Topo
pesquisar

Diferença entre psiquiatra, psicólogo e psicanalista

Curiosidades

PUBLICIDADE

Muitas pessoas têm dúvidas sobre qual profissional procurar quando se quer tratar a saúde mental. Psicólogos, psiquiatras e psicanalistas são três profissões que trabalham com a mente humana, mas são distintas em alguns pontos e possuem abordagens diferentes. No entanto, os três profissionais podem atuar juntos no tratamento ou acompanhamento de um paciente.

Cada uma delas, dentro da sua área de atuação e com seu método de tratamento, busca garantir ao paciente o aumento da qualidade de vida e a promoção da saúde. Por isso, é importante conhecer cada uma delas para saber qual profissional procurar.

Leia também: Como a psicologia ajuda estudantes no período pré-vestibular e Enem

Psicólogo

O psicólogo é um profissional formado no curso de psicologia, no qual estuda cerca de cinco anos para concluir a graduação e, após a conclusão, deve ter seu registro no Conselho Regional de Psicologia (CRP) para que possa exercer a profissão.

Psicólogos podem atuar em atendimento individual ou em grupo.
Psicólogos podem atuar em atendimento individual ou em grupo.

O profissional de psicologia não é um médico e, por isso, não tem permissão para receitar remédios aos pacientes. Os psicólogos trabalham com a intervenção psicológica, sendo ela por meio da orientação, diálogo e aconselhamento. Uma das principais virtudes do psicólogo é saber ouvir.

A formação em psicologia pode ser ramificada para diversas linhas, inclusive a psicanálise, e, após o profissional ter seu CRP, ele se torna apto para atuar na área que escolher. O psicólogo pode fazer psicodiagnósticos, orientação vocacional, psicoterapia, tratamento de fobias e atuar em muitas outras áreas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O campo de atuação do psicólogo é vasto, podendo atuar em escolas, equipes esportivas, empresas, clínicas e hospitais. Na maioria das vezes, eles são procurados para atender pessoas que estão passando por algum tipo de transtorno comportamental, como crises emocionais, luto, problemas no trabalho ou relacionamentos, depressão, fobia e outros casos.

O psicólogo é o profissional encarregado de estudar o comportamento humano, fazendo análises por meio da observação e também da interação para tentar diagnosticar, prevenir e tratar doenças relacionadas ao sistema emocional.

O tratamento de um paciente por um psicólogo costuma ter longa duração, já que ele tenta desenvolver a capacidade das pessoas de entenderem as causas daquilo que acontece com elas e o impacto disso em seus comportamentos.

Quando o psicólogo nota que o paciente precisa usar medicamentos, como antidepressivos, ele faz o encaminhamento a um psiquiatra.

Leia também: Diferença entre doenças, síndromes e transtornos

Psiquiatra

Dos três profissionais citados neste artigo, o psiquiatra é o único que é médico. O psiquiatra forma-se em medicina e, posteriormente, especializa-se em psiquiatria. São cerca de nove a dez anos até que esse profissional possa concluir sua formação.

Profissionais podem trabalhar em conjunto no processo de tratamento de um paciente.
Profissionais podem trabalhar em conjunto no processo de tratamento de um paciente.

O médico psiquiatra, durante sua especialização, passa pelos setores de neurologia, emergências, clínica médica e outras para que possa aprender, na prática, a forma de estudar e tratar um paciente.

O trabalho do psiquiatra é um pouco mais abrangente, já que ele tem conhecimento sobre neurologia e psicofarmacologia e, por isso, tem a capacidade de compreender a questão biológica do problema apresentado pelo paciente.

Entre os profissionais que atuam no trabalho da mente humana, o único que pode prescrever medicação para o paciente é o psiquiatra. Quem estiver em tratamento com esse profissional, além do auxílio neurológico, também pode receber um auxílio medicamentoso.

Psicanalista

A psicanálise é um método terapêutico que foi proposto pelo médico neurologista Sigmund Freud, no século XX, com o objetivo de entender como funcionava a mente humana, em especial dos que tinham sofrimento mental. Freud pedia para que seus pacientes se deitassem em um sofá, o conhecido “divã”, de forma que eles pudessem sentir-se mais à vontade durante as consultas.

Representação de Freud e divã em museu de Londres [1]
Representação de Freud e divã em museu de Londres [1]

Como a psicanálise é uma linha terapêutica da psicologia, geralmente os psicanalistas são psicólogos que se especializam nesse tipo de terapia. Também é comum ter médicos que são psiquiatras e psicanalistas, podendo, nesse caso, receitar medicamentos.

No entanto, para ser um psicanalista, não é necessário ter formação em psicologia ou medicina. O psicanalista pode ser graduado em outras áreas distintas das que cuidam da saúde mental. A especialização em psicanálise dura, em média, dois anos.

O psicanalista utiliza associações livres, sonhos e materiais inconscientes do próprio paciente para poder auxiliá-lo em sua recuperação. Alguns psicanalistas utilizam a técnica da regressão, que consiste em instruir o paciente a buscar na sua mente o exato momento de sua vida que possa ter originado as emoções negativas.

Diferenças entre as profissões

É importante lembrar que os psicólogos e psiquiatras podem ser psicanalistas, mas nem todo psicanalista é um psicólogo ou psiquiatra, já que ele pode ter formação superior em outras áreas.

Veja as diferenças entre os três profissionais:

 

Formação

Psicólogo

Psiquiatra

Psicanalista

Psicologia

Medicina

(Com especialização em psiquiatria)

Não exige graduação específica, apenas especialização na área.

Atuação

Clínicas, hospitais, empresas, escolas etc.

Clínicas e hospitais

Clínicas

Tratamento

Várias linhas

Exames e medicações

Psicanálise

Públicos

Individual ou grupo

Individual

Individual ou grupo

Medicação

Não utiliza.

Pode receitar.

Não utiliza.

 

Créditos da imagem:

[1] Shutterstock/Yuri Turkov

 

Por Giullya Franco
Jornalista

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FRANCO, Giullya. "Diferença entre psiquiatra, psicólogo e psicanalista"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/psiquiatra-psicologo-psicanalista.htm. Acesso em 28 de março de 2020.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola