Topo
pesquisar

Periodo Ipotetico

Italiano

O período hipotético pode ser nominado na língua italiana como proposição condicional ou como oração subordinada condicional. É formado por dois períodos e a conjunção condicional mais comum num período hipotético é a conjunção “se”.
PUBLICIDADE

Significato: / Significado: * “Formato di due proposizioni di cui una (protasi) esprime una condizione, l’altra (apodosi) esprime una conseguenza (p.e. Se continuerà a piovere, dovremo rimandare la gita.).” / Formado por dois períodos onde um exprime uma condição, o outro exprime uma consequência (por exemplo: Se continuar a chover, precisaremos adiar o passeio.).

*Informação retirada do Dizionario Garzanti di Italiano.

Osservassione: / Observação:

Il periodo ipotetico può anche essere nominato alla lingua italiana come proposizione condizionale o come orazione subordinata condizionale. / O período hipotético pode também ser nominado na língua italiana como proposição condicional ou como oração subordinada condicional.

La congiunzione condizionale più comune al periodo ipotetico è la congiunzione se, però esistono altre. È possibile anche iniziare una frase condizionale, con locuzioni condizionali Vedi la tabella: / A conjunção condicional mais comum num período hipotético é a conjunção se, porém existem outras. É possível também iniciar uma frase condicional com locuções condicionais. Veja a tabela:

  • Qualora;
  • Purché;
  • Ove;
  • Posto che;
  • A condizione che;
  • A patto che;
  • Nel caso che;
  • Nell’eventualità che (ecc.)

Vedi gli esempi sotto e osserva il significato di ogni frase. Vedrai che quelle col verbo all’ indicativo rappresentano la realtà  e quelle che hanno la congiunzione se, più verbi al congiuntivo e al condizionale rappresentano un’ ipotesi. / Veja os exemplos abaixo e observe o significado de cada frase. Você verá que aquelas com o verbo no indicativo representam a realidade e aquelas que possuem a conjunção se mais verbos no subjuntivo e no futuro do pretérito representam uma hipótese.

Esempi: / Exemplos:

  Frase con verbo all’indicativo: / Frase com verbo no indicativo:

- Gianlucca è arrivato di sera. / Gianlucca chegou à noite.
- So tutta la verità. / Sei toda a verdade.

  Frase con la congiunzione se, più verbi al congiuntivo e al condizionale: / Frase com a conjunção se, mais verbos no subjuntivo e no futuro do pretérito:

- Se Gianlucca fosse qui ieri sera, Giulia sarebbe felice. / Se Gianlucca tivesse aqui ontem à noite, Giulia estaria feliz.
- Se io sapessi tutta la verità prima di Paolo, potrei aiutarlo. / Se eu soubesse toda a verdade antes de Paolo, eu poderia ajudá-lo.

Attenzione! / Atenção!

Vale a dire che la posizione al periodo ipotetico della condizione e della conseguenza, non è fissa. Il significato non cambia. Vedi gli esempi. / Vale dizer que a posição no período hipotético da condição e da consequência, não é fixa. O significado não muda. Veja os exemplos.

Esempi:/ Exemplos:

- Se Gianlucca fosse qui ieri sera, Giulia sarebbe felice.
- Giulia sarebbe felice, se Giunlucca fosse qui ieri sera.

Importante sapere che ci sono tre tipi di periodo ipotetico. Il primo – preriodo ipotetico della realtà, il secondo – periodo ipotetico della possibilità e il terzo – periodo ipotetico dell’impossibilità. Ognuno di loro ha un significato differente che conoscerai in altro momento. / Importante saber que existem três tipos de período hipotético. O primeiro – período hipotético da realidade, o segundo – período hipotético da possibilidade e o terceiro – período hipotético da impossibilidade. Cada um deles possui um significado diferente que você conhecerá em outro momento.


Isabela Reis de Paula
Colaboradora Brasil Escola  
Graduada em Letras com Habilitação em Português e Italiano
Pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ

 

Italiano - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PAULA, Isabela Reis de. "Periodo Ipotetico"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/italiano/periodo-ipotetico.htm>. Acesso em 30 de marco de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA