Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Pronomes indefinidos

Os pronomes indefinidos são usados para indicar de modo vago uma ideia, referindo-se à 3ª pessoa do discurso. Há aqueles que são variáveis e, também, os que são invariáveis.

Vários bonecos de madeira sem rosto fazendo alusão à imprecisão dos pronomes indefinidos.
Os pronomes indefinidos são usados para se referir de maneira vaga e imprecisa à terceira pessoa.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Pronomes indefinidos são usados para se referir de maneira imprecisa à 3ª pessoa no enunciado. Alguns são invariáveis, enquanto outros podem variar em gênero e/ou em número. Os pronomes indefinidos podem exercer função de adjetivo ou de substantivo no enunciado. Também existem locuções pronominais com valor de pronome indefinido.

Leia também: Locução adjetiva — duas ou mais palavras assumindo juntas o valor de um adjetivo

Tópicos deste artigo

Resumo sobre pronomes indefinidos

  • Pronomes indefinidos são usados para se referir de maneira vaga a algo ou para representar a ideia de imprecisão no enunciado.

  • Os pronomes indefinidos podem ser invariáveis ou variáveis.

  • Pronomes indefinidos variáveis podem flexionar em gênero (masculino ou feminino) e em número (singular ou plural).

  • Há pronomes indefinidos adjetivos e pronomes indefinidos substantivos, a depender da função que exercem no enunciado.

  • Há locuções pronominais com valor de pronome indeterminado.

Videoaula sobre pronomes indefinidos

O que são pronomes indefinidos?

Os pronomes indefinidos são aqueles que se referem à 3ª pessoa de modo vago e pouco preciso. São usados em situações em que não há exatidão sobre a 3ª pessoa no discurso.

Veja o exemplo:

Algumas pessoas estiveram aqui pela manhã.”

Nesse caso, o pronome indefinido “algumas” torna indeterminada a quantidade de pessoas no enunciado.

“Ele não deixou nenhuma mensagem.”

Nesse outro exemplo, o pronome indefinido “nenhuma” indica, de modo vago, a ausência de qualquer tipo de mensagem.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quais são os pronomes indefinidos?

Conheça, a seguir, alguns exemplos de pronomes indefinidos.

 

Pronomes indefinidos

variáveis

invariáveis

algum

algo

nenhum

nada

qualquer

tudo

certo

cada

outro

ninguém

muito

 

pouco

 

vários

 

bastante

 

todos

 

Veja também: Pronomes pessoais — classe de palavras que representa as três pessoas do discurso

Flexão dos pronomes indefinidos

dois tipos de pronomes indefinidos: os variáveis, que mudam de forma de acordo com o termo que acompanham, e os invariáveis, que permanecem com a mesma forma independentemente do termo que acompanham.

Pronomes indefinidos variáveis

Os pronomes indefinidos variáveis podem flexionar em gênero (masculino ou feminino) e/ou em número (singular ou plural). Alguns desses pronomes flexionam apenas em gênero, outros flexionam apenas em número e outros, ainda, flexionam tanto em gênero quanto em número.

Veja nos exemplos a seguir.

  • Exemplos de flexão apenas em gênero:

“Não vi nenhum cachorro por aqui.”

“Não vi nenhuma galinha por aqui.”

Vários amigos vieram me ver no hospital.”

Várias amigas vieram me ver no hospital.”

  • Exemplos de flexão apenas em número:

Qualquer homem pode fazer isso.”

Qualquer mulher pode fazer isso.”

Quaisquer pessoas podem fazer isso.”

  • Exemplos de flexão em gênero e em número:

Algum atleta pode me ensinar esse exercício?”

Alguma atleta pode me ensinar esse exercício?”

Alguns atletas vieram ao treino, apesar do temporal.”

Algumas atletas vieram ao treino, apesar do temporal.”

Pronomes indefinidos invariáveis

Os pronomes indefinidos invariáveis são aqueles que têm apenas uma forma, independentemente do gênero e do número do termo que acompanham. Observe:

Tudo pode acontecer neste lugar onde nada é o que parece...”

“Eu não vi ninguém ontem.”

Cada coisa em seu lugar e cada lugar com suas coisas.”

Saiba mais: Pronomes interrogativos — quais são e como usá-los?

Tipos de pronomes indefinidos

Os pronomes indefinidos podem ter valor de adjetivo ou de substantivo, a depender do contexto.

Pronomes indefinidos adjetivos

Os pronomes indefinidos adjetivos acompanham outro termo, atribuindo-lhe uma característica; portanto, são pronomes com função de adjetivo. Veja:

Certas pessoas têm mais sorte do que outras.”

“É preciso ter cuidado com qualquer animal selvagem.”

“Nós precisamos de poucas coisas para fazer esta receita.”

Note como os pronomes indefinidos adjetivos acompanham outras palavras, especificando o seu sentido: “Certas” acompanha “pessoas”, “qualquer” acompanha “animal” e “poucas” acompanha “coisas”.

Pronomes indefinidos substantivos

Os pronomes indefinidos substantivos são aqueles com função de nome no enunciado. Esses pronomes não acompanham outro termo; em vez disso, representam um conceito por si só, tendo valor de substantivo.

Observe os exemplos:

Poucos sabem como lidar com essa situação.

Alguém telefonou para você ontem à noite.

Eu vi algo estranho naquela rua escura.

Locuções pronominais

As locuções pronominais ocorrem quando duas ou mais palavras juntas têm valor de pronome.

Veja algumas locuções pronominais com valor de pronome indefinido:

Cada um tem seu valor em nosso trabalho.

Vamos acolher quem quer que seja.

Temos produtos para qualquer um.

Exercícios resolvidos sobre pronomes indefinidos

Questão 1

(Vunesp)

Texto para a questão

Debaixo da ponte

Moravam debaixo da ponte. Oficialmente, não é lugar onde se more, porém eles moravam. Ninguém lhes cobrava aluguel, imposto predial, taxa de condomínio: a ponte é de todos, na parte de cima; de ninguém, na parte de baixo. Não pagavam conta de luz e gás porque luz e gás não consumiam. Não reclamavam da falta d’água, raramente observada por baixo de pontes. Problema de lixo não tinham; podia ser atirado em qualquer parte, embora não conviesse atirá-lo em parte alguma, se dele vinham muitas vezes o vestuário, o alimento, objetos de casa. Viviam debaixo da ponte, podiam dar esse endereço a amigos, receber amigos, fazer os amigos desfrutarem comodidades internas da ponte.

À tarde surgiu precisamente um amigo que morava nem ele mesmo sabia onde, mas certamente morava: nem só a ponte é lugar de moradia para quem não dispõe de outro rancho. Há bancos confortáveis nos jardins, muito disputados; a calçada, um pouco menos propícia; a cavidade na pedra, o mato. Até o ar é uma casa, se soubermos habitá-lo, principalmente o ar da rua. O que morava não se sabe onde vinha visitar os de debaixo da ponte e trazer-lhes uma grande posta de carne.

(Carlos Drummond de Andrade. A bolsa e a vida. Adaptado)

Na passagem — Problema de lixo não tinham; podia ser atirado em qualquer parte, embora não conviesse atirá-lo em parte alguma... — os pronomes destacados expressam, correta e respectivamente, as ideias de

A) parte indiscriminada; parte definida.

B) parte toda; parte certa.

C) parte indeterminada; parte nenhuma.

D) parte inadequada; parte adequada.

E) parte incerta; parte certa.

Resposta:

Alternativa C. Pelo contexto, a expressão “qualquer parte” pode ser substituída por “parte indeterminada”, enquanto “parte alguma” pode ser substituída por “parte nenhuma”.

Questão 2

(Cetrede)

Marque a opção que contém apenas pronomes indefinidos.

A) que / qual / muito / um.

B) este / aquele / o / isso.

C) algum / outrem / alguém / cada.

D) que / qual / quanto / quem.

E) minha / nossas / seu / vosso.

Resposta:

Todas as palavras da alternativa C podem ser classificadas como pronomes indefinidos.

Por Guilherme Viana
Professor de Gramática

Escritor do artigo
Escrito por: Guilherme Viana Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

VIANA, Guilherme. "Pronomes indefinidos"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/pronomes-indefinidos-interrogativos.htm. Acesso em 15 de abril de 2024.

De estudante para estudante


Videoaulas