Topo
pesquisar

Purificação de metais através da Eletrólise

Química

PUBLICIDADE

Alguns metais não são encontrados livres na natureza, sendo preciso obtê-los através de procedimentos em laboratório. Um dos métodos eficazes e econômicos de se purificar metais é através da Eletrólise. A eletrólise ocorre em células eletrolíticas, com dois eletrodos ligados aos terminais de um gerador de corrente contínua.

Sabe-se que em uma célula eletrolítica existe um cátodo e um ânodo, veja a definição para cada um:

Cátodo: É o eletrodo negativo que atrai cátions, e é nele que ocorre a redução do cátion.

Ânodo: O eletrodo positivo que atrai ânions e, por isso, é aqui que se dá a oxidação do ânion.


Demonstração de ânodo e cátodo.

Purificação do Cobre

O Cobre da forma como é encontrado na natureza possui impurezas, como prata, ferro, ouro, zinco. Através da eletrólise é possível isolar este metal obtendo-o na forma pura, acompanhe o processo:

- O cobre impuro funciona como ânodo e uma solução aquosa de sulfato de cobre funciona como eletrólito, esta fica dentro da célula eletrolítica. O cátodo da célula é o próprio Cobre em alto grau de pureza.

- O Cobre é transferido do ânodo para o cátodo enquanto que as impurezas ficam em solução. O Cobre no estado puro se acumula no cátodo e desta forma pode ser utilizado.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!

Reações da Eletrólise

Produtos da Eletrólise

Eletrólise - Físico-Química - Química - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves de. "Purificação de metais através da Eletrólise"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/purificacao-metais-atraves-eletrolise.htm. Acesso em 19 de setembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola