Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Símbolos nacionais

Símbolos nacionais são os quatro símbolos estipulados pela nossa Constituição e que representam o nosso país internamente e no exterior.

Bandeira do Brasil, um dos símbolos nacionais.
A Bandeira Nacional, criada em novembro de 1889, é um dos quatro símbolos nacionais do Brasil.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Os símbolos nacionais são os quatro símbolos estipulados, pela lei, como representativos e simbolizadores da nossa nação. Esses símbolos são a Bandeira Nacional, o Hino Nacional, as Armas Nacionais e o Selo Nacional. Os três símbolos gráficos foram estabelecidos com a proclamação da república, e o Hino Nacional foi oficializado em 1922.

Acesse também: Quantos golpes de Estado houve no Brasil desde a independência?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre os símbolos nacionais

  • Os símbolos nacionais são os quatro símbolos, estabelecidos pela lei brasileira, que representam a identidade e cultura do Brasil.

  • São eles: Bandeira Nacional, Hino Nacional, Armas Nacionais e Selo Nacional.

  • A Bandeira, o Hino e as Armas foram estabelecidos, em novembro de 1889, com a proclamação da república.

  • O Hino Nacional teve sua melodia criada em 1831, e sua letra foi criada em 1909 e oficializada em 1922.

O que são os símbolos nacionais?

Os símbolos nacionais representam o nosso país e têm função de formatar a identidade dele. Esses símbolos são uma forma de representar os valores que formaram nossa sociedade e garantem o senso de patriotismo na população. Eles simbolizam a soberania da nação brasileira e reproduzem parte de nossa história e cultura.

Os símbolos nacionais são usados em ocasiões formais, como eventos diplomáticos. A legislação brasileira definiu, por meio da lei nº 5700, de 1º de setembro de 1971, que nosso país possui quatro desses símbolos, que são:

Essa definição foi ratificada na Constituição de 1988. Atualmente existe uma data comemorativa para celebrar os símbolos nacionais. O Dia dos Símbolos Nacionais é celebrado anualmente no dia 18 de setembro. Vejamos alguns detalhes de cada um dos quatro símbolos que representam o Brasil.

  • Videoaula sobre o que é identidade cultural

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Bandeira Nacional

A Bandeira Nacional é um símbolo nacional estabelecido logo após a proclamação da república, em 15 de novembro de 1889. Com o novo sistema político, o Brasil deixou de utilizar a bandeira do período monárquico e deu início aos trabalhos de elaboração de uma nova bandeira.

O decreto pela criação de uma nova bandeira foi assinado pelo presidente provisório, o marechal Deodoro da Fonseca. A nova bandeira brasileira foi apresentada à nação no dia 19 de novembro de 1889 e foi produzida por Raimundo Teixeira Mendes, Miguel Lemos, Manuel Pereira Reis e Décio Vilares.

A nova bandeira se aproveitou de algumas características da sua versão monárquica, como as cores, mas introduziu algumas mudanças significativas. Dessa forma, o verde e o amarelo foram mantidos, assim como o losango (que teve seu tamanho redimensionado). Por fim, uma esfera azul foi introduzida com uma faixa branca.

A esfera azul possui estrelas brancas que representam os 26 estados do Brasil e o Distrito Federal. Na faixa branca foi inserida a frase “Ordem e Progresso”, inspirada em uma frase do filósofo positivista Auguste Comte. As estrelas presentes na bandeira foram posicionadas de acordo com a posição da constelação Cruzeiro do Sul às 8:30 do dia 15 de novembro de 1889.

Acesse também: História das eleições no Brasil

Hino Nacional

O Hino Nacional, por sua vez, é o único símbolo nacional que não é gráfico, mas sim musical. A lei nº 5700 estabelece os critérios de execução para o Hino. Segundo essa lei:

“Art. 24. A execução do Hino Nacional obedecerá às seguintes prescrições:

I - Será sempre executado em andamento metronômico de uma semínima igual a 120 (cento e vinte);

II - É obrigatória a tonalidade de si bemol para a execução instrumental simples;

III - Far-se-á o canto sempre em uníssono […].”|1|

A composição do Hino Nacional brasileiro se deu em duas etapas, separadas por quase um século. Isso porque a melodia que faz parte dele foi composta, por Francisco Manuel da Silva, em 1831. Ele a compôs em referência à abdicação de d. Pedro I do trono, e sua canção acabou se tornado o Hino do Brasil durante o Segundo Reinado.

Ao longo do período monárquico, essa canção foi acompanhada por duas letras, mas a mudança para o regime republicano fez com que ficasse apenas a melodia composta por Francisco Manuel da Silva. Em 1909, um poeta chamado Joaquim Osório Duque-Estrada compôs uma letra para o Hino Nacional, que só foi oficializada, em 1922, com o centenário de nossa independência.

O Hino Nacional é tocado em solenidades, como formaturas, e eventos oficiais do governo brasileiro. Sua reprodução é entendida como uma ação patriótica que reforça o senso de pertencimento e identificação da população com a nação.

Ouça nosso podcast: Cultura brasileira

Armas Nacionais

Armas Nacionais, símbolo nacional.
As Armas Nacionais são um símbolo de uso obrigatório pelas Forças Armadas.

As Armas Nacionais, também conhecidas como Brasão Nacional, são outro símbolo nacional e foram estabelecidas, assim como a Bandeira Nacional, em 1889, com a mudança para o sistema republicano. Esse símbolo foi criado por Artur Sauer e Luís Grüder e foi estabelecido por meio do decreto nº 4, de 19 de novembro de 1889.

Esse símbolo é utilizado pelas Forças Armadas, e é obrigatório nos edifícios do Executivo, Legislativo e Judiciário e em prédios públicos de todo o país. Nele há uma esfera azul com cinco estrelas prateadas, sendo rodeado pela constelação do Cruzeiro do Sul. Além disso, o símbolo contém uma espada, um ramo de café, um ramo de fumo e os dizeres “República Federativa do Brasil” e “15 de novembro de 1889”.

Acesse também: Cinco curiosidades sobre a independência do Brasil

Selo Nacional

O Selo Nacional é outro símbolo criado por intervenção do marechal Deodoro da Fonseca, em novembro de 1889. Ele é claramente inspirado na esfera azul que compõe a Bandeira Nacional e é utilizado para estampar documentos de governo e documentos oficiais, como diplomas.

É formado pela esfera azul com as estrelas que representam os estados e o Distrito Federal, além da frase “Ordem e Progresso”. Também, possui os dizeres “República Federativa do Brasil”.

Nota

|1| Lei nº 5700, de 1º de setembro de 1971. Para acessar, clique aqui.

Escritor do artigo
Escrito por: Daniel Neves Silva Formado em História pela Universidade Estadual de Goiás (UEG) e especialista em História e Narrativas Audiovisuais pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Atua como professor de História desde 2010.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Daniel Neves. "Símbolos nacionais"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/simbolos-nacionais.htm. Acesso em 20 de abril de 2024.

De estudante para estudante


Artigos Relacionados


13 de abril – Dia do Hino Nacional Brasileiro

Conheça o motivo de o Dia do Hino Nacional do Brasil ser celebrado em 13 de abril e a relação desse acontecimento com a abdicação de D. Pedro I.
Datas Comemorativas - 2024

19 de novembro – Dia da Bandeira

Clique no link e acesse este texto que trata a respeito do Dia da Bandeira, comemorado anualmente em 19 de novembro. Entenda como o contexto da Proclamação da República levou à adoção da nova bandeira nacional e veja algumas outras informações a respeito desse importante símbolo do nosso país.
Datas Comemorativas - 2024

A cultura Indígena

Conheça a cultura dos primeiros habitantes do território brasileiro.
Cultura

Cultura africana

Clique aqui para conhecer a vasta cultura africana, que tanto inspirou a formação da identidade cultural brasileira. Conheça seus principais aspectos!
Cultura

Hino Nacional Brasileiro

Clique no link para saber mais sobre o Hino Nacional Brasileiro. Entenda quem foram os seus criadores e como foi criado. Confira curiosidades sobre o nosso hino!
História do Brasil

Independência do Brasil

Clique e acesse este texto para saber um pouco mais sobre o processo de independência do Brasil. Entenda as causas, como ocorreu o processo e as consequências.
História do Brasil

Proclamação da República

Saiba mais sobre a Proclamação da República do Brasil. Entenda o processo de crise da monarquia. Veja quais foram os desdobramentos desse acontecimento.
História do Brasil