Sardinha dos Santos Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Goiás (2008) e mestrado em Biodiversidade Vegetal pela Universidade Federal de Goiás (2013). Atua como professora de Ciências e Biologia da Educação Básica desde 2008.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Teste de gravidez"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/teste-gravidez.htm. Acesso em 28 de fevereiro de 2024.

De estudante para estudante