Celulose

Química

A celulose é um polímero natural formado pela união de moléculas de β-glicose e é o principal constituinte da parede celular dos vegetais.
PUBLICIDADE

 As plantas realizam reações de fotossíntese, em que a água, o gás carbônico e a energia do sol retida pela clorofila produzem oxigênio e glicose, que é um carboidrato classificado como monossacarídeo:

6 CO2(g) + 6 H2O(ℓ) + luz solar 1 C6H12O6(aq) + 6 O2(g)

As moléculas de glicose combinam-se formando polissacarídeos, que são polímeros de condensação naturais. Quando essa união ocorre por unidades de β-glicose, há a formação da celulose:

A celulose é formada pela condensação de um grande número de moléculas de glicose

Cada molécula de celulose é formada por 10 000 ou mais unidades de β-glicose

A celulose é um polímero natural

A celulose constitui a parede celular de todas as plantas, sendo um reforço externo das células vegetais. A ligação β faz com que esse polissacarídeo tenha uma estrutura bem rígida. Diferentemente do amido e do glicogênio que são polissacarídeos formados pela união de moléculas de α-glicose.

Por essa razão, os seres humanos não conseguem digerir a celulose ingerida. Alguns animais, como os ruminantes, o que inclui o veado e o boi, conseguem digerir a celulose porque possuem bactérias em seus tratos digestivos que produzem enzimas capazes de metabolizar esse polímero. O cupim também é capaz disso porque ele possui protozoários que produzem as enzimas que realizam esse trabalho.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

No entanto, mesmo não conseguindo metabolizar a celulose, a ingestão dessas fibras, por meio de saladas de folhas verdes, por exemplo, é importante para a dieta diária do ser humano, porque a celulose serve de meio de desenvolvimento de bactérias benéficas e também ajuda no bom funcionamento do intestino e excreção das fezes, estimulando a produção de saliva e suco gástrico.

A planta que mais possui celulose é o algodoeiro (Gossypium sp.), com 98% em massa, sendo usado pela indústria na produção de tecidos e materiais de higiene pessoal e de estética, tais como rolos de algodão e cotonetes. A madeira possui 50% de celulose que é usada principalmente na produção de papel.

A celulose presente na madeira é usada para se produzir papel


Por Jennifer Fogaça
Graduada em Química

As fibras de algodão contam com 98% de celulose em sua constituição
As fibras de algodão contam com 98% de celulose em sua constituição

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FOGAçA, Jennifer Rocha Vargas. "Celulose"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/celulose.htm. Acesso em 24 de janeiro de 2021.

Artigos Relacionados
Aprenda um pouco mais sobre os carboidratos, uma importante biomolécula. Neste texto, traremos um resumo sobre o tema, principais características e classificação.
Madeira, tecido lenhoso das árvores, polpa de celulose, rayon, alcatrão, tanino, acetato de celulose, curtimento de couro, trinitrato de celulose, algodão pólvora, fabricação de explosivos.
Classificação dos polímeros?
Classificação dos polímeros de adição e de condensação.
Material produzido a partir da mistura de celulose com ácido nítrico.
Os polímeros de condensação apresentam larga aplicação em nossa sociedade. Veja o que são esses polímeros, suas principais propriedades, exemplos e suas aplicações.
Conheça a classificação dos carboidratos em oses ou monossacarídeos e em osídeos (oligossacarídeos e polissacarídeos).
Conheça a fonte de obtenção da borracha natural, a produção das borrachas sintéticas, suas constituições e aplicações.