Solubilidade das bases

Química

A solubilidade das bases é um fator importante para sua utilização, bem como definir se elas serão ou não bons eletrólitos.
PUBLICIDADE

As bases são substâncias que quando adicionadas em água apresentam a característica de liberar como único ânion o hidróxido, OH-1. Quando em água, as bases sofrem o fenômeno da dissociação, que é a liberação de íons em meio aquoso. A quantidade de ânions que uma determinada base irá liberar está relacionada com a capacidade que essa base tem de dissolver em água.

Assim, é muito importante conhecer a solubilidade que a base apresenta em água para prever se ela poderá ou não liberar muitos íons em água, ou seja, se ela poderá ou não ser um bom eletrólito (substância capaz de ionizar ou dissociar). O conhecimento sobre a solubilidade das bases determina muitas vezes a forma como ela será empregada ou utilizada. Por exemplo:

  • O hidróxido de sódio (NaOH) não pode ser utilizado como antiácido por ser uma base extremamente solúvel, o que determina tratar-se de uma base muito forte.

  • O hidróxido de alumínio [Al(OH)3] pode ser utilizado como antiácido por ser uma base praticamente insolúvel, o que a caracteriza como uma base fraca.

Observação: Quanto mais forte for a base, maior o seu poder de corrosão. Por isso não utilizamos uma base forte como antiácido, para não provocar lesões no trato digestivo do indivíduo.

Base sendo dissolvida em água

Base sendo dissolvida em água

Para determinar a solubilidade de uma base basta avaliarmos sua fórmula química e confrontá-la com a tabela periódica. O elemento químico que acompanha a hidroxila (OH) é quem vai determinar o tipo de base que temos quanto à solubilidade. As classificações das bases quanto à solubilidade são:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

a) Bases solúveis

São as bases formadas por elementos químicos metais alcalinos (presentes na família IA), porém existe uma exceção quanto a essa regra, que é o hidróxido de amônio (NH4OH). Exemplos de bases solúveis:

  • LiOH (Hidróxido de lítio)

  • NaOH (Hidróxido de sódio)

  • KOH (Hidróxido de potássio)

b) Bases pouco solúveis

São as bases formadas por elementos químicos metais alcalinos terrosos (presentes na família IIA). Exemplos de bases pouco solúveis:

  • Sr(OH)2 (Hidróxido de estrôncio)- utilizado no refinamento de açúcar de beterraba.

  • Ca(OH)2 (Hidróxido de cálcio)- utilizado em construções.

Observação: As bases formadas pelo magnésio [MgOH)2] e pelo berílio [Be(OH)2], que são metais alcalinos, apresentam uma solubilidade tão pequena que são consideradas praticamente insolúveis.

c) Bases praticamente insolúveis

São as bases que não apresentam na sua composição elementos metais alcalinos ou metais alcalinos terrosos. Exemplos de bases praticamente insolúveis.

  • Ni(OH)2 (Hidróxido de níque lI) – presente em baterias

  • Fe(OH)3 (Hidróxido de ferro III)- utilizado como pigmento marrom

  • Cu(OH)2 (Hidróxido de cobre II)- utilizado como fungicida

Observação: Complete seu estudo sobre a solubilidade das bases aprendendo a determinar sua força no texto Força ou grau de dissociação das bases.


Por Me. Diogo Lopes Dias

Fórmulas de algumas bases importantes
Fórmulas de algumas bases importantes

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DIAS, Diogo Lopes. "Solubilidade das bases"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/solubilidade-das-bases.htm. Acesso em 24 de novembro de 2020.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

(UFPB) Entre as bases abaixo, a menos solúvel em água é:

a) Mg(OH)2

b) NaOH

c) NH4OH

d) Ca(OH)2

e) KOH

Questão 2

(UFPA) Entre as bases a seguir, indique quais são praticamente insolúveis em água:

I. KOH

II. Mg(OH)2

III. NaOH

IV. Al(OH)3

V. Fe(OH)2

VI. LiOH

a) V e VI

b) IV e VI

c) II, III e IV

d) II, IV e V

e) I, III e VI

Mais Questões