Topo
pesquisar

A gramática e suas divisões

Gramática

Os assuntos pertinentes à gramática pertencem a estudos específicos
Os assuntos pertinentes à gramática pertencem a estudos específicos
PUBLICIDADE

Sempre quando nos referimos à gramática, atribuímos a ela um conjunto de normas que regem o sistema linguístico. Por tal razão, estamos sempre em contato com os preceitos por ela determinados, em situações específicas (por exemplo, quando somos conduzidos a redigir acerca de algo ou mesmo nos ambientes escolares, enquanto aprendizes).

Contudo, normalmente não nos interessamos em saber se este ou aquele conteúdo com o qual estabelecemos familiaridade pertence a esta ou aquela parte da gramática. O fato é que os diversos assuntos por ela retratados pertencem a divisões específicas de estudo que, indubitavelmente, tornam-se passíveis ao nosso conhecimento. Sendo assim, o presente artigo tem por finalidade apontá-los, a fim de que estejamos a par de todas as características que os norteiam. Essas, por sua vez, são assim manifestadas:


Fonologia – Representa a parte cujo objetivo é estudar os menores elementos distintos, ora denominados de fonemas, que diferenciam o significado das palavras, bem como as sílabas que esses fonemas formam. Integrando a referida parte estão a ortoepia, a qual representa o estudo da articulação e pronúncia dos vocábulos, a prosódia, que se incumbe do estudo da acentuação tônica desses e a ortografia, que se preocupa com a forma pela qual as palavras são grafadas.



Nesse ínterim, destacamos o estudo das vogais, semivogais, consoantes, dígrafos, encontros vocálicos, encontros consonantais, classificação das sílabas quanto à tonicidade, quanto ao número apresentado mediante a divisão silábica, o emprego das letras, tendo em vista suas respectivas situações de uso, entre outros.


Morfologia – Tem por finalidade estudar a estrutura, a formação e os mecanismos de flexão das palavras. De acordo com tal intento, podemos dizer que as classes gramaticais representam o alvo principal, ou seja, o estudo dos substantivos, adjetivos, advérbios, pronomes, conjunções, interjeições, verbos, artigos, numerais e preposições.


Sintaxe – Compreende o estudo das relações que se estabelecem entre os termos da oração. Para tanto, divide-se em sintaxe das funções, a qual estuda a estrutura da oração e do período, e sintaxe das relações, priorizando a regência, a colocação pronominal e a concordância. Representam objeto de estudo os termos essenciais da oração (sujeito e predicado), termos integrantes (complementos verbais, complemento nominal, agente da passiva) e os termos acessórios (adjunto adnominal, adverbial, aposto e vocativo).
 

Por Vânia Duarte
Graduada em Letras
Equipe Brasil Escola

Gramática - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DUARTE, Vânia Maria do Nascimento. "A gramática e suas divisões "; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/gramatica/a-gramatica-suas-divisoes.htm>. Acesso em 21 de outubro de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA