Topo
pesquisar

Contrastes nas favelas

Geografia do Brasil

Uma origem semelhante, espaço diversificado e características variadas constituem o espaço das favelas e seus contrastes.
PUBLICIDADE

O que é favela?

Segundo a definição do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), favela é um conjunto de domicílios com, no mínimo, 51 unidades, que ocupa, de maneira desordenada e densa, terreno de propriedade alheia (pública ou particular) e que não possui acesso a serviços públicos essenciais.

A partir desse entendimento, a favela é descrita por aquilo que não possui, e não pelo que é. É quase consenso descrever a favela por aquilo que lhe falta, além da homogeneização de um espaço diverso, que é encontrado em diferentes paisagens.

Como surgiram as favelas?

As primeiras favelas teriam surgido, no Brasil, no final do século XIX e início do século XX. Surgiram como resultado de uma série de fatores. A política governamental instalada no início do século XX, no Rio de Janeiro, tinha por objetivo eliminar do centro da cidade moradias precárias, como os cortiços, e enviou os cidadãos de baixa renda para áreas afastadas. O êxodo rural, a acelerada urbanização e a industrialização também apresentaram papel fundamental na origem das favelas.

As moradias na favela não são iguais. Enquanto algumas têm pouca estrutura, outras são feitas de alvenaria e materiais mais seguros
As moradias na favela não são iguais. Enquanto algumas têm pouca estrutura, outras são feitas de alvenaria e materiais mais seguros

Um espaço de soluções

Uma marca importante das favelas desde a sua origem é a presença de contrastes e ausência de apoio do Estado. Com isso, os moradores, que não possuíam infraestrutura básica, como água tradada, rede de energia elétrica e rede de esgoto, tiveram que encontrar soluções próprias para o seu cotidiano. A favela é essencialmente um espaço de problemas, mas, na mesma medida, um espaço de soluções. Seus moradores organizam-se de acordo com suas possibilidades e reinventam maneiras para minimizar as adversidades do dia a dia.

Ao contrário do que muitos imaginam, a maior parte da população das favelas está situada em locais planos, e não apenas em encostas e morros
Ao contrário do que muitos imaginam, a maior parte da população das favelas está situada em locais planos, e não apenas em encostas e morros

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A favela é quase sempre vista apenas como um espaço de exclusão, violência e pobreza. Esse esteriótipo não corresponde à realidade de um espaço tão diverso. Cada favela possui um nível de infraestrutura, violência e renda que a difere das outras. É o que ocorre nas cidades, que possuem características distintas umas das outras.

Até os dias de hoje os moradores das favelas necessitam buscar soluções para problemas antigos. Isso ocorre porque os governantes continuam encarando esses aglomerados urbanos como uma região não pertencente à cidade. Mantém-se a visão de que a favela é um mundo à parte. Essa visão limita os investimentos na organização do espaço das favelas, como limpeza urbana, espaços de lazer, energia elétrica, asfalto e transporte.

A favela é um aglomerado urbano cheio de contrastes. Violência e pobreza não devem representar a totalidade do conceito de favela
A favela é um aglomerado urbano cheio de contrastes. Violência e pobreza não devem representar a totalidade do conceito de favela

Superando os esteriótipos

Entender a favela como um espaço apenas de violência e criminalidade também é restringir as suas características a um único aspecto. Há violência e criminalidade também em outros espaços. A favela é mais uma parte da cidade e reflete o que acontece nela.

É verdade que há pessoas que habitam esse lugar apenas por necessidade ou falta de opção. Todavia, embora esses espaços de vivência tenham suas limitações, muitas pessoas identificam-se e têm orgulho de sua origem. Tanto é que muitos têm optado por utilizar o termo comunidade para referir-se à favela. Esse termo traz consigo a identificação com o grupo ao qual a pessoa se sente pertencente e não carrega os estigmas negativos relacionados com a palavra favela.

* Créditos da imagem: Nessa GnatoushShutterstock.com


Por Amarolina Ribeiro
Graduada em Geografia

As favelas são aglomerações urbanas que possuem características distintas umas das outras *
As favelas são aglomerações urbanas que possuem características distintas umas das outras *

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

RIBEIRO, Amarolina. "Contrastes nas favelas"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/brasil/contrastes-nas-favelas.htm. Acesso em 18 de setembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola